• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.6.2013.tde-13032014-083803
Documento
Autor
Nome completo
Rudgy Pinto de Figueirêdo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Laurenti, Ruy (Presidente)
Aldrighi, José Mendes
Gotlieb, Sabina Lea Davidson
Lago, Tania di Giacomo do
Melo, Celia Regina Maganha e
Título em português
O estudo da morbidade materna e do concepto em uma maternidade pública de João Pessoa, Paraíba
Palavras-chave em português
Morbidade Materna
Mortalidade Materna
Near Miss Materna
Saúde Materna
Resumo em português
Introdução - O estudo da morbidade materna contribui para um melhor entendimento do quadro da saúde materna, no Brasil, e para o conhecimento dos problemas obstétricos que podem levar (ou não) ao internamento das gestantes. Os dados de morbidade materna são vitais para os gestores de políticas públicas de saúde, os quais precisam saber quantas mulheres necessitam de cuidados obstétricos básicos para tornar a gestação e o parto mais seguros. Objetivos - Estudar a morbidade materna e os conceptos de puérperas numa maternidade da rede pública de João Pessoa, Paraíba, e identificar mulheres com diagnósticos considerados potencialmente graves e sugestivos de morbidade materna near miss. Método - Trata-se de um estudo transversal que fez parte de uma pesquisa maior sobre a morbimortalidade materna. Foi selecionada uma amostra de 414 puérperas por um processo de amostragem aleatória sistemático, cujos dados foram coletados, prospectivamente, de setembro a novembro de 2011, a partir dos prontuários clínicos e entrevistas complementares, numa maternidade pública de referência e acentuada demanda no município. Resultados - Foram estudadas 383 gestações que terminaram em parto e 391 conceptos. Entre as puérperas, predominou a faixa etária dos 20 aos 34 anos, cor parda, baixa escolaridade, baixa renda e sem ocupação formal no mercado de trabalho. Metade delas tiveram parto cesariano e 17 por cento dos recém-nascidos apresentaram problemas de saúde. Foram identificadas as seguintes intercorrências no parto: lacerações do períneo, hematomas, traumatismos, hemorragias e hipertensões. No puerpério, destacaram-se os transtornos hipertensivos, as hemorragias do pós-parto e as infecções. Entre os 64 diagnósticos sugestivos de near miss, estão as síndromes hipertensivas (58 por cento ) e as síndromes hemorrágicas (32,8 por cento ). Na análise comparativa entre os grupos de puérperas com morbidades sugestivas e não sugestivas de near miss, as seguintes variáveis apresentaram diferenças estatisticamente significantes (p<0,001): problemas de saúde na gestação anterior e atual, hipertensão, gestação de risco e uso de anti-hipertensivos. Não foram encontradas diferenças estatísticas entre as características dos neonatos e a morbidade materna, sugestiva ou não de near miss. Conclusão - O estudo permitiu conhecer as características maternas e a prevalência (15,5 por cento ) de morbidades sugestivas de near miss que ocorrem, seja no parto seja no puerpério. Ampliar o conhecimento sobre os aspectos que envolvem a morbidade materna torna-se crucial para o adequado enfrentamento de complicações no ciclo gravídico-puerperal, além de apoiar o Plano de Ação para acelerar a redução da mortalidade materna e morbidade materna grave.
Título em inglês
The study of maternal morbidity and of the conceptus in a public maternity hospital in João Pessoa, Paraíba
Palavras-chave em inglês
Maternal Health
Maternal Morbidity
Maternal Mortality
Maternal Near Miss
Resumo em inglês
Introduction The study of maternal morbidity contributes to a better understanding of the maternal health scene in Brazil and to the fuller knowledge of obstetric problems that may lead (or not) to the hospitalization of pregnant women. Maternal morbidity data are vital for the administrators of public health policies, who need to know how many women are expected to need basic obstetric care so as to make pregnancy and delivery safer. Objectives To study maternal morbidity and the conceptuses of puerperae in a public maternity hospital in João Pessoa, Paraíba, and identify women with a diagnosis considered potentially threatening and suggestive of being possible near misses. Method - This is a transverse study that is part of a larger project on maternal morbimortality. A sample of 414 puerperae was selected by a process of systematic random sampling, the data on whom were collected, prospectively, from September to November 2011, on the basis of clinical case notes and complementary interviews, at a public maternity hospital of reference in great demand in the municipality. Results - A total of 383 pregnancies which were carried through to delivery and 391 conceptuses were studied. There predominated, among the puerperas: the 20 - 34 year age-group, of brown skin color, low level of schooling, low income and no formal professional occupation. Half of them underwent caesarian section and 17 per cent of the new-born presented health problems. The following incidents were identified during labour: lacerations of the perineum, haematomas, traumatisms, haemorrhages and hypertensions. During the puerperium, hypertensive disorders, post-partum hemorrhage and other puerperal infections were noteworthy. The most frequent mention in the case notes of maternal causes was of hypertensive disturbances of pregnancy. Among the 64 diagnoses suggestive of near-miss, are the hypertensive (58 per cent ) and the haemorrhagic syndromes (32.8 per cent ). In the comparative analysis of the groups of puerperae with morbidities suggestive of near-miss, the following variables presented statistically significant differences (p<0.001): health problems during the previous and present pregnancy, hypertension, risk pregnancy and use of hypertensive medications. No statistical differences between the characteristics of the newborn and those of maternal morbidity (whether suggestive of near miss or not) were found. Conclusion - The study allowed the identification of maternal characteristics and the prevalence (15.5 per cent ) of the morbidities suggestive of maternal near-miss which occur either during labour or puerperium. It is crucial that our knowledge of the aspects of maternal mortality should be expanded so that the complications of the pregnancy-puerperal cycle may be adequately treated and to provide support for the Action Plan to speed up the reduction of maternal mortality and severe maternal morbidity.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Tese_Rudgy.pdf (3.22 Mbytes)
Data de Publicação
2014-04-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.