• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.58.2009.tde-19032010-095453
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula Terossi de Godoi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2009
Orientador
Banca examinadora
Catirse, Alma Blasida Concepcion Elizaur Benitez (Presidente)
Reis, Andréa Candido dos
Sundfeld, Renato Herman
Título em português
Efeito in situ da associação de chá preto ao uso diário de clorexidina na alteração de cor e rugosidade superficial de resinas compostas
Palavras-chave em português
alteração de cor
Chá preto
gluconato de clorexidina
in situ
resinas compostas
rugosidade superficial
Resumo em português
O presente estudo avaliou in situ a influência de fatores da dieta associado ao uso de clorexidina na cor e na rugosidade superficial de diferentes resinas compostas (Z250® - 3M-ESPE e Filtek Supreme® - 3M-ESPE). Foram confeccionados 112 corpos-de-prova (6,0x2,0mm) que foram polidos com disco abrasivos Super Snap® (Shofu). O estudo foi constituído por duas fases de 5 dias cada, com um período de washout de 9 dias entre elas. Os corpos-de-prova de cada um dos materiais foram divididos entre 14 voluntários e montados em dispositivo palatino, na região dos pré-molares e molares superiores e instalados nos participantes para a realização dos bochechos e da ingestão do chá em cada uma das fases do experimento. De acordo com sorteio aleatório, metade dos voluntários utilizou, na primeira fase do experimento, solução de gluconato de clorexidina 0,12% (S1) e a outra metade dos voluntários realizou os bochechos com uma solução placebo (S2), de mesma composição da solução original, porém sem adição de gluconato de clorexidina 0,12%. Os bochechos foram realizados 2 vezes ao dia, por 1 minuto, durante 5 dias. Todos os voluntários, após o bochecho com gluconato de clorexidina 0,12% ou placebo ingeriram 200 mL de chá em ambas as fases. Na segunda fase do experimento, os corpos-de-prova foram substituídos por outros e os voluntários foram cruzados quanto à solução, de modo que todos usaram ambas às soluções. As leituras de cor, obtidas através de um colorímetro, e a rugosidade superficial, obtida por meio de um rugosímetro, foram realizadas imediatamente antes da fixação do espécime no aparelho intra-bucal e após 24 horas do término do período experimental. Os dados foram submetidos ao teste ANOVA e Tukey (p≤0,05). Os resultados mostraram que: a) a solução S1obteve maiores médias de alteração de cor (ΔE*) que S2 enquanto que para os outros fatores e interações não houve diferença estatisticamente significante para esta variável; b) todos os fatores e respectivas interações, exceto a interação Solução x Material, sofreram variação de luminosidade (L*) significante estatisticamente; c) todos os fatores e respectivas interações, exceto a interação Material x Tempo, sofreram variação do parâmetro a* significantes estatisticamente; d) o fator Solução quando analisado isoladamente e a interação Tempo x Solução não obtiveram resultados estatisticamente diferentes para o parâmetro b* e; e) para a rugosidade superficial (Ra) apenas o fator Tempo foi estatisticamente significante. Conclui-se que: houve uma maior alteração de cor da resina composta quando se utiliza soluções a base de Clorexidina 0,12%; as resinas estudadas não influenciaram no comportamento da cor quando associado à Clorexidina 0,12% e chá preto; para os parâmetros L* a* e b* os fatores Solução, Material e Tempo tiveram efeito significante, exceto o fator Solução para o parâmetro b*; a utilização de Clorexidina durante 5 dias não influenciou na rugosidade superficial dos materiais estudados e; o tempo teve influencia sobre o aumento da rugosidade superficial.
Título em inglês
Influence of in situ association of black tea and chlorhexidine on the color change and surface roughness of composite resins.
Palavras-chave em inglês
black tea
chlorhexidine
color change
composite resin
in situ
surface roughness
Resumo em inglês
This in situ study evaluated the influence of dietary factors in association with chlorhexidine on the color change (ΔE*) of two composites resins (Z250® - 3M-ESPE and Filtek Supreme® - 3M-ESPE). 112 discs (6.0x2.0mm) were fabricated and polished with Super Snap® discs (Shofu). The specimens were divided among 14 volunteers, and fitted onto intraoral devices and placed in the maxillary premolar and molar positions. Palatal intra-oral acrylic resin appliances were made for each volunteers in the experiment. In each appliance, two specimen of each materials was randomly fixed. This study was composed of two phases of 5 days each, with a washout period of 9 days between them. In the first phase, half of the volunteers chosen by random draw, used a 0.12% chlorhexidine solution (S1) and the other half used a placebo solution (S2). The mouthwashes were performed 2 times a day, for 1 min. each, for 5 days. In the second phase of the experiment, the specimens were replaced by others and the volunteers were crossed on the outcome. In both phases, after mouthwashes with S1 or S2, all volunteers ingested 200 mL of black tea for 10 minutes. The color change of all specimens before and after of the experimental period was measured by a colorimeter and the data were analyzed by two-way analysis of variance (ANOVA) and Tukey´s test (&alpha=.05). Subsequently, the surface roughness (Ra) of the specimens was evaluated using a profilometer, and the data were compared by two-way ANOVA followed by a Tukey multiple comparations test (α=.05). According to ANOVA: a) the S1 solution had the highest means of color change (ΔE*) that S2, while for the others factors and interactions no have statistically significant difference for this variable; b) all the factors and their interactions had significant statistically changes in lightness (L*), except for the Solution x Material interaction; c) all the factores and their interactions had significant statistically changes in parameter a*, except for the Material x Time interaction; d) the solution factor and Time x Solution interaction no had statistica different for the parameter b* and; e) for surface roughness (Ra) only the time factor was statistically significant. It was concluded that: there was an increase in color change of composite resin when using Chlorhexidine 0.12%; the resin did not influence on the color when associated with Chlorhexidine 0.12% and black tea; for parameters L * a * b * Solution, Material and Time factors had significant effect, except for the Solution factor for the parameter b *; the use of chlorhexidine for 5 days did not influence the surface roughness of the materials studied; and the time had a significant influence on increased surface roughness.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-10-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.