• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.58.2009.tde-26032010-144643
Documento
Autor
Nome completo
Hilmo Barreto Leite Falcão Filho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2009
Orientador
Banca examinadora
Antunes, Rossana Pereira de Almeida (Presidente)
Ferracioli, Renata Cristina Silveira Rodrigues
Margonar, Rogério
Pinelli, Ligia Antunes Pereira
Souza, Raphael Freitas de
Título em português
Análise da força de retenção de cimentos resinosos em modelo representativo da técnica de cimentação passiva para implantes osseointegráveis
Palavras-chave em português
Materiais Dentários
Prótese Dentária Fixada por Implante
Retenção em Prótese Dentária
Resumo em português
O objetivo deste estudo foi analisar a força de retenção de dois cimentos resinosos utilizados na técnica de cimentação passiva para implantes osseointegráveis, Panavia F e RelyX U100, avaliando essa propriedade na sua aplicação em espécimes de três tipos de diferentes metais, NiCr (Verabond 2, Aalba Dental), NiCrTi (Tilite Ômega, Talladium) e Titânio (Ti c.p., grau 2, Realum), submetidos ou não à termociclagem. Noventa e seis cilindros calcináveis (Conexão Sistemas de Próteses) foram encerados de forma padronizada, fundidos (32 cilindros em cada tipo de liga) e cimentados sobre cilindros de titânio (Conexão Sistemas de Próteses). Os corpos-de-prova foram distribuídos em 12 grupos (n = 8) de acordo com o tipo de liga, cimento e ciclagem térmica. Todos os espécimes foram submetidos a imersão em água destilada a 37º C por 24 horas, entretanto apenas metade deles a um ensaio de termociclagem em uma máquina de simulação de ciclos térmicos MSCT-3 por 5000 ciclos durante 30 dias. Todos os corpos-de-prova foram submetidos a ensaios de tração em uma máquina de ensaios mecânicos EMIC-DL2000 (velocidade = 5mm / min e célula de carga = 500 Kgf ). A análise estatística evidenciou resistência de união à tração do cimento RelyX U100 superior ao cimento Panavia F, independente do tipo de metal utilizado, com médias de até 71,18 Kgf e 55,08 Kgf respectivamente. O ensaio de termociclagem não exibiu interferência na resistência de união de ambos cimentos.
Título em inglês
Analysis of resin cement retention strength in a representative model of passive cementation technique for osseointegration implants
Palavras-chave em inglês
Dental Materials
Dental Prosthesis
Dental Prosthesis Retention
Implant-Supported
Resumo em inglês
The aim of this study was to analyze the bond strength of two resin cements used in the passive cementation technique for osseointegrated implants, Panavia F and RelyX U100, evaluating this property on its application in specimens of three different metal types, NiCr (Verabond 2, Dental Aalba), NiCrTi (Tilite Omega, Talladium) and Titanium (Ti c.p., degree 2, Realum), submitted or not to termocycling assay. Ninety six calcined cylinders (Conexão Sistemas de Próteses) had been waxed of standardized form, casted (32 in each type of league) and cemented on titanium cylinders (Conexão Sistemas de Próteses). The specimens were distributed enter 12 groups (n = 8) in accordance with the type of metal, cement and thermocycling. All specimens were submitted to an immersion in distilled water at 37ºC for 24 hours, however only half of them to a termocycling assay in a simulation thermal cycles machine MSCT-3 for 5000 cycles during 30 days. All specimens were submitted to a tensile test in a mechanical test machine EMIC-DL2000 (speed = 5mm/min and cell load = 500Kgf). The statistics analysis evidenced tensile strength of the RelyX U100 cement greater than Panavia F cement independent of the metal league type used with averages until 71,18 Kgf and 55,08 Kgf respectively. The termocycling assay did not show interference in the tensile strength of both cements.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
do_Hilmo_Falcao.pdf (2.14 Mbytes)
Data de Publicação
2010-10-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.