• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.6.2014.tde-09052014-163758
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Ralph Medeiros de Sousa
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Marrelli, Mauro Toledo (Presidente)
Camara, Tamara Nunes de Lima
Menezes, Regiane Maria Tironi de
Título em português
Estudo dos padrões de diversidade de mosquitos (Diptera: Culicidae) em parques urbanos da cidade de São Paulo, SP
Palavras-chave em português
Cidade de São Paulo
Culicídeos
Diversidade
Parques Urbanos
Resumo em português
Na medida em que o homem altera processos ecológicos e pressiona os ambientes naturais, cresce também o risco de contato com agentes patogênicos provenientes desses meios, muitos dos quais podem ser veiculados por mosquitos. A cidade de São Paulo possui uma centena de parques públicos que preservam remanescentes da flora e fauna e são utilizados pela população como espaços de lazer. Pouco se sabe sobre os padrões de diversidade de culicídeos que habitam estas áreas e tal ausência de dados inviabiliza predições e inferências sobre processos ecológicos atuantes ou riscos epidemiológicos inerentes. Este trabalho teve como objetivo descrever e analisar os padrões de diversidade das assembleias de culicídeos em parques urbanos da cidade. Mosquitos adultos e Imaturos foram coletados entre 2011/2012 e 2012/2013 em dez parques urbanos da cidade: Alfredo Volpi, Anhanguera, Burle Marx, Carmo, Chico Mendes, Ibirapuera, Piqueri, Previdência, Santo Dias e Sangrilá. Ao todo foram realizadas doze coletas em cada parque ao longo de um ano. Após identificação das espécies foram calculados riqueza, abundância e índices de diversidade por coleta em cada parque. Testes estatísticos foram aplicados para verificar diferenças significantes entre os parques e períodos do ano em relação aos parâmetros de diversidade mensurados. Verificou-se a similaridade na composição de espécies para os parques e tipos de criadouros e foram testadas associações entre parâmetros ambientais em relação à diversidade alfa e beta. Ao longo do estudo foram coletadas 81 espécies/táxons nos dez parques pesquisados. As espécies mais comuns e abundantes foram Ae. albopictus, Ae. scapularis, Ae. fluviatilis, Cx. quinquefasciatus e Cx. nigripalpus, todas de interesse epidemiológico. O Anhanguera apresentou a maior riqueza e o Shangrilá a maior diversidade. Ibirapuera e Alfredo Volpi apresentaram a menor riqueza e diversidade respectivamente. As assembleias mostraram variações nos padrões de diversidade na comparação entre os meses mais quentes e chuvosos em relação aos meses mais frios e secos. Foi demonstrado que diferenças ambientais entre os parques podem influenciar a riqueza e composição de espécies. O Processo de seleção mostrou ser um importante fator-chave na formação dos padrões de riqueza e composição de culicídeos dos parques. Aparentemente, a perda de espécies pode promover uma homogeneização na composição de culicídeos ao longo dos parques, onde poucas espécies resilientes permanecem no ambiente e destas a maioria apresenta importância médico-epidemiológica. O contato entre mosquitos vetores, animais reservatórios e a população que utiliza os parques pode promover epizootias e o estabelecimento de ciclos de transmissão em nosso meio, recomenda-se constante vigilância epidemiológica.
Título em inglês
Study of diversity patterns of mosquitoes (Diptera: Culicidae) in urban parks in the city of São Paulo
Palavras-chave em inglês
City of São Paulo
Culicids
Diversity
Urban Parks
Resumo em inglês
Human activities and population growth leads to fragmentation and isolation of natural environments, triggering key alterations on organisms diversity in these locations. To the extent that man interferes with ecological processes and natural environments, increases the risk of contact with pathogens from those places, many of which can be transmitted by mosquitoes. The city of Sao Paulo has a hundred public parks that preserve remnants of flora and fauna and are used by the population as recreational spaces. Little is known about culicid diversity patterns whitin these areas and this lack of data precludes predictions and inferences about ecological processes and risks of vector-borne diseases. This study aimed to describe and analyze the diversity patterns of culicids assemblages in urban parks of the city. Immature and adult mosquitoes were collected between 2011/2012 and 2012/2013 in ten urban parks: Alfredo Volpi, Anhanguera, Burle Marx, Carmo, Chico Mendes, Ibirapuera, Piqueri, Previdência, Santo Dias and Sangrila. Altogether twelve samplings were performed at each park throughout a year. After species identification were calculated richness, abundance and Shannon e Simpson index for each park and replica. Statistical tests were applied to verify significant differences between parks and seasons of the year in relation to diversity parameters. Similarity were calculated for species composition between parks and type of breeding sites and associations between environmental parameters were tested for alpha and beta diversity. Over the study 81 species / taxa were collected in all the ten parks surveyed. The most common and abundant species were Ae. albopictus, Ae. scapularis, Ae. fluviatilis, Cx. quinquefasciatus and Cx. nigripalpus, epidemiologically important vectors. The Anhanguera was the richest park in species and the Shangrilá park showed the highest diversity. Ibirapuera and Alfredo Volpi showed the lowest richness and diversity respectively. The assemblages showed variations in the comparison between the warmer and rainier months compared to colder and drier ones. We found that environmental differences between parks can influence the species richness and composition. The Selection process proved to be an important key factor in shaping patterns of richness and culicids composition in parks of the city. Apparently, the decrease in the amount of species can promote a homogenization in culicids composition over urban parks, where few resilient species remain in the environment and the majority of these have medical and epidemiological importance. The interaction between vector mosquitoes, reservoirs and people can promote epizootic events and the establishment of transmission cycles in urban environments, it is recommended constant epidemiological surveillance.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-06-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.