• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.58.2017.tde-23022016-150459
Documento
Autor
Nome completo
Mônica Danielle Ribeiro Bastos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2015
Orientador
Banca examinadora
Pedrazzi, Vinicius (Presidente)
Freitas, Osvaldo de
Mollo Junior, Francisco de Assis
Título em português
Monitoramento do pH e dos níveis de inserção óssea antes e após tratamento com sistemas bioadesivos poliméricos para a liberação modificada de metronidazol intrabolsa periodontal
Palavras-chave em português
Metronidazol
Nível clínico de inserção
Periodontite crônica
PH
Sistema de liberação de fármacos
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi avaliar clinicamente em humanos sistemas semissólidos (géis) e filmes contendo sal de metronidazol e conjugado de benzoato de metronidazol associados à raspagem e alisamento radicular (RAR), para o tratamento de periodontite. Foram avaliados o pH do fluido crevicular, os níveis clínicos de inserção óssea de suporte aos dentes envolvidos no tratamento periodontal, antes e após os tratamentos, além do perfil de liberação dos fármacos por meio de cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE). Participaram do estudo 45 pacientes da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto USP, de ambos os gêneros, os quais possuíam ao menos 2 dentes com periodontite crônica, compondo um total para o estudo de 96 dentes, divididos aleatoriamente em 3 grupos: grupo 1 raspagem e alisamento radicular (RAR) controle ativo; grupo 2 RAR + filme com metronidazol; grupo 3 RAR + gel de metronidazol. As concentrações de metronidazol e o tempo de liberação do fármaco no fluido crevicular gengival foram monitorados, avaliando-se ainda os efeitos dessas formulações com relação a parâmetros clínicos da periodontite. Os efeitos dos tratamentos foram avaliados pelo acompanhamento longitudinal de parâmetros clínicos (profundidade de sondagem, nível clínico de inserção e sangramento à sondagem). Os resultados da análise das concentrações de metronidazol e benzoato de metronidazol na bolsa periodontal dos pacientes foram considerados em avaliação paralela intragrupos e demonstraram que o filme e o gel foram detectados em concentração efetiva até 48 horas após a aplicação in situ, porém não foi observada diferença significante entre os grupos avaliados. Quanto aos valores de pH após o tratamento, eles variaram entre 6 e 8. No nível clínico de inserção houve diferença estatística significante entre os três grupos avaliados, sendo que o grupo que recebeu apenas tratamento periodontal convencional apresentou os melhores valores. Houve redução progressiva do sangramento à sondagem nos tempos T15 e T30 nos três grupos considerados. No que se refere aos parâmetros clínicos, ambas as terapias (gel e filme) foram eficazes em promover a redução na profundidade à sondagem, ganho no nível clínico de inserção e apresentaram melhora na saúde periodontal considerando-se o menor sangramento após a sondagem que o grupo controle (RAR somente).
Título em inglês
Monitoring the pH and the attachment bone levels before and after treatment with bioadhesive polymeric systems with periodontal intrapocket modified release of metronidazol
Palavras-chave em inglês
Chronic periodontitis
Clinical attachment level
Drug delivery system
Metronidazole
PH
Resumo em inglês
The objective of this study was to clinically evaluate in humans semisolid (gels) and films systems containing metronidazole and metronidazole benzoate conjugate salts associated with scaling and root planing (SRP) for the treatment of chronic periodontitis. It was evaluated the pH of crevicular fluid and clinical bone attachment levels of the teeth involved in periodontal disease, before and after treatment, in addition to the release profile of drugs by high-performance liquid chromatography (HPLC). The study included 45 patients (both genders), from School of Dentistry of Ribeirão Preto, University of São Paulo, which had at least two teeth with chronic periodontitis, making a total for the study of 96 teeth which were randomly divided into 3 groups: Group 1 - scaling and root planing (SRP) - active control; Group 2 - RAR + film with metronidazole; Group 3 - SRP + gel with metronidazole. The metronidazole concentration and the drug release profile time in gingival crevicular fluid were monitored by evaluating the effects of such formulations, further with respect to clinical parameters of periodontitis. The effects of the treatments were evaluated for longitudinal monitoring of clinical parameters (probing depth, clinical attachment level and bleeding on probing). The results of the analysis of metronidazole and metronidazole benzoate concentrations in periodontal pockets of the patients were considered in a intragroup parallel evaluation and showed that the film and the gel were both detected in effective concentration till 48 hours after in situ application, but there was no difference significant between the groups. As for pH values after treatment, they ranged from 6 to 8. In clinical attachment level it was no statistically significant difference among the three groups, and the group that received only conventional periodontal treatment showed the best values. There was a progressive reduction in bleeding on probing in T15 and T30 times in all the three groups considered. With regard to clinical parameters, both therapies have been effective in promoting reduction in probing depth and gain in clinical attachment level as the control group, and both therapies showed improvement in periodontal health considering minor bleeding after probing that the (SRP alone) control group.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-16
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • BASTOS, M. D. R., et al. Avaliação da microbiota oral de ratos saudáveis e tratados com álcool usando sondas de DNA de bactérias humanas. In 31ª Reunião Anual da SBPq-O, Brazilian Oral Research, Águas de Lindóia, 2014. 31ª Reunião Anual da SBPq-O, Brazilian Oral Research.São Paulo : EDUSP, 2014. Resumo. Dispon?vel em: http://www.sbpqo.gov.br.
  • RIBEIRO, A. R., et al. Avaliação clínica de diferentes plataformas bioadesivas poliméricas desenvolvidas para uso odontológico. In 31ª Reunião Anual da SBPq-O, Brazilian Oral Research, Águas de Lindóia, 2014. 31ª Reunião Anual da SBPq-O, Brazilian Oral Research.São Paulo : EDUSP, 2014. Resumo. Dispon?vel em: http://www.sbpqo.gov.br.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.