• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.58.2014.tde-15072014-160120
Documento
Autor
Nome completo
Richard Honorato de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Regalo, Simone Cecilio Hallak (Presidente)
Bataglion, Cesar
Caldeira, Eduardo José
Coutinho, Márcia Khaled Puñales
Semprini, Marisa
Título em português
Efeito do diabetes mellitus, tipo 2, na musculatura do sistema estomatognático - avaliação eletromiográfica, espessura muscular e força de mordida
Palavras-chave em português
diabetes mellitus tipo 2
eletromiografia de superficie
espessura muscular
força de mordida
músculos da mastigação
Resumo em português
Considerando-se a relevância da influência da musculatura na funcionalidade do sistema estomatognático, buscou-se com este trabalho realizar avaliação do comportamento e atuação da musculatura mastigatória em indivíduo diabético, tipo 2. Este estudo teve como objetivo comparar a atividade eletromiográfica, a espessura dos músculos masseter e temporal e a força de mordida entre indivíduos portadores de diabetes (GD) e um grupo controle (GC), saudáveis. A atividade eletromiográfica foi avaliada utilizando o eletromiógrafo Myosystem BR-1 nas condições posturais da mandíbula e na mastigação não-habitual de Parafilme M® e habitual de uvas passas e amendoins. Para a análise da espessura muscular foram adquiridas imagens dos músculos masseter e temporal no repouso e na contração voluntária máxima utilizando o aparelho de ultrassom SonoSite Titan. A força de mordida molar máxima direita e esquerda foi obtida por meio do dinamômetro digital Kratos. Os dados coletados foram submetidos ao tratamento estatístico utilizando testes de comparação (teste t de Student), considerando o intervalo de confiança de 95% (SPSS 20.0). Os resultados obtidos nesta pesquisa revelaram que os indivíduos com diabetes apresentaram na atividade eletromiográfica diferença estatisticamente significante apenas na condição de mastigação de Parafilme M®para os músculos temporais esquerdo e direito (p<0,05). Na análise ultrassonográfica verificou-se maior espessura muscular para os masseteres e menor espessura para os temporais no grupo diabético quando comparado ao grupo controle, estatísticamente significante. Com relação à força de mordida, observou-se que nos indivíduos diabéticos, a força de mordida foi menor, sem significância estatística. Concluiu-se que, os músculos masseteres e temporais dos diabéticos, tipo 2, sofreram alterações eletromiográficas e em suas espessuras, o que requer do cirurgião-dentista oferecer tratamentos odontológicos que reabilitem com maior eficiência seus pacientes diabéticos.
Título em inglês
Effect of diabetes mellitus, type 2, in muscles of the stomatognatic system: eletromyographic evaluation, muscular thickness and bite force
Palavras-chave em inglês
bite force
diabetes mellitus type 2
eletromyography
muscle thickness
muscles of mastication
Resumo em inglês
Considering the importance of the influence of the muscles in the functionality of the stomatognathic system, we sought to carry out this work evaluation of the behavior and performance of the masticatory muscles in diabetic subjects, type 2. This study aimed to compare the electromyographic activity, the thickness of masseter and temporalis muscles and bite force among individuals with diabetes (GD) and healthy control group (GC). The electromyographic activity was assessed using electromyography Myosystem BR-1 in postural conditions of the jaw and non-habitual chewing Parafilm M®and habitual chewing of raisins and peanuts. For the analysis of muscle thickness were acquired images of the masseter and temporal muscles at rest and at maximum voluntary contraction using the SonoSite Titan ultrasound machine. The maximum bite force, right and left molar, was obtained through digital dynamometer Kratos. The data collected were subjected to statistical analysis using comparison tests (Student's t test) , considering a confidence interval of 95 % (SPSS 20.0). The results obtained in this study revealed that individuals with diabetes showed the statistically significant difference electromyographic activity only on condition chewing Parafilm M® for left and right in temporal muscles (p< 0.05). On ultrasound examination, there was greater muscle thickness for the masseter and temporal thickness less for the diabetic group compared to controls, statistically significant difference. With respect to bite force, it was observed that in diabetic patients, the bite force was lower without statistical significance. It was concluded that the masseter and temporal muscles of diabetics, type 2, suffered electromyographic changes and their thicknesses, which requires the dentist to provide dental treatments that more effectively rehabilitate their diabetic patients.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-10-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.