• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.59.2014.tde-20052014-090852
Documento
Autor
Nombre completo
Gabriela Salim Xavier
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2014
Director
Tribunal
Almeida, Sebastião de Sousa (Presidente)
Moreira, Rita de Cassia Margarido
Pasian, Sonia Regina
Título en portugués
Avaliação da estimação da imagem corporal em mulheres adultas a partir de dois métodos perceptivos
Palabras clave en portugués
Estimação
Imagem corporal
Instrumentos de avaliação
Mulheres
Obesidade
Resumen en portugués
Esse trabalho teve como objetivo principal avaliar a estimação da imagem corporal por meio de dois métodos diferentes, entre mulheres eutróficas e com excesso de peso. A amostra foi composta por 80 mulheres adultas, com idades entre 20 e 50 anos, sendo que 40 delas pertenciam ao grupo Eutrofia e 40, ao grupo Excesso de Peso, de acordo com a classificação do IMC. As participantes foram recrutadas nas dependências do Campus de Ribeirão Preto da USP, sendo que as mulheres com sobrepeso e obesidade estavam inscritas no Programa de Reeducação Alimentar da USP (PRAUSP). Para avaliação perceptiva da imagem corporal foram utilizados dois instrumentos: o programa Body Size Distortion, a partir do método Adaptive Probit Estimation (APE), e a Escala de Figuras de Silhuetas para adultos brasileiros (EFS). Foram coletados também dados sociodemográficos e aplicados instrumentos para mensuração da insatisfação com a imagem corporal, EFS, e sintomas depressivos, BDI. A coleta de dados foi feita em uma sala do Laboratório de Nutrição e Comportamento, na FFCLRP mediante aprovação do projeto pelo Comitê de Ética em Pesquisa desta instituição. Os resultados demonstraram que o IMC, sozinho, não prediz diferenças na acurácia da estimação entre os dois grupos amostrais, para ambas as metodologias utilizadas. A insatisfação foi apontada como importante variável interveniente, sendo mais preponderante do que o IMC na mediação dos valores de estimação, quando avaliada pela EFS. Apesar da correlação entre os valores dos dois instrumentos não evidenciar associação significativa, observa-se que as duas medidas estabeleceram, algumas vezes, associações com as mesmas variáveis. No entanto, apesar da maior sensibilidade do método APE, fornecendo valores de medida em frações decimais, a EFS foi associada com as variáveis do estudo em maior frequência e significância, confirmando sua validade. Em relação ao APE, foram também verificadas associações entre o componente sensorial (LD) e não sensorial (PIS), sobretudo no grupo excesso de peso.
Título en inglés
Assessment of body image estimation in adult women as from two perceptual methods
Palabras clave en inglés
Assessment tools
Body image
Estimation
Obesity
Women
Resumen en inglés
This study aimed to evaluate the body image estimation through two different methods, among women with normal weight and overweight. The sample consisted of 80 adult women, aged between 20 and 50 years. The distribution of the sample was: 40 women composed the Normal Weight group and 40 was the Overweight group, according to BMI classification. Participants were recruited on the premises of the Campus of Ribeirão Preto, USP, and the overweight and obese women were enrolled in the Programa de Reeducação Alimentar (PRAUSP). Two instruments were used for assessment of perceptual body image: the Body Size Distortion program from the Adaptive Probit Estimation method (APE), and Figure Rating Scale for Brazilian adults (FRS). There were also collected sociodemographic data and there were applied tools for measurement of body image dissatisfaction, FRS, and depressive symptoms, BDI. Data collection was done in a room of the Laboratory of Nutrition and Behavior, in FFCLRP upon project approval by the Ethics Committee in Research of the institution. Results demonstrated that BMI alone does not predict differences in the accuracy of estimation between the two sample groups, for both methodologies. Dissatisfaction was identified as an important intervening variable and it was more prevalent than BMI in mediating the estimation values, measured by the FRS. Despite the correlation between the two instruments values did not show any significant association, it was observed that sometimes the two measures established association with the same variables. However, despite the higher sensitivity of the method APE, which provides measurement values in decimal fractions, the FRS was associated with study variables at higher frequency and significance, thus confirming its validity. Regarding the APE, there were also found associations between the sensory (LD) and non-sensory (PIS) components especially in the overweight group.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Xavier.pdf (8.94 Mbytes)
Fecha de Publicación
2014-11-05
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.