• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.59.2016.tde-22012016-141913
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Madeira Piqueras
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2015
Orientador
Banca examinadora
Fernandez, Fernanda da Rocha Brando (Presidente)
Martins, Lilian Al-chueyr Pereira
Prestes, Maria Elice de Brzezinski
Título em português
As contribuições de Henry Allan Gleason para a Ecologia, um estudo histórico: o desenvolvimento do conceito individualístico de associação de plantas (1917-1939)
Palavras-chave em português
História da Ecologia História da Ecologia Vegetal conceito individualístico Henry Allan Gleason; século XX.
Resumo em português
O objetivo desta pesquisa é apresentar um estudo, sob o ponto de vista histórico, sobre as ideias do botânico e taxonomista americano Henry Allan Gleason (1882-1975) referentes ao conceito individualístico de associação de plantas. Nas décadas iniciais do século XX, as ideias do ecólogo americano Frederic Edward Clements (1874-1945) sobre a dinâmica da vegetação e sobre sucessão ecológica eram prevalecentes. Porém, a discordância dessas ideias parece ter levado Gleason a propor inicialmente o conceito individualístico da ecologia e, posteriormente, o conceito individualístico de associação de plantas. O desenvolvimento do conceito individualístico proposto por Gleason pode ser analisado, principalmente, por meio de suas obras dos anos de 1917, 1926 e 1939. Além dessas, nas quais Gleason refere-se especificamente ao conceito individualístico, outras obras estão sendo consideradas, como seu artigo publicado no ano de 1909, no qual discutiu sobre algumas questões fitogeográficas e ecológicas que influenciariam a distribuição de pradarias e florestas; seu artigo publicado em 1910, no qual apresentou o primeiro indício da sua visão individualística, e seu artigo publicado em 1927, no qual ele discorreu sobre os processos de sucessão em diferentes locais. A partir da análise de obras originais de Gleason e Clements, bem como mediante os relatos das fontes secundárias considerando o contexto da época, procurar-se-á evidências que mostrem o entendimento de Gleason sobre os estudos ecológicos e suas contribuições ao arcabouço teórico da Ecologia.
Título em inglês
The Henry Allan Gleason contributions to ecology, a historical study: the development of individualistic concept of plant association (1917-1939).
Palavras-chave em inglês
History of Ecology History of Plant Ecology individualistic concept; Henry Allan Gleason; century XX.
Resumo em inglês
The objective of this research was to study, from a historical perspective on the ideas of botanist and taxonomist American Henry Allan Gleason (1882-1975) for the individualistic concept of plant association. In the early decades of the twentieth century, the American ecologist ideas Frederic Clements (1874-1945) on the dynamics of vegetation and on ecological succession were prevalent. However, the disagreement of those ideas seems to have taken Gleason initially proposing the individualistic concept of ecology and subsequently the individualistic concept of plant association. The development of the individualistic concept proposed by Gleason can be analyzed primarily through his works of the years 1917, 1926 and 1939. In addition to these, in which Gleason refers specifically to the individualistic concept, other projects are being considered, as its Article published in 1909, which discussed some phytogeographic and ecological issues that influence the distribution of grasslands and forests; Article published in 1910, which presented the first evidence of its individualistic vision, and his article published in 1927 in which he talked about the succession processes in different locations. From the analysis of original works of Gleason and Clements, as well as by reports of secondary sources considering the context of the time, it will be sought evidence to show understanding of Gleason on the ecological studies and their contributions to the theoretical framework of Ecology.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.