• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.59.2019.tde-26112018-154311
Documento
Autor
Nombre completo
Tiago Martins
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
Ribeirão Preto, 2018
Director
Tribunal
Romanelli, Geraldo (Presidente)
Almeida, Elmir de
Barbieri, Valeria
Brito, Leila Maria Torraca de
Título en portugués
O pai/padrasto em famílias recompostas
Palabras clave en portugués
Enteados ; Famílias recompostas ; Filhos ; Padrastos ; Pai
Resumen en portugués
Mudanças recentes na composição e nas relações internas das famílias brasileiras decorreram, entre outros fatores, do número crescente de separações e divórcios e do ingresso maciço das mulheres no mercado de trabalho, de inovações científicas e tecnológicas, como métodos eficazes de contracepção e de reprodução assistida, além de medidas na área da saúde que aumentaram a expectativa de vida da população. O conjunto dessas alterações contribuíram para redefinir a condição feminina, as relações de gênero entre homens e mulheres e as formas de exercício da maternidade e paternidade. Em decorrência dessas transformações, aumentou o número de famílias recompostas constituídas por casais que vivem em segunda união e cuja forma de organização é bastante complexa, sobretudo no que diz respeito às relações com filhos da primeira união dos cônjuges. Em algumas famílias recompostas um homem é pai de filho(s) de união(ões) anterior(es), padrasto do(s) filho(s) da companheira atual e com a qual também pode ter filhos. Esta pesquisa teve por objetivo investigar o exercício da paternidade e as relações conjugais em famílias recompostas constituídas por segunda união de parceiros que têm filho(s) de casamento(s) anterior(es) e eventualmente da segunda união para analisar como homens, que são pais e padrastos, vivenciam a relação de paternidade com filho(s), considerando que aquele(s) da primeira união mora(m) com a ex-esposa, e quais os vínculos que mantêm, enquanto padrasto, com o(s) filho(s) de sua companheira atual. Foram entrevistados sete homens vivendo em segunda união e que são pais e padrastos. Os dados foram coletados com o pai/padrasto mediante entrevista com roteiro semi-estruturado, gravada e transcrita na íntegra, e foram analisados de acordo com a abordagem teórica da antropologia e da psicologia. Os resultados indicam flexibilização das tarefas domésticas e dos cuidados com os filhos, mudanças nas vivências e no exercício da paternidade, procura dos padrastros em manterem boas relações com enteados e com os filhos biológicos com quem não residem.
Título en inglés
The father/stepfather in stepfamilies
Palabras clave en inglés
Children ; Father ; Stepchildren ; Stepfamilies ; Stepfather
Resumen en inglés
Recent changes in the composition of Brazilian families were the result of, amongst other factors, the growing number of separations and divorces, the massive entry of women into the market, scientific and technological innovations, like the effective methods of contraception and assisted reproduction as well as measures in the health area that have increased the life expectancy of the population. All these changes contributed to the redefinition of the feminine condition, the gender relations between men and women, and the forms of exercise of motherhood and fatherhood. As a result of these transformations, there was an increase in the number of reconstituted families made up of couples living in second marriage and whose organization is quite complex, especially regarded to relations with children from the first marriage of the spouses. In some recomposed families, a man is the father of previous children, stepfather of the children of the current partner and with whom he may also have children. The objective of this research is to investigate the exercise of fatherhood and conjugal relationships in families who are composed of second union of partners who have children from previous marriage(s) and eventually from second marriage to analyze how men, who are fathers and stepfathers, experience the relationship of fatherhood with children, considering that the one(s) from the first union lives with the ex-wife, and what ties they have as a stepfather of the children of the current companion. Seven men who are fathers and stepfathers and living in second union were interviewed. Data were collected with the father/stepfather through interviews with semi-structured script, recorded and transcribed in its integrity, and analyzed according to the theoretical approaches of anthropology and psychology. The results indicated a flexibilization of the domestic tasks and children caring, changes in the experiences and the exercise of paternity, movement of the stepfathers towards a good relation with the stepchildren, maintenance of the relationship with the consanguineous children.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2019-02-04
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.