• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Doctoral Thesis
DOI
10.11606/T.6.2016.tde-29032016-135118
Document
Author
Full name
Sylvia Christina de Andrade Grimm
E-mail
Institute/School/College
Knowledge Area
Date of Defense
Published
São Paulo, 2016
Supervisor
Committee
Tanaka, Oswaldo Yoshimi (President)
Drumond Júnior, Marcos
Louvison, Marilia Cristina Prado
Pinto, Nicanor Rodrigues da Silva
Ribeiro, Edith Lauridsen
Title in Portuguese
Potencialidades e alcances do monitoramento como ferramenta de gestão da saúde
Keywords in Portuguese
Avaliação da Gestão em Saúde
Gestão em Saúde
Indicadores de Gestão
Monitoramento
Sistema Único de Saúde
Abstract in Portuguese
No Brasil, a construção bem como as mudanças nos mais de vinte anos do Sistema Único de Saúde (SUS) tem demandado um crescente interesse em estratégias que valorizem o uso da informação em saúde. Cada vez mais as incertezas entre a complexidade deste sistema e as intervenções necessárias para atender os seus preceitos e as necessidades da população precisam de respostas ágeis e efetivas. A efetividade dos serviços e a equidade em sua prestação são cruciais na atenção à saúde e mostram-se como desafio frente à dificuldade de avaliação dos resultados das ações pela demora no impacto nos indicadores epidemiológicos clássicos. O monitoramento é uma prática que pode ser destacada pela agilidade nas respostas, porém é nítido o quanto a discussão sobre o assunto é pouco estabelecida na literatura disponível. Se apresenta como uma prática interativa e proativa que utiliza informações disponíveis com o potencial de organizar e divulgar rapidamente as descobertas feitas, gerar um aprendizado organizacional e apoiar o processo decisório. A proposta deste estudo considerou o Painel de Monitoramento da Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo como ponto de partida para pesquisar sobre as potencialidades do monitoramento na gestão. Uma pesquisa de métodos mistos foi a opção metodológica para este trabalho que buscou aprofundar o marco referencial teórico sobre monitoramento, descrever e analisar criticamente as referências técnicas utilizadas para a construção da proposta e realizar um estudo de caso único em território descentralizado do município de São Paulo sobre a rotina local na sua utilização e com isso analisar as potencialidades e os alcances desta experiência na gestão municipal. Concluiu-se que o monitoramento por meio de indicadores selecionados a partir de dados secundários é uma estratégia oportuna de acompanhar a tendência de determinadas ações possibilitando assim a emissão de juízo de valor e tomada de decisão com rapidez. O aplicativo propicia aos gestores e técnicos informações relevantes que apoiam o processo decisório, além de possibilitar a sua utilização em diferentes contextos da gestão e portes territoriais. Por outro lado, a prática cotidiana é pautada por prioridades normativas, onde a precisão do registro, a coerência das fontes e a quantidade apontada sobrepõem-se à informação em si, o seu significado e as ações necessárias para o enfrentamento dos problemas. O uso da informação é cultura em construção e o Painel de Monitoramento traz a possibilidade de organizar, qualificar e difundir dados secundários dos diferentes sistemas de informação do Sistema Único de Saúde (SUS). Além disso, tem contribuído também no papel de fomentar as discussões sobre os diferentes temas que envolvem as prioridades de uma gestão em todos os níveis do sistema de saúde do município de São Paulo.
Title in English
Potential and Scope of Monitoring as a Tool for Health Management
Keywords in English
Health Management
Health Management Evaluation
Management Indicators
Monitoring
National Health System
Abstract in English
In Brazil, construction and changes in more than twenty years of the Unified Health System (SUS) has demanded an increasing interest in strategies to enhance the use of health information. Increasingly, uncertainties between the complexity of this system and the interventions required to meet its precepts and the population's needs require agile and effective responses. The effectiveness of services and equity in its provision are crucial in health care and shows up as large challenge facing the difficulty of effective evaluation of this attention for the delay in the impact on classical epidemiological indicators. Monitoring is a practice that can be highlighted by the responsiveness, but it is clear how the discussion on the subject not yet established in the available literature. It is presented as an interactive and proactive practice using information available with the potential to quickly organize and disseminate discoveries made, generate organizational learning and support decision making. This study considered the Monitoring Panel of the Health Department of São Paulo as a starting point to research on the potential monitoring in a management. A survey of mixed methods was the method chosen for this work that sought to deepen the theoretical framework on monitoring, review and critically analyze the theoretical foundations of tool construction and conduct a case study in a decentralized space in São Paulo on the routine site on its use and thus evaluate the potential and scope of this experience in municipal management. It was concluded that monitoring through indicators from secondary data is an agile strategy to follow the trend of certain actions thus enabling value-issue and decision making quickly. The application provides managers and technical relevant information supporting the decisionmaking process, and enable its use in different areas of management and territorial sizes. On the other hand, everyday practice is still guided by normative priorities, where the accuracy of the record, the consistency of sources, pointed amount, overrides the information itself, its meaning and the necessary actions to face the problems. The use of information is culture construction and Monitoring Panel brings the ability to organize, disseminate and qualify secondary data from different information systems of the National Health System (SUS). Moreover, it has also contributed in part to encouraging discussions on the different issues involving the priorities of management at all levels of the São Paulo municipal health system.
 
WARNING - Viewing this document is conditioned on your acceptance of the following terms of use:
This document is only for private use for research and teaching activities. Reproduction for commercial use is forbidden. This rights cover the whole data about this document as well as its contents. Any uses or copies of this document in whole or in part must include the author's name.
Publishing Date
2016-06-01
 
WARNING: Learn what derived works are clicking here.
All rights of the thesis/dissertation are from the authors
CeTI-SC/STI
Digital Library of Theses and Dissertations of USP. Copyright © 2001-2020. All rights reserved.