• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2013.tde-12042013-105814
Documento
Autor
Nome completo
Olger de Souza Tornin
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Castro, Claudio Campi de (Presidente)
Barbosa, Marcello Henrique Nogueira
Fernandes, Artur da Rocha Correa
Guarniero, Roberto
Souza, Ricardo Pires de
Título em português
Avaliação do tendão quadríceps e ligamento patelar pela ultrassonografia e ressonância magnética em jogadores de futebol assintomáticos
Palavras-chave em português
Ligamento patelar
Ressonância magnética
Tendão quadríceps
Ultrassonografia
Resumo em português
INTRODUÇÃO: A ultrassonografia (US) e a ressonância magnética (RM) representam os principais métodos de diagnósticos por imagem na avaliação do mecanismo extensor do joelho. Há carência de trabalhos que avaliem por US e RM a presença de alterações no mecanismo extensor de jogadores de futebol assintomáticos. OBJETIVO: Avaliar, por meio de RM e US, o tendão quadríceps e o ligamento patelar de jogadores de futebol assintomáticos e dos participantes do grupo-controle. Identificar se há alterações de imagens ou lesões. Determinar se essas sofrem influências pelos seguintes critérios: canhoto ou destro, quanto à dominância ao chute, posição em campo, idade do atleta e tempo de prática esportiva. MÉTODO: Foram avaliados um total de 248 joelhos: 112 eram de 56 de jogadores de futebol assintomáticos e 136 eram do grupo-controle. O grupo composto por jogadores de futebol apresentava idades entre 14 e 34 anos. Já o grupo-controle era composto por indivíduos com idade também entre 14 e 34 anos, principalmente, universitários e funcionários do hospital, com gênero igual aos dos jogadores selecionados, mas sem atividades físicas de impacto, como vôlei, futebol e salto, por exemplo. RESULTADO: Constatou-se a presença de alterações de imagens ou de lesões em nove ligamentos patelares e apenas duas nos tendões quadríceps de jogadores de futebol assintomáticos, tanto pela US quanto pela RM, e nenhum caso alterado no grupo-controle. Houve concordância significativa entre RM e US quanto aos resultados obtidos. Além disso, os jogadores de futebol apresentaram anormalidades (alterações de imagens ou lesões) no tendão quadríceps ou no ligamento patelar significativamente (p<0,05) maior do que no grupo-controle; a idade média dos jogadores com alguma anormalidade é significativamente menor do que a dos jogadores sem lesão (p<0,003); o tempo médio de prática desportiva dos jogadores que apresentam anormalidade é menor do que o tempo médio dos jogadores que não têm anormalidade (p<0,001); os jogadores destros apresentaram anormalidades, enquanto que os jogadores canhotos não (p<0,05). Dentre os jogadores, há correlação entre mais alterações de imagem ou lesão de joelho e menor tempo como jogador e menor idade (R² de Nagelkerke = 0,700). Destros têm risco aumentado de ter anormalidade nas referidas estruturas (Razão de Chances = 15,204) quanto menor for o tempo como jogador de futebol. Os jogadores da defesa têm 4,76 vezes mais chance de desenvolver anormalidade do que atacantes e goleiros (p<0,04). CONCLUSÃO: Os jogadores de futebol assintomáticos apresentam anormalidades no tendão do quadríceps e ligamento patelar detectadas pela RM e US. As alterações estão relacionadas a menor idade, menor tempo de prática desportiva, ser destro e ser jogador de defesa
Título em inglês
Ultrasonography and magnetic resonance imaging for assessment of the quadriceps tendon and patellar ligament in asymptomatic soccer players
Palavras-chave em inglês
Magnetic resonance imaging
Patellar ligament
Quadriceps tendon
Ultrasonography
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Ultrasonography (US) and magnetic resonance imaging (MRI) are the main diagnostic imaging methods used in evaluation of the extensor mechanism of the knee. Theres a scarcity of works assessing alterations on the extensor mechanism of the knee of asymptomatic soccer players using US and MRI. OBJECTIVE: To assess, by means of MRI and US imaging, the quadriceps tendon and patellar ligament of asymptomatic soccer players and healthy control group; identify abnormal imaging findings or injuries; ascertain whether these are affected by leg dominance (left or right), field position, age, and time spent practicing the sport. METHOD: A total of 248 knees were evaluated: 112 of 56 asymptomatic soccer players and 136 of healthy controls. The players ages ranged from 14 to 34 years. The control group was composed mostly of college students and hospital staff members, also with ages between 14 and 34, matched for gender to the selected soccer players, and who did not engage in high-impact activities such as volleyball, soccer, or jumping. RESULTS: Abnormal imaging findings or injuries were detected, by US and MRI alike, in nine patellar ligaments and two quadriceps tendons of asymptomatic soccer players. No abnormal findings were detected in the control group. CONCLUSION: There was significant consistency between MRI and US findings. Soccer players were much more likely (p<0.05) to have abnormal imaging findings or injuries of the quadriceps tendon and patellar ligament as compared with the control group; the average age of players presenting some abnormality is significantly lower than of those without injuries (p<0.003); the average time spent practicing the sport for players presenting abnormalities is lower than those who dont present injuries (p<0.001); a correlation between the dominant leg and the affected knee was observed, with the players with a dominant right leg presenting injuries while the ones with a dominant left leg not showing abnormalities (p<0.05). Amongst the players there is a correlation between more abnormal imaging findings or injuries on the knee and less professional practicing time and age (Nagelkerke R² = 0.700).Players with a dominant right leg have an increased chance of presenting abnormalities on the quadriceps tendon and patellar ligament (Odds Ratio = 15.204) with a lower average time spent practicing the sport. Defense players have 4.76 times more chance to develop abnormalities than forward players and goalkeepers (p<0.04). CONCLUSION: The asymptomatic soccer players present abnormalities on the quadriceps tendon and patellar ligament identified using ultrasonography (US) and magnetic resonance imaging (MRI). The alterations are related with less age, less time of professional practice, right leg dominance and defense field position
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
OlgerdeSouzaTornin.pdf (858.49 Kbytes)
Data de Publicação
2013-04-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.