• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.5.2014.tde-09122014-140833
Documento
Autor
Nombre completo
Guilherme Sauniti Lopes
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2014
Director
Tribunal
Moura, Eduardo Guimarães Hourneaux de (Presidente)
Buchpiguel, Carlos Alberto
Chaim, Elinton Adami
Michelone, Paulo Roberto Teixeira
Sakai, Paulo
Título en portugués
Efeitos do dispositivo temporário de exclusão duodenojejunal sobre o esvaziamento gástrico de pacientes obesos e diabéticos tipo 2
Palabras clave en portugués
Cintilografia
Diabetes mellitus tipo 2/cintilografia
Duodeno/cirurgia
Endoscopia do sistema digestório
Esvaziamento gástrico
Obesidade
Resumen en portugués
INTRODUÇÃO: Obesidade é, hoje, considerada uma pandemia, com cerca de 500 milhões de obesos no mundo, com cerca de 2,8 milhões de mortes por ano. A cirurgia de bypass gástrico é um importante tratamento para obesidade, porém, não é isenta de riscos. O dispositivo temporário de exclusão duodeno jejunal - DTED (EndoBarrier Gastrointestinal Liner® GIDynamics, Inc. Lexington, MA), apresenta-se como uma nova forma de tratamento endoscópico da obesidade. Apesar dos bons resultados, os mecanismos de ação do DTED ainda não foram estudados, podendo as alterações humorais e do esvaziamento gástrico promovidas, ser os principais responsáveis pelos resultados obtidos. OBJETIVO: Estudar as alterações promovidas pelo DTED no esvaziamento gástrico, e a relação destas alterações com os resultados clínicos de perda de peso e controle do diabetes tipo 2. MÉTODOS: Vinte e cinco obesos e com diabetes tipo 2, que fizeram uso do DTED por período mínimo de 16 semanas e máximo de 24 semanas, realizaram teste de esvaziamento gástrico cintilográfico, antes, durante a 16ª semana de uso e após 4 semanas de retirada do DTED. Foram obtidas medidas de peso e hemoglobina glicada. As médias e desvio-padrão de retenção gástricas foram obtidas e comparadas entre os três exames realizados, e, após, comparados entre os pacientes que obtiveram e os que não obtiveram melhora no parâmetro clínico selecionado (perda de peso maior que 10%, e hemoglobina glicada menor que 7%). Também se avaliou subjetivamente a sensação de saciedade e quantidade de alimento ingerido durante a 16ª semana de uso do dispositivo. RESULTADOS: Quando avaliadas médias de retenção, nota-se que, na 16ª semana de uso, há maior retenção para a primeira, segunda e quarta horas quando comparados ao baseline (1ª h 74 ± 16,3 % p=0,001, 2ª h 45 ± 25% p < 0,001; 4ª 15 ± 15,8% p < 0,001). Não há diferença estatística entre as retenções na 16ª semanas entre os pacientes que atingiram e os que não atingiram o controle do diabetes (p=0,73), entre os que perderam mais de 10% de peso e os que não perderam (p=0,275). Durante a 16ª semana de uso, 23 pacientes (92%) referiram maior sensação de saciedade precoce e maior saciação, e todos referiram comer em menor volume de em relação ao período prévio à colocação do dispositivo. CONCLUSÕES: O DTED causa lentificação no esvaziamento gástrico, reversível após sua retirada, porém esta alteração no esvaziamento gástrico, mesmo sendo sintomática, com aumento de saciedade e saciação, e com diminuição do volume de alimento ingerido, não tem relação com a perda de peso e melhora do diabetes
Título en inglés
Effects of temporary duodenojejunal exclusion device on Gastric Emptying of obese and type 2 diabetic patients
Palabras clave en inglés
Diabetes mellitus type 2/radionuclide imaging
Duodenum/surgery
Endoscopy digestive system
Gastric emptying
Obesity
Radionuclide imaging
Resumen en inglés
INTRODUCTION: Obesity is now considered a pandemic, with about 500 million obese worldwide, with about 2.8 million deaths per year. The gastric bypass surgery is an important treatment for obesity, however, not without risks. The temporary duodenal jejunal exclusion device - DTED (EndoBarrier ® Gastrointestinal Liner GIDynamics, Inc. Lexington, MA), presents itself as a new form of endoscopic treatment of obesity. Despite the good results, the mechanisms of action of DTED have not been studied, and the humoral changes and changes in gastric emptying promoted by the device maybe are the main mechanisms of action of the device. OBJECTIVE: To study the changes introduced by DTED in gastric emptying, and the relationship of these changes with clinical outcomes of weight loss and control of type 2 diabetes. METHODS: Twenty five obese patients with type 2 diabetes who used the DTED for a minimum of 16 weeks and maximum 24 weeks underwent a scintigraphic gastric emptying test, before, during the 16th week of treatment and after 4 weeks of withdrawal the DTED. Measurements of weight, glycated hemoglobin were obtained. The mean and standard deviation of gastric retention were obtained and compared between the three tests, and after, compared between patients who were and those who showed no improvement in selected clinical parameters (weight loss greater than 10%, and lower glycated hemoglobin 7%). Also, a subjective evaluation of the feeling of satiety and amount of food ingested during the 16 weeks of device use was done. RESULTS: When evaluated average retention , we note that in the 16th week of use there is greater retention for the first, second and fourth hour compared to baseline (1st h 74 ± 16.3 % p = 0.001, 2nd h 45 ± 25 % p < 0.001 4th 15.8 ± 15 %, p < 0.001). There is no statistical difference among patients who achieved and those who have not reached the control of diabetes (p = 0.73) or among those who lost more than 10 % by weight and not lost (p = . 0.275) during the 16th week of treatment , 23 patients (92%) reported greater sense of early satiety and satiation greater, and all reported eating less volume of food in relation to the period prior to devide placement. CONCLUSIONS: The DTED cause delay in gastric emptying, reversible after withdrawal, though this change in gastric emptying, even being symptomatic with increased satiety and satiation , decreasing the volume of food ingested , has no relation to weight loss and improved diabetes
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2014-12-09
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.