• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.58.2017.tde-20032015-113919
Documento
Autor
Nome completo
Diego Augusto Guimarães
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2015
Orientador
Banca examinadora
Vansan, Luiz Pascoal (Presidente)
Arruda, Marcos Pôrto de
Savioli, Ricardo Novak
Título em português
Análise histoquímica da penetração do hipoclorito de sódio nos canalículos dentinários com a utilização de diferentes protocolos de irrigação
Palavras-chave em português
Endodontia
Hipoclorito de sódio
Penetração dentinária
PUI (Irrigação Ultrassônica Passiva)
Solução irrigante
Resumo em português
O presente estudo avaliou ex vivo a capacidade de descoloração do hipoclorito de sódio em diferentes concentrações, utilizando diferentes protocolos de irrigação, em dentes previamente corados. 40 incisivos centrais superiores tiveram suas coroas seccionadas. Após a remoção da coroa, os espécimes tiveram inicialmente os canais irrigados, e explorados por todo seu comprimento, com remoção do conteúdo pulpar, seguida de uma irrigação com 5 ml de cada concentração proposta (2,5% e 5,25%). Os espécimes foram secos externamente com toalha de papel e internamente por meio de cones de papel absorvente. Após isso, as amostras permaneceram no dessecador a vácuo por 120 minutos e imersos em uma solução de sulfato de cobre, durante 15 minutos sob vácuo com o objetivo de remover o ar do interior do canal radicular, e consequentemente permitir maior penetração da solução citada e mantida por mais 75 minutos à pressão ambiente. Posteriormente os espécimes foram removidos da solução, secas com papel toalha e cones de papel absorvente. Foram então imersos na solução de ácido rubeânico sob vácuo por 15 minutos e mantido por mais 225 minutos à pressão ambiente.Com isso, os espécimes foram aleatoriamente divididos em 4 grupos, de acordo com a solução irrigante a ser utilizada e com o protocolo de irrigação: GRUPO 1 (n=10) - Hipoclorito de Sódio 2,5% sem PUI; GRUPO 2 (n=10) - Hipoclorito de Sódio 5,25% sem PUI; GRUPO 3 (n=10) - Hipoclorito de Sódio 2,5% com PUI; GRUPO 4(n=10) - Hipoclorito de Sódio 5,25% com PUI. Após a divisão, o preparo biomecânico pela técnica crown down foi realizado, porém, nos grupos 3 e 4, a irrigação final foi realizada com PUI (Irrigação Ultrassônica Passiva) no comprimento de trabalho, durante 30 segundos com uma potência de 20kHz. Os espécimes foram secos externamente com toalha de papel absorvente e internamente por meio de cones de papel absorvente. Após o preparo e a irrigação com suas devidas particularidades para cada grupo, foram obtidos slices de 1,0 mm de espessura por meio da máquina de corte de tecido duro IsoMet® 1000. As amostras foram polidas e por meio de microscópio digital ligado a um computador obteve-se as imagens dos slices, que foram mensuradas por um software AxioVision 4.8. Em seguida, calculou-se as áreas de dentina da região descolorida pela solução irrigante. Os resultados mostraram que para o terço apical, a Irrigação Ultrassônica Passiva (PUI) apresentou um comportamento superior comparado à irrigação sem PUI na descoloração da dentina pelo hipoclorito de sódio. Na análise entre os grupos evidencia o pior resultado para o grupo 1 (Hipoclorito de sódio 2,5% sem PUI) quando comparado aos demais grupos com comportamentos semelhantes entre si.
Título em inglês
Histochemical analysis of penetration of sodium hypochlorite in the canaliculi tubules with the use of different protocols of irrigation
Palavras-chave em inglês
Dentin penetration
Endodontics
Irrigant solution
PUI (Passive Ultrasonic Irrigation)
Sodium hypochlorite
Resumo em inglês
The present study evaluated ex vivo the ability of discoloration of sodium hypochlorite in different concentrations, using different protocols of irrigation, in previously stained teeth. 40 upper central incisors were stripped of their crowns sectioned. After removing the crown, the specimens had initially irrigated canals, and explored throughout its length, with removal of the pulp content, followed by an irrigation with 5 ml of each proposed concentration (2,5% e 5,25%). The specimens were dried with externally paper towel and internally through absorbent paper cones. After that, the samples remained in vacuum desiccator for 120 minutes and immersed in a solution of copper sulphate, during 15 minutes under vacuum in order to remove the air from inside the root canal, and consequently allow greater penetration of the solution cited and maintained for another 75 minutes at ambient pressure. Later specimens were removed from the solution, dried with paper towels and absorbent paper cones. Then, were immersed in the solution of rubeanic acid under vacuum for 15 minutes and maintained for over 225 minutes at ambient pressure. With that, the specimens were randomly divided into 4 groups according to the irrigant solution to be used and with the irrigation protocol: GROUP 1 (n = 10) - 2,5% sodium hypochlorite without PUI; GROUP 2 (n = 10) - 5,25% sodium hypochlorite without PUI; GROUP 3 (n = 10) - 2.5% sodium hypochlorite with PUI; GROUP 4 (n = 10) - 5,25% sodium hypochlorite with PUI. After the split, the biomechanical preparation by the crown down technique was conducted, however, in groups 3 and 4, the final irrigation was performed with PUI (Passive Ultrasonic Irrigation) in working length, during 30 seconds with a power of 20%. The specimens were dried with absorbent paper towel externally and internally through absorbent paper cones. After the preparation and irrigation with their due particularities for each group, were obtained from 1.0 mm thick slices through the hard tissue cutting machine IsoMet ® 1000. The samples were polished and through digital microscope connected to a computer were obtained images of the slices, which were measured by software AxioVision 4.8. Then, it has been calculated the areas of discolored dentin by irrigant solution. The results showed that for the apical third, Passive Ultrasonic Irrigation (PUI) presented a superior behavior compared to the irrigation without PUI on discoloration of dentin by sodium hypochlorite. The analysis between the groups shows the worst result for the Group 1 (2.5% sodium hypochlorite without PUI) when compared to other groups with behaviors similar to each other.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.