• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.58.2008.tde-31032008-154820
Documento
Autor
Nome completo
Danilo Mathias Zanello Guerisoli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2008
Orientador
Banca examinadora
Pecora, Jesus Djalma (Presidente)
Morais, Carlos Alberto Herrero de
Sousa Neto, Manoel Damião de
Vansan, Luiz Pascoal
Yoshinari, Gerson Hiroshi
Título em português
Estudo dos efeitos de algumas soluções irrigadoras sobre a microdureza dentinária e capacidade de remoção da smear layer
Palavras-chave em português
EDDS
EDTA
microdureza dentinária
MTAD
smear layer
Resumo em português
Este trabalho estudou os efeitos de algumas soluções irrigadoras sobre a microdureza dentinária e capacidade de remoção da smear layer. As soluções testadas foram: soro fisiológico, hipoclorito de sódio a 2,5%, EDTA a 15% em pH 7,3, EDTA a 15% em pH 9,0, ácido etileno diamino di-succínico (EDDS), Smear Clear® e BioPure MTAD®. Para o estudo de microdureza, 70 fragmentos de dentina medindo 5x5 mm foram obtidos do terço médio de hemissecções radiculares de incisivos bovinos, sendo separados aleatoriamente em sete grupos. A microdureza Knoop inicial da dentina foi aferida por meio de microdurômetro acionado com uma carga de 25 g por 15 s. As amostras eram então tratadas pela imersão nas soluções experimentais por um minuto, após o qual tinham a sua microdureza mensurada. Após mais quatro minutos de imersão nas soluções testadas, os valores de microdureza eram novamente registrados. Os valores de microdureza iniciais e após cada imersão nas soluções testadas foram então submetidos à análise estatística (two-way ANOVA). Para a avaliação da capacidade de remoção da smear layer, 35 raízes de incisivos bovinos foram separadas aleatoriamente em sete grupos e instrumentadas pela técnica step-back. Cada grupo recebeu um tipo de solução irrigadora experimental, ficando estas em contato com as paredes dentinárias por 5 minutos. Os espécimes foram cisalhados e observados ao microscópio eletrônico de varredura com um aumento de 350 vezes para avaliação da remoção da smear layer. Fotomicrografias do terço médio do canal radicular foram obtidas e, por meio de uma grade de integração, foi contabilizado o percentual de áreas contendo smear layer. Os resultados da análise da microdureza dentinária indicaram que, com exceção do soro fisiológico, todas as soluções testadas causaram uma redução significativa desta propriedade. Hipoclorito de sódio a 2,5%, EDDS e Smear Clear® apresentaram resultados semelhantes, causando diminuição da microdureza menos acentuada do que o BioPure MTAD® ou as soluções de EDTA em pH 7,3 ou 9,0. Para a análise de remoção da smear layer, as soluções de EDTA em pH 7,3 ou 9,0, o Smear Clear® e o BioPure MTAD® mostraram resultados semelhantes. O EDDS mostrou semelhanças estatísticas tanto com o hipoclorito de sódio como com as outras soluções quelantes testadas, ocupando uma posição intermediária na capacidade de remoção da smear layer. Pode-se concluir que o EDTA em pHs 7,3 ou 9,0 são estatisticamente semelhantes, bem como o BioPure MTAD®. Enquanto o Smear Clear® é capaz de remover a smear layer sem diminuir a microdureza dentinária, o EDDS reduz moderadamente a microdureza dentinária, porém é deficiente na limpeza das paredes do canal radicular.
Título em inglês
Study on the effects of some irrigating solutions on dentine microhardness and smear layer removal
Palavras-chave em inglês
dentine microhardness
EDDS
EDTA
MTAD
smear layer
Resumo em inglês
This study evaluated the effects of some irrigating solutions on dentine microhardness and smear layer removal. The tested solutions were: saline, 2.5% sodium hypochlorite, 15% EDTA in pH 7.3, 15% EDTA in pH 9.0, ethylene diamine dissuccinic acid (EDDS); Smear Clear® and BioPure MTAD®. For the microhardness study, 70 5x5 mm dentine stubs obtained from the middle third of root hemisections were randomly divided in seven groups. The initial Knoop Hardness Values of the samples were assessed by a microhardness tester with a 25 g load, for 15 s. The samples were then immersed on tested solutions for one minute, after which the KHN values were again measured. One more evaluation of microhardness was performed after four more minutes of treatment with the tested solutions. Results were then submitted to statistical analysis (two-way ANOVA). For the smear layer removal study, 35 bovine incisor roots were randomly assigned to seven groups, according to the irrigating solution, and instrumented following the step-back technique. The irrigating solution was left for 5 minutes in the canals after instrumentation, and then washed with distilled water. Samples were then split and observed under the SEM with 350x magnification. Photomicrographs were obtained from the middle third of the root canal and evaluated for the percentage of remaining smear layer. Results of the microhardness tests showed that all solutions yeld to a hardness reduction of dentine, except saline solution. Sodium hypochlorite, EDDS and Smear Clear presented similar results, with mild reduction of microhardness, while MTAD or EDTA solutions presented severe microhardness alterations. Regarding smear layer removal, EDTA solutions, Smear Clear® and BioPure MTAD® presented similar results, with clean root canal walls and no visible débris. EDDS was more effective than saline solution or sodium hypochlorite, but less effective than the other chelating solutions. It can be concluded that EDTA at pH 7.3 or 9.0 are statistically similar, as well as BioPure MTAD®. While Smear Clear® is able to remove smear layer without reducing dentine microhardness, EDDS does reduce it moderately, but without properly cleaning the root canal walls.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-07-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.