• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Esteban Horacio Gonzalez Dominguez
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Andraus, Wellington (Presidente)
Malbouisson, Luiz Marcelo Sá
Martino, Rodrigo Bronze de
Pessôa, Mário Guimarães
Título em português
Avaliação da disfunção precoce do enxerto pela taxa de depuração plasmática do verde de indocianina no pós-operatório imediato de transplante hepático
Palavras-chave em português
Falência hepática
Sobrevida do enxerto
Transplante de fígado
Resumo em português
INTRODUÇÃO: O Transplante de fígado evoluiu nas últimas décadas, sempre em busca de melhorar a sobrevida do paciente e do enxerto. Importante causa de morbi-mortalidade é a disfunção precoce do enxerto (DPE) e o não funcionamento primário do enxerto (NFP). Diversos biomarcadores vem sendo estudados, porém ainda não há um consenso. Com isso tivemos a hipótese científica de avaliar e quantificar a função hepática avaliada pele verde de indocianina (VI) após o transplante de fígado. OBJETIVO: Avaliar a disfunção precoce do enxerto pela taxa de depuração plasmática do (VI) no pós-operatório imediato de transplante hepático. MÉTODO: Estudo clinico, de julho de 2014 a junho de 2015, prospectivo e observacional. Um total de 40 pacientes fizeram parte desta análise pela pulso-densitometria, usando o sistema de Limon (Impulse Medical System, Munique, Alemanha). Foram avaliados também o índice de risco de doadores (DRI), os critérios de Wagener e de Olthoff e preditores prognósticos pós-transplante de fígado. Todos os testes realizados levaram em consideração um alfa bidirecional de 0,05 e intervalo de confiança (IC) de 95% e foram realizados com apoio computacional dos softwares IBM SPSS 25 (Statistical Package for the Social Sciences) e Excel 2016® (Microsoft Office). RESULTADOS: Um total de 40 pacientes foram avaliados. A idade média foi de 53 anos e a maioria do sexo masculino (70%). A etiologia da cirrose mais comum foi hepatite por vírus C (42,5%). Os pacientes eram Child C em 45% dos casos. A taxa de retenção o verde de indocianina em 15 minutos (R15) permaneceu aumentada nos dias 1 e 3 de pós operatório ( > 10%) e normalizou no 7º dia de pós operatório ( < 10%). A taxa de depuração manteve valores normais, com 18,5% no 1º dia; 20,3 no 3º e 20,4 no 7º dia pós operatório. A comparação com os critérios de Olthoff e Wagener não mostrou diferença estatística (p=0,467 e p=0,178). Na comparação com DRI > 1,5 encontrou-se p=0,066, e com desfecho negativo (Perda do enxerto ou óbito) em p=0,063. A depuração do verde de indocianina mostrou relação significativa com o grau de lesão histológica pós isquemia e reperfusão (p=0,030). CONCLUSÃO: A reserva funcional hepática apresenta-se diminuída no pós operatório recente de transplante de fígado com melhora ao final da primeira semana. A depuração hepática do verde de indocianina não relaciona-se com a disfunção precoce do enxerto avaliada pelos critérios de Oltoff e Wagener. Por outro lado ela tem uma relação significativa inversamente proporcional ao grau da lesão hepática pós isquemia e reperfusão
Título em inglês
Evaluation of early graft dysfunction by indocyanine green plasma clearance rate in the immediate postoperative period of liver transplantation
Palavras-chave em inglês
Graft survival
Hepatic failure
Liver transplantation
Resumo em inglês
INTRODUCTION: Liver transplantation has evolved in the last decades, alway seeking to improve patient and graft survival. Important cause of morbidity and mortality is early graft dysfunction (EGD) and primary non-graft function (NGF). Several biomarkers have been studied, but there is still no consensus. With this we had the scientific hypothesis to evaluate and quantify the hepatic function evaluated by indocyanine green (IG) after liver transplantation. OBJECTIVE: To evaluate the early graft dysfunction by the plasma clearance rate of (IG) in the immediate postoperative period of liver transplantation. METHOD: Clinical study, from July 2014 to June 2015, prospective and observational. A total of 40 patients were part of this analysis by pulse-densitometry, using the Limon system (Impulse Medical System, Munich, Germany). Donor risk index (DRI), Wagener and Olthoff criteria, and prognostic predictors after liver transplantation were also evaluated. All the tests performed into account a bidirectional Alpha of 0.05 and a 95% confidence interval (CI) and were performed with computational support of the software IBM SPSS 25 (Statistical Package for the Social Sciences) and Excel 2016 (Microsoft Office). RESULTS: A total of 40 patients were evaluated. The mean age was 53 years and the majority of them was male (70%). The most common etiology of cirrhosis was C virus hepatitis (42.5%). The patients were Child C in 45% of cases. The indocyanine green retention rate in 15 minutes (R15) was increased on days 1 and 3 postoperatively ( > 10%) and normalized on the 7th postoperative day ( < 10%). The ICG clearance rate maintained normal values, with 18.5% in the 1st day; 20.3 in the 3rd and 20.4 in the 7th postoperative day. The comparison with Olthoff and Wagener criteria showed no statistical difference (p=0,467 e p=0,178). In the comparison with DRI > 1.5 a p = 0.066 was found; and with negative outcome (Loss of graft or death) a p = 0.063 was found. The clearance of indocyanine green showed a significant relation with the degree of histological lesion after ischemia and reperfusion (p = 0.030). CONCLUSION: The liver functional reserve is decreased in the recent postoperative period of liver transplantation with improvement at the end of the first week. Hepatic clearance of indocyanine green is not related to early graft dysfunction assessed by Oltoff and Wagener criteria. On the other hand, it has a significant relationship inversely proportional to the degree of ischemia and reperfusion hepatic injury
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-08-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.