• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.6.2007.tde-05102007-112517
Documento
Autor
Nombre completo
Leticia de Souza Lucas
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2007
Director
Tribunal
Vasconcellos, Maria da Penha Costa (Presidente)
Adorno, Rubens de Camargo Ferreira
Scarcelli, Ianni Regia
Título en portugués
De pacientes a cidadãos: a trajetória da Associação 'Loucos pela Vida' no município de Mogi das Cruzes - SP
Palabras clave en portugués
Associação civil
Cidadania
Relatos orais
Saúde mental
Resumen en portugués
A atual legislação brasileira em saúde mental é fruto de uma longa luta que teve inicio com os trabalhadores da área, que fundaram o Movimento da Reforma Psiquiátrica no final dos anos de 1970. É somente com a participação dos usuários e de seus familiares, organizados em associações civis, que este movimento aproxima-se da sociedade civil e inaugura uma nova etapa: o Movimento da Luta Antimanicomial. As associações civis em saúde mental constituem um movimento social recente e têm por meta promover o exercício da cidadania das pessoas com sofrimento psíquico por meio de atividades sociais, econômicas, políticas e culturais. Escolhemos para análise, no município de Mogi das Cruzes - SP, a Associação “Loucos pela Vida”, entidade de composição mista que funciona em um espaço cedido pelo Ambulatório de Saúde Mental da cidade, com o objetivo de compreender a trajetória da Associação, abordando sua constituição, configuração das relações existentes entre os diferentes participantes e diversidade de ações nos espaços das políticas públicas de saúde no município de Mogi das Cruzes/SP, visando compreender a contribuição das associações civis em saúde mental no processo de modificação do lugar social historicamente atribuído às pessoas com sofrimento psíquico, tendo em vista o exercício da cidadania. Para alcançarmos tal objetivo, recorremos a fontes documentais e relatos orais, entre associados-usuários e associado-trabalhadores, da referida associação.
Título en inglés
From patients to citizens: the route of the association "Loucos pela Vida" (Crazy for life) in the city of Mogi das Cruzes - SP
Palabras clave en inglés
Citizenship
Civil association
Mental health
Oral reports
Resumen en inglés
The current Brazilian legislation in mental health is the fruit of a long fight that started with the workers of the area, who founded the Psychiatric Reform Movement at the end of the 1970’s. It is only with the participation of the users and their families, organized in civil associations, that this movement approaches the civil society and inaugurates a new phase: the anti-asylum movement. The civil associations in mental health comprise a recent social movement and have the goal of promoting the citizenship exercise of the people with psychic suffering by means of social, economic, political and cultural activities. We chose the Associação “Loucos pela Vida” (Crazy for Life Association) in the city of Mogi das Cruzes – SP; a mixed-composition institution that operates in a space granted by the Mental Health Ambulatory of the city, with the objective of understanding the route of the Association, covering its constitution, configuration of the relations existing among the different participants and diversity of actions in the spaces of the health public policies in the city of Mogi das Cruzes/SP, with the objective of understanding the civil associations contributions in mental health in the changing process of the social place historically attributed to the people with psychic suffering, aiming at the citizenship exercise. To achieve such objective, we resorted to documental sources and oral reports, among the associates-users and associate-workers, of the referred association.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2007-10-26
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.