• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.5.2014.tde-01042014-091354
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula Ritto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Andrade, Claudia Regina Furquim de (Presidente)
Juste, Fabiola Staróbole
Yasuda, Claudia Fassin Arcuri
Título em português
Impacto do uso do SpeechEasy nos parâmetros acústicos e motores da fala de indivíduos com gagueira
Palavras-chave em português
Acústica da fala
Fonoaudiologia
Gagueira
Medida da produção da fala
Voz
Resumo em português
INTRODUÇÃO: Visando compreender quais são os possíveis efeitos do uso de dispositivos de alteração de feedback auditivo (AFA) sobre a fala, principalmente no que diz respeito às habilidades neuromotoras e à naturalidade de fala, o objetivo deste estudo foi verificar, por meio da análise acústica, as possíveis variações nas habilidades motoras da fala em adultos com gagueira e fluentes com o uso do SpeechEasy. MÉTODOS: Os participantes deste estudo foram 20 adultos, 10 com gagueira (9 do sexo masculino e 1 do sexo feminino - idade média de 30,9 anos) e 10 controles fluentes (9 do sexo masculino e 1 do sexo feminino - idade média de 25,2 anos). O estudo comparou o desempenho dos participantes em quatro tarefas: fala espontânea, diadococinesia alternada, diadococinesia sequencial e emissão de frase alvo, em duas situações distintas: uma sem o dispositivo e uma com o dispositivo. Os aspectos analisados acusticamente foram: (1) para as tarefas de diadococinesia: duração das sílabas, período médio entre as sílabas, pico de intensidade e taxa de diadococinesia, (2) para a tarefa de emissão da frase alvo: tempo de reação, duração do VOT, duração total da emissão, frequência fundamental e intensidade, em cada uma das condições de teste. RESULTADOS: Com relação à comparação entre grupos, apenas a tarefa de fala espontânea apresentou diferença significativa (p < 0,001). Com relação à comparação intragrupo do desempenho entre as duas condições de teste, novamente foram observadas diferenças significativas somente na tarefa de fala espontânea. Nesta tarefa, o uso do dispositivo de AFA resultou em melhora significativa da fluência de fala, medida pela porcentagem de sílabas gaguejadas (p=0,014), para o grupo com gagueira. Por outro lado, para o grupo de fluentes, o dispositivo produziu o efeito oposto (ou seja, aumento significativo - p=0,046 - na frequência de rupturas gagas com o uso do dispositivo). A análise estatística dos aspectos acústicos das tarefas de diadococinesia e emissão da frase alvo não indicou diferença significativa nas comparações intra e intergrupos. CONCLUSÕES: Os resultados indicaram que, para o grupo de adultos com gagueira, o uso de dispositivo SpeechEasy ocasionou em melhora na fluência, sem interferir na naturalidade de fala
Título em inglês
The effect of SpeechEasy on acoustic and motor speech parameters of adults who stutter
Palavras-chave em inglês
Speech language and hearing sciences
Speech acoustics
Speech production measurement
Stuttering
Voice
Resumo em inglês
INTRODUCTION: In order to understand the possible effects of the use of altered auditory feedback (AAF) devices on speech, especially with regard to neuromotor skills and speech naturalness, the purpose of this study was to use acoustic analysis to investigate possible changes on speech motor skills with the use of SpeechEasy, in adults who stutter and fluents. METHODS: Participants for this study were 20 adults, 10 with stuttering (9 males and 1 female - mean age 30.9 years) and 10 fluent controls (9 males and 1 female - mean age 25.2 years). The study compared the performance of participants in four tasks: spontaneous speech, alternate motion diadochokinesis, sequential motion diadochokinesis and utterance of a target sentence, in two different situations: one without and one with the device. The aspects acoustically analyzed were: (1) for diadochokinesis tasks: syllable duration, syllable periods, peak intensity and diadochokinesis rate, (2) for target sentence task: reaction time, VOT duration, total duration, fundamental frequency and intensity, in each of the tested conditions. RESULTS: Between group comparisons indicated significant differences only when considering the spontaneous speech testing condition (p < 0.001). For the group of stutterers, within group comparisons (i.e. without versus with device) also indicated significant differences only for the spontaneous speech task. In this task, the use of AAF device resulted in a significant improvement of speech fluency, as measured by the percentage of stuttered syllables (p=0.014). On the other hand, for the control group, the device produced the opposite effect (i.e. a significant increase in the percentage of stuttered syllables - p=0.046). Statistical analysis of the acoustic aspects of both diadochokinesis and the target sentence indicated no significant difference for between and within group comparisions. CONCLUSIONS: Our results indicated that for the group of stutterers the use of SpeechEasy device caused an improvement in speech fluency without interfering in speech naturalness
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AnaPaulaRitto.pdf (3.03 Mbytes)
Data de Publicação
2014-04-01
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • JUSTE, Fabiola, et al. Acoustic analyses of diadochokinesis in fluent and stuttering children [doi:10.6061/clinics/2012(05)01]. Clinics (USP. Impresso) [online], 2012, vol. 67, p. 409-414.
  • ANDRADE, C. R. F., et al. Acoustic analyses of diadochokinesis in fluent and stuttering children. In 29the World Congress of the IALP, Torino, 2013. 29th World Congress of the IALP - Where Practice Meets Science - Final Program and Abstract Book.Torino : International Association of Logopedics and Phoniatrics, 2013. Abstract.
  • ANDRADE, C. R. F., et al. Effects of temporal variations of DAF: a pilot study. In 20 Composium Internacional da IALP, São Paulo, 2007. Programa e Anais do 2o Composium Internacional da IALP.São Paulo, 2007. Abstract.
  • ANDRADE, C. R. F., et al. Performance de fala em falantes fluentes - uso da reaferentação auditiva atrasada. In XIII Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Santos, 2005. Anais (Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia).São Paulo : Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, 2005. Resumo.
  • RITTO, Ana Paula, JUSTE, Fabiola, and ANDRADE, C. R. F. The effect of SpeechEasy on diadochokinesis and stuttering frequency. In ASHA Convention, Chicago, 2013. ASHA Convention Program Planner.Chicago : ASHA, 2013. Abstract. Available from: http://www.asha.org.
  • RONDON, Silmara, et al. Análise acústica da diadococinesia em crianças fluentes e com gagueira. In XX Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, Brasilia, 2012. Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia - Suplemento.São Paulo : Copy Press, 2012. Resumo. Dispon?vel em: http://www.sbfa.org.br/portal/suplementosbfa.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.