• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.5.2017.tde-04082017-102827
Documento
Autor
Nome completo
Rodolfo Anisio Santana de Torres Bandeira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Duarte, Ricardo Jordão (Presidente)
Gomes, Cristiano Mendes
Araújo, Luiz Henrique de Andrade
Jacomo, Alfredo Luiz
Título em português
Densidade das células intersticiais de Cajal como fator prognóstico em pacientes com estenose da junção pieloureteral
Palavras-chave em português
Células Intersticiais de Cajal
Doenças ureterias
Imuno-histoquímica
Obstrução ureteral
Peristaltismo
Proteínas proto-oncogênicas ckit
Resumo em português
As células intersticiais de Cajal (CIC) têm sido estudadas como participante do peristaltismo em vários sistemas. Sua presença no trato geniturinário pode sustentar a importância dessas células na fisiopatologia da estenose da junção ureteropielica (JUP). O Objetivo desse estudo foi avaliar a densidade das CIC em pacientes adultos e no final da adolescência, portadores de estenose da JUP, submetidos à pieloplastia e verificar se há associação entre a densidade das CIC com os achados clínicos e de imagem pré e pós-operatórios, notadamente ultrassonografia e cintilografia renal. Foram estudados 23 pacientes com estenose da JUP, submetidos à pieloplastia desmembrada pela técnica videolaparoscópica na Divisão de Clínica Urológica do Departamento de Cirurgia do HCFMUSP, de forma consecutiva, pelo mesmo grupo de cirurgiões, no período entre fevereiro de 2011 a janeiro de 2012. Foi realizada análise imunohistoquímica para expressão do receptor de tirosina quinase (c-KIT) em todas as amostras das JUP e quantificada a densidade das CIC. Os pacientes foram acompanhados periodicamente para avaliação da resposta clínica e dos exames de imagem. Foi encontrado que a média de idade da amostra foi de 34,83 anos. Houve predomínio do gênero masculino (56,5%). O rim direito foi o mais acometido (56,5%). A hidronefrose grave foi identificada na maioria dos pacientes (52,2%). A média da função renal do rim acometido estimada pela cintilografia, pré e pós-operatória foi de respectivamente, 33,7 e 33,4%. Dos 23 pacientes, 20 apresentaram melhora do padrão cintilográfico de drenagem ureteral. Houve predomínio de pacientes que apresentavam alta densidade das CIC (52,2%). Houve significância estatística quando associado a densidade das CIC e a melhora do padrão ultrassonográfico (p= 0,032). Contudo, não houve associação entre a densidade das CIC e as outras variáveis clínicas ou de imagem. Pode-se concluir que a densidade das CIC pode ser um bom preditor da resposta ultrassonográfica pósoperatória em pacientes adultos com estenose da JUP submetidos à pieloplastia
Título em inglês
Density of interstitial cells of Cajal as a prognostic factor in patients with ureteropelvic junction obstruction
Palavras-chave em inglês
C-Kit proto-oncogene proteins
Immunohistochemistry
Interstitial cells of cajal
Peristalsis
Ureteral obstruction
Ureteral diseases
Resumo em inglês
The interstitial cells of Cajal (ICC) have been studied as peristalsis participating in various systems. Its presence in the genitourinary tract can sustain the importance of these cells in the pathophysiology of ureteropelvic junction obstruction (UPJO). The aim of this study was to evaluate the density of ICC in adults and in the late adolescence patients with UPJO, undergoing pyeloplasty and to check if there is association of changes in the ICC density with clinical findings, as well as pre and postoperative images, especially ultrasound and diuretic radioisotope renography. We selected 23 patients with UPJO, undergoing laparocopic dismembered pyeloplasty in the Urology Division of the HC-FMUSP Department of Surgery, consecutively, by the same group of surgeons in the period between February 2011 and January 2012. It was performed immunohistochemical analysis for tyrosine kinase receptor expression (c-KIT) in all samples of UPJO quantified the ICC density. The patients were followed up periodically to evaluate the clinical response and imaging. The average age of the sample was 34.83 years. There was a predominance of males (56.5%). The right kidney was the most affected (56.5%). Severe hydronephrosis was identified in most patients (52.2%). The average renal function affected estimated by diuretic radioisotope renography, pre and post-operative was respectively 33.7 and 33.4%. Of the 23 patients, 20 had an improvement on diuretic radioisotope renography pattern of ureteral drainage. There was a predominance of patients with high ICC density (52.2%). There was statistical significance when associated with ICC density and the improvement of ultrasonographic pattern (p = 0.032). However, there was no association between the ICC density and other clinical or imaging variables. It can be concluded that the density of the ICC maybe a good predictor of post-operative ultrasound response in adult patients with UPJO undergoing pyeloplasty
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.