• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.59.2016.tde-09112016-092541
Documento
Autor
Nombre completo
Fernanda Aleixo Chuffi
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2016
Director
Tribunal
Assolini, Filomena Elaine Paiva (Presidente)
Rivas, Noeli Prestes Padilha
Sargentini, Vanice Maria Oliveira
Título en portugués
Identidade(s) docente(s), o sujeito-professor e suas escol(h)as: memórias, dizeres e fazeres de uma prática pedagógica
Palabras clave en portugués
Discurso
Identidade(s)
Memória
Subjetividade
Sujeito-professor
Resumen en portugués
Apresentamos resultados de pesquisa, por meio da qual investigamos como se dá a construção das Identidades Profissionais de professores do ensino fundamental I (1º ao 5º ano), partindo de suas escol(h)as. Trabalhamos com o discurso enquanto efeito de sentidos, produzido num espaço de redes de filiações sócio-históricas de identificações. Trazemos os conceitos de sujeito, subjetividade e memória para compreendermos como o sujeito-professor é atravessado pelo outro ao falar da sua prática. Partimos do pressuposto de que não é possível apagar a história que constitui cada sujeito, pois o mesmo e o diferente se (re)significam a cada momento e sempre. Num espaço em que a formação não se faz antes da mudança, faz-se durante (Nóvoa, 1995), compreendemos os ecos nos dizeres dos sujeitos-professores que ressoam a ideologia e são atravessados pelo inconsciente, assim tomamos o discurso como o lugar da contradição o que não significa que apagaremos as oposições a ele inerentes, mas compreenderemos como essas contradições são intrinsecamente constitutivas dos sujeitos e sentidos. O aparato teórico que sustenta essa investigação é constituído pelas contribuições da Análise de Discurso de matriz francesa (pecheuxtiana), das Ciências da Educação e de alguns fios da Psicanálise freudo-lacaniana, teorias às quais nos filiamos. O corpus é formado por depoimentos orais (transcritos) de sujeitos-professores a respeito de sua trajetória profissional e experiências em formações (inicial/continuada). Ao propormos um espaço para o sujeito-professor se narrar, criamos momentos para que esse sujeito esteja em cena e encene um lugar para se dizer, para falar da sua trajetória de vida, numa história de confessar-se (Foucault). A partir de amplo espaço discursivo (Maingueneau), selecionamos alguns recortes para análise. Os gestos de interpretação que empreendemos permitem-nos considerar que: 1º) As marcas de subjetividade na voz desses sujeitos-professores nos processos de formação individual que implicam que esse sujeito, traga à tona sua memória discursiva e possibilidades de (se)dizer; 2º) circulam diferentes conceitos sobre formação, nas vozes dos sujeitos-professores, que se identificam com fundamentos e redes de sentidos aos quais tais conceitos estão filiados; 3º) ao falar de si, de suas experiências o sujeito-professor traz com suas recordações memória(s) e a (res)significação dos outros que o atravessaram em suas identificações; 4º) as experiências processuais afetam o sujeito-professor, mantendo-o inserido em formações discursivas que lhe fazem sentido(s).
Título en inglés
Teacher identity(ies), subject-teachers and their choices: memories, wordings and actions within their teaching practice
Palabras clave en inglés
Discourse
Identify(ies)
Memory
Subject-teacher
Subjectivity
Resumen en inglés
These are the results of an investigation on the creation of professional identities of Elementary Education teachers (1st 5th grade; 6 10 years old). We worked with the discourse as effects of meanings produced within networks of social-historical identifications. We use the concepts of subject, subjectivity and memory to understand how the subject-teacher is crossed from The other when speaking about his/her own practice. We assume the impossibility of erasing the history inherent in each subject, where sameness and different are constantly being resignified. There are echoes in the wordings of subject-teachers which recall their ideology and are crossed by the unconscious. Therefore we take the discourse as a place of contradiction. However, we do not disregard any contradictions, but we take those as inherent, intrinsically constitutive parts of those subjects and meanings. This investigation is based on the theory of Pechêuxs French Discourse Analysis, and Sciences of Education, and some contributions of psychoanalysis by Freud/Lacan. The corpus consists of transcriptions of interviews with subject-teachers about their professional development and teacher-training experience (pre-service or on-going). As we create some space for the subject-teacher to tell their own story, we offer the opportunity for this subject to enact scenes and create a place for him/her to express themselves, their life, as if for this subject to confess their life, as Foucault puts it. We selected some excerpts to be analyzed from the perspective of Maingueneaus ample discursive field. Our interpretation leads us to consider: 1st) the impressions of subjectivity in the voices of those subject-teachers in their individual teacher-education process, allowing them to disclosure their discursive memory and possibilities expressing themselves; 2nd) there are different concepts of teacher-education in the voices of subject-teachers, who identify themselves with the networks of meanings to which they are affiliated; 3rd) when speaking of him/herself, and their experience, the subject-teacher brings memories and (re)signified others who cross him/her in their identifications; 4th) the process experience affect the subject-teacher keeping him/her embedded in meaningful discursive formations.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2016-12-12
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.