• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2012.tde-27072012-142437
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Izidro Balestro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Fernandes, Fernanda Dreux Miranda (Presidente)
Navas, Ana Luiza Pereira Gomes Pinto
Wertzner, Haydée Fiszbein
Título em português
Dificuldades comunicativas percebidas por pais e/ou cuidadores de crianças do espectro do autismo: um questionário de levantamentos
Palavras-chave em português
Autismo infantil
Comunicação
Fonoaudiologia
Pais
Questionários
Resumo em português
As alterações comunicativas têm sido descritas em muitas pesquisas como sendo uma das primeiras preocupações dos pais de crianças do espectro do autismo, além de serem consideradas parâmetro de diagnóstico e indicações de intervenções terapêuticas. O objetivo deste estudo foi, a partir da percepção dos pais e/ou cuidadores, buscar compreender as variáveis relevantes quanto às dificuldades comunicativas percebidas por eles. Considera-se que a interpretação e a atitude dos pais frente aos comportamentos, não somente das crianças, mas também das outras pessoas, tenha influência no processo comunicativo da díade. O questionário envolve aspectos fundamentais para o relacionamento interpessoal, tanto no âmbito comunicativo quanto social. Ele é dividido em 24 questões fechadas que abrangem quatro domínios (impressão dos pais sobre si mesmos, em relação às outras pessoas, em relação a seus filhos e atitudes dos pais em relação a seus filhos) e uma questão aberta. Neste estudo o questionário foi aplicado a um grande grupo de pais e/ou cuidadores em diferentes regiões do Brasil e as variáveis sociodemográficas consideradas foram idade da criança, posição entre outros irmãos; idade e nível de escolaridade dos cuidadores. Os resultados foram estatisticamente analisados e indicaram que, de uma forma geral, os dados sociodemográficos não apresentaram relação significativa com as respostas obtidas no questionário. Em relação aos domínios, a impressão dos pais a respeito das reações das outras pessoas às manifestações de seus filhos originou a maior parte das dificuldades relatadas. Três questões específicas destacaram-se como aquelas em que houve um volume significativo de concordâncias: elas dizem respeito à dificuldade de comunicação das outras pessoas com a criança, hábitos de comunicação da díade e preocupação com o futuro e a falta de informações a respeito do tema. O tratamento dos dados possibilitou identificar as dificuldades recorrentes apontadas pelos cuidadores. Caberá ao fonoaudiólogo usar essas informações e, ao mesmo tempo, valorizar o há de individual e peculiar a cada família nos processos de orientação.
Título em inglês
Communication difficulties perceived by parents/caregivers of children of the autism spectrum: a survey questionnaire
Palavras-chave em inglês
Austistic disorder
Communication
Communication sciences and disorders
Parents
Questionnaires
Resumo em inglês
Communication disorders have been described in several studies as one of the first worries of autism spectrum children's parents and also as a diagnostic and therapeutic intervention parameter. The aim of this study was to, based on the perception of parents and caregivers, understand the relevant variables of the communication difficulties they undergo. It is considered that their interpretation and attitudes towards the child's behavior and also towards other people's behavior influences the communication processes. The questionnaire that was used involves fundamental aspects of the interpersonal relationship in the communicative as well as in the social domain. It has 24 multiple choice questions about four domains (parents' impressions about themselves, about other people and about their children and parent's attitudes about their children) and one open question. In this study the questionnaire was applied to a great number of parents and caregivers from different regions of Brazil and the social-demographic variables considered were child's age and position among peers; parents' or caregivers' age and educational level. The results were statistically analyzed and show that generally the social demographic data are not related to the presented answers. In what refer to the domains, the parents/caregivers impressions about other people's reactions to their children's behavior produced most of the reported difficulties. Three specific questions are highlighted as the ones with the largest agreement rates: they refer to the difficulties to communicate with other people, the dyad's communication habits and worries about the future and lack of information about the issue. The data analysis allowed the identification of recurrent difficulties pointed out by parents/caregivers. The speech-language pathologist should use this information and, at the same time consider aspects that are individual and peculiar to each dyad during the orientation processes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-07-31
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • BALESTRO, Juliana Izidro, and Fernandes, Fernanda Dreux Miranda. Questionário sobre dificuldades comunicativas percebidas por pais de crianças do espectro do autismo [doi:10.1590/S1516-80342012000300008]. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia [online], 2012, vol. 17, p. 279-286.
  • FERNANDES, F. D. M., et al. Orientação a mães de crianças do espectro autístico a respeito da comunicação e linguagem. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia , 2010, vol. 23, p. 01-07.
  • Fernandes, Fernanda Dreux Miranda, et al. Orientação a mães de crianças do espectro autístico a respeito da comunicação e linguagem [doi:10.1590/S2179-64912011000100004]. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Jornal [online], 2011, vol. 23, p. 1-7.
  • Santos, Thaís Helena Ferreira, et al. Comparação dos instrumentos Childhood Autism Rating Scale e Autism Behavior Checklist na identificação e caracterização de indivíduos com distúrbios do espectro autístico [doi:10.1590/s2179-64912012000100018]. Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia. Jornal [online], 2012, vol. 24, p. 104-106.
  • BALESTRO, Juliana Izidro, and FERNANDES, F. D. M. Communictive Difficulties of Parents of Autistic Children. In 2012 ASHA Convention - Opportunities and Outcomes, Atlanta, 2012. 2012 ASHA Convention - Opportunities and Outcomes.Atlanta : American speech-Language-Hearing Association, 2012. Abstract.
  • BALESTRO, Juliana Izidro, e FERNANDES, F. D. M. Desenvolvimento e aplicação de um questionário de dificuldades comunicativas percebidas por cuidadores de crianças do espectro autístico. In 18º Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Curitiba, 2010. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia - Suplemento., 2010. Resumo.
  • BARBOSA, Milene Rossi Pereira, et al. Comportamento repetitivo de crianças autistas. In 18º Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Curitiba, 2010. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia - Suplemento., 2010. Resumo.
  • BARBOSA, Milene Rossi Pereira, et al. Play situations in Language Therapy with ASD Children & Adolescents. In ASHA Convention, San Diego, 2011. Beacons of Inspiration: Innovation to Action., 2011. Abstract.
  • FERNANDES, F. D. M., and BALESTRO, Juliana Izidro. Parents' difficulties with communication with children with autism spectrum disorders. In ASHA Convention, Philadelphia, 2010. ASHA making effective communication, a human right, accessible and achievable for all.Philadelphia : American Speech-Language-Hearing Association, 2010.
  • SANTOS, Thaís Helena Ferreira, et al. Comparação entre as respostas do childhooh autism rank scale e do autism behavior checklist de indivíduos com Transtornos do Espectro Autístico. In 18º Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Curitiba, 2010. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia - Suplemento., 2010.
  • SANTOS, Thaís Helena Ferreira, et al. Comparação entre o Childhood Autism Rating Scale (CARS), o Autism Behavior Checklist (ABC) e a Interatividade de crianças e adolescentes do espectro autístico. In 10º Congresso da Fundação Otorrinolaringologia, Gramado, 2011. 10º Congresso da Fundação Otorrinolaringologia.São Paulo, 2011.
  • SANTOS, Thaís Helena Ferreira, et al. Comparing the use of CARS & ABC with Autistic Individuals. In ASHA Convention, San Diego, 2011. Beacons of Inspiration: Innovation to Action., 2011. Abstract.
  • SANTOS, Thaís Helena Ferreira, et al. Perfil da escolaridade dos pacientes atendidos no Laboratório de Investigação Fonoaudiológica dos Distúrbios do Espectro Autístico (LIF-DEA) da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. In 17o Congresso Brasileiro e 1o Congresso Ibero-Americano de Fonoaudiologia, Salvador, 2009. Anais (Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia)., 2009. Resumo. Dispon?vel em: http://www.meiosegundo.com.br/teste/anais2009/anais_select.php?op=buscaresultado&cid=1826&tid=1.
  • SANTOS, Thaís Helena Ferreira, et al. Sequência lógico-temporal em autistas verbais: uma comparação entre narrativa eliciada e livre. In 17o Congresso Brasileiro e 1o Congresso Ibero-Americano de Fonoaudiologia, Salvador, 2009. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia - Suplemento Especial., 2009. Resumo. Dispon?vel em: http://www.meiosegundo.com.br/teste/anais2009/anais_select.php?op=buscaresultado&cid=1828&tid=1.
  • DEFENSE-NETRVAL, D. A., et al. Plano terapêutico Fonoaudiológico (PTF) de orientações aos pais de crianças autistas. In Pró-Fono. Planos Terapêuticos Fonoaudiológicos (PTFs). Organizador. Barueri : Pró-Fono, 2012{Volume}. cap. 1, p. 223-228.http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-27072012-142437/
  • FERNANDES, F. D. M., et al. Addressing Communication Difficulties of Parents of Children of the Autism Spectrum. In Prof. Michael Fitzgerald. Recent Advances in Autism Spectrum Disorders. Organizador. Dublin : INTECH, 2013{Volume}. chap. 1, p. 681-688.http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5162/tde-27072012-142437/
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.