• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2013.tde-29082013-141630
Documento
Autor
Nome completo
Larissa Mayumi Yokoyama
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Casarotto, Raquel Aparecida (Presidente)
Ferrari, Raquel Agnelli Mesquita
Ferreira, Elizabeth Alves Gonçalves
Título em português
Comparação entre as frequências baixa e alta da estimulação elétrica nervosa transcutânea na prenhez da camundonga Swiss
Palavras-chave em português
Anormalidades congênitas
Camundongos
Desenvolvimento fetal
Estimulação elétrica nervosa transcutanea
Feminino
Gravidez
Resumo em português
Introdução: A estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS) é uma modalidade terapêutica analgésica, não invasiva e que não apresenta interação com medicamentos. É definida como qualquer dispositivo de estimulação que emita correntes elétricas através da superfície intacta da pele. É utilizada por fisioterapeutas para o manejo sintomático de dor aguda ou crônica em locais de atendimento à saúde. Objetivo: Avaliar os efeitos da estimulação elétrica nervosa transcutânea de baixa e alta frequência sobre o abdome gravídico da camundonga Swiss durante toda a prenhez. Métodos: Trinta camundongas prenhas, pesando 20 a 36 gramas, da linhagem Swiss, foram divididas ao acaso em três grupos (n=10): grupo placebo (P), onde os animais foram submetidos à simulação da eletroestimulação com o aparelho devidamente desligado, diariamente por 20 minutos, a partir do dia zero até o 20° dia da prenhez; grupo experimental baixa frequência (BF), onde os animais foram submetidos ao tratamento por eletroestimulação diariamente por 20 minutos, a partir do dia zero até o 20° dia da prenhez com o aparelho previamente programado com os seguintes parâmetros: frequência baixa de 10 Hertz (Hz), duração de pulso de 200 microssegundos (?s) e a intensidade sensorial foi considerada a partir de 2.0 miliamperes (mA); grupo experimental alta frequência (AF), no qual os animais foram submetidos ao tratamento da eletroestimulação diariamente por 20 minutos, a partir do dia zero até o 20° dia da prenhez com o aparelho previamente programado com os seguintes parâmetros: frequência alta de 150 Hz, duração de pulso de 200 ?s e a intensidade sensorial foi considerada a partir de 2.0 mA. As camundongas foram pesadas no dia zero, 7°, 14° e 20° dia para verificar o ganho ponderal semanal. No 20º dia as camundongas do grupo P, BF e AF foram anestesiados com xilazina e ketamina na dosagem de 0,1 mg/kg e 0,2 mg/kg, respectivamente, e sacrificadas para verificar o número de implantações, reabsorções, de fetos, de placentas e malformações fetais maiores e externas. Resultados: Não houve diferenças estatisticamente significantes ao analisar os ganhos ponderais semanais das matrizes (zero, sétimo, 14° e 20°), número de fetos, placentas, reabsorções, implantações e malformações comparando os dados do grupo placebo e os experimentais. Conclusões: As camundongas submetidas ao tratamento com a TENS de baixa e alta frequência, sobre o abdome gravídico, não apresentaram efeitos deletérios ou teratogênicos
Título em inglês
Comparison between the low and high frequencies of transcutaneous electrical nerve stimulation on pregnancy of mice Swiss
Palavras-chave em inglês
Congenital abnormalities
Female
Fetal development
Mice
Pregnancy
Transcutaneous electric nerve stimulation
Resumo em inglês
Introduction: The transcutaneous electric nerve stimulation (TENS) is a non-invasive analgesic therapeutic modality, and does not present interaction with drugs. It is defined as any stimulation device that transmits electrical currents through the intact skin surface. It is used by physical therapists for the symptomatic management of acute or chronic pain of benign origin in health care facilities. Aim: To assess the effects of low and high frequencies of Transcutaneous Electric Nerve Stimulation (TENS) on the pregnant abdomen of albine female mice over the pregnancy period. Methods: Thirty pregnant mice, weighting between 20 to 36 grams, of the Swiss lineage were randomly divided in three groups (n=10): Placebo group (P), in which the animals were submitted to a daily electric stimulation treatment with the device unplugged, for 20 minutes, from day zero until the 20th day of pregnancy; Low Frequency Experimental group (LF), in which the animals were submitted to a daily electric stimulation treatment, for 20 minutes, from day zero until the 20th day of pregnancy and the device was previously set up with the following parameters: low frequency 10 Hertz (Hz), 200 microseconds pulse (?s) length and the sensorial intensity will be considered from 2.0 milliamperes (mA) and up, High Frequency Experimental group (HF), in which the animals were submitted to a daily electric stimulation treatment for 20 minutes from day zero until the 20th day of pregnancy and the device was set up with the following parameters: high frequency 150 Hz, 200 ?s length and the sensorial intensity will be considered from 2.0 mA and up. The mice were weighed on day zero, 7th, 14th and 20th days in order to check the weekly pondered weight gain. On the 20th day the mice of the P, LF and HF groups were anesthetized with xylazine and ketamine with a dosage of 0,1 mg/kg and 0,2 mg/kg, respectively. After that, the mice were sacrificed in order to check the number of implantations, reabsorptions, fetus, placenta and major and external fetal malformations. Results: There were no significant statistic differences when analyzing the weekly pondered gain of the matrices (zero, 7th, 14th, 20th), number of fetus, placenta, reabsorptions, implantations and malformations and comparing data of the placebo group to the experimental groups. Conclusions: The mice submitted to the low and high frequency TENS treatment on the pregnant abdomen do not presented neither deleterious nor teratogen effects
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-09-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.