• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.6.2011.tde-07102011-131804
Documento
Autor
Nome completo
Razão Simão
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Gallo, Paulo Rogerio (Presidente)
Gallo, Sophia Karlla Almeida Motta
Tanaka, Ana Cristina D'Andretta
Título em português
Desafios para caracterização da mortalidade infantil em Cabinda-Angola
Palavras-chave em português
Estatísticas Vitais e Indicadores Básicos de Saúde
Mortalidade Infantil
Resumo em português
Objetivo: Discutir criticamente, descrever e analisar os dados de óbitos infantis disponibilizados pelos serviços públicos da província de Cabinda-Angola. Método: Foram estudados nascimentos vivos em hospitais da província de Cabinda, e óbitos de menores de um ano de idade, nos anos 2007 e 2008. Como fonte de dados foram utilizados os registrados nos livros de registro dos hospitais municipais, d o hospital provincial e do escritório provincial da OMS de Cabinda. Os dados são contextualizados pela experiência do autor como habitante da região. Resultados: Os resultados deste trabalho mostram que em 2008 morreram mais crianças no primeiro dia de vida (109) que nos 11 meses restantes (97). Contudo, evidencia-se que 200 óbitos (54,64 por cento ) ocorreram em menores de 28 dias de idade em 2007 enquanto que para o mesmo período em 2008 morreram 178 crianças, Quanto às causas básicas de mortes infantis, a malária é destacada como principal causa. Isoladamente a malária responde aproximadamente por uma morte a cada três crianças falecidas. Dentre as doenças evitáveis por vacinação, o tétano responde por cerca de 5 por cento das mortes. Entre as doenças controláveis por saneamento básico, as diarréias ocupam posição de destaque 9,83 por cento em 2007 e 3,27 por cento em 2008. A redução de 65 para 40 óbitos por pneumonia entre as crianças inscreve-a como segunda ou terceira causa mais importante de óbito entre as crianças cabindenses, partilhando espaço com a asfixia neonatal (17,75 por cento em 2007 e 26,90 por cento em 2008). Apesar das dificuldades e limitantes da qualidade das informações encontradas durante a coleta de dados, buscou-se valorizar as existentes e que foram analisa das neste trabalho. Conclusões: Os resultados obtidos indicam que em Cabinda, melhorias na qualidade de assistência pré-natal, ao parto e ao recém-nascido de risco, poderiam reduzir ainda que parcialmente a Mortalidade Infantil. Fatores como condições inadequadas de abastecimento de água, falta de saneamento básico, dentre outros, revelaram ter papel importante como condicionantes da elevada Mortalidade Infantil observada em Cabinda. Apesar de ser atraente priorizar investimentos dos recursos em ações curativas, este trabalho reforça a perspectiva revisitar as políticas locais de Saúde e priorizar as atividades preventivas nos municípios da grande Cabinda. Assim, sugere-se a implantação de uma rede primária de assistência à saúde e um investimento permanente na melhoria da qualidade das informações de Saúde
Título em inglês
Challenges to characterize infant mortality in Cabinda, Angola
Palavras-chave em inglês
Infant Mortality
Vital Statistics and Health Status Indicators
Resumo em inglês
Objective: To critically discuss, describe and analyze the infant deaths data available for public services in the province of Cabinda-Angola. Method: A total of live births in hospitals in the province of Cabinda, and deaths of children under one year of age, in years 2007 and 2008. The data source were used those recorded on the records of municipal hospitals, the provincial hospital and the provincial office of WHO in Cabinda. The data are contextualized by the author's experience as an inhabitant of the region. Results: The results of this study suggested that in 2008 more children died in the first days of life (109) than in the remaining 11 months (97). However, it is clear that 200 deaths (54.64 per cent ) occurred in children younger than 28 day- old in 2007 while for the same period in 2008 died 178 children. As the root causes of child deaths, malaria is highlighted as the main cause. Malaria alone accounts for approximately one death every three children who die. Among the vaccinepreventable diseases, tetanus accounts for about 5 per cent of deaths. Among the diseases controlled by sanitation, diarrhea, occupy a prominent position in 2007, 9.83 per cent and 3.27 per cent in 2008. The reduction from 65 to 40 deaths from pneumonia among children falls as the second or third most important cause of death among children Cabinda, sharing space with neonatal asphyxia (17.75 per cent in 2007 and 26.90 per cent in 2008). Despite the difficulties, limiting the quality of information found during the data collection, we sought to enhance existing ones, which were analyzed in this work. Conclusions: The results indicate that in Cabinda, improvements in quality of prenatal care, childbirth and the newborn at risk, even partially could reduce infant mortality. Factors such as inadequate water supply, poor sanitation, among others, were found to have important role as determinants of high infant mortality observed in Cabinda. Despite being attractive investments prioritize resources on curative actions, this work reinforces the perspective of revisit policies and prioritize local health preventive activities in the great area of Cabinda. Thus, we suggest the establishment of a network of primary health care and an ongoing investment to improve the quality of information on Health
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
RazaoSimao.pdf (1.29 Mbytes)
Data de Publicação
2011-10-31
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.