• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Mémoire de Maîtrise
DOI
10.11606/D.6.2009.tde-14012010-154806
Document
Auteur
Nom complet
João Tibúrcio Tati
Adresse Mail
Unité de l'USP
Domain de Connaissance
Date de Soutenance
Editeur
São Paulo, 2009
Directeur
Jury
Adorno, Rubens de Camargo Ferreira (Président)
Campos, Edemilson Antunes de
Pirotta, Katia Cibelle Machado
Titre en portugais
Restos de guerra: trajetórias e modos de vida dos jovens no município de Cacuaco, Luanda - Angola - 2009
Mots-clés en portugais
Conflito Civil
Consumo de Álcool
Jovens
Sobrevivência
Social
Sofrimentos
Trabalho Informal
Resumé en portugais
O conflito civil em Angola durou três décadas, com êxodo de populações, a pobreza, a exclusão social, a vivências em campos de deslocados sobrevivendo de dádivas das organizações humanitárias nacionais e internacionais. Com dilaceração do conflito muitos dos progenitores dos nossos jovens nasceram e crescer e participaram no conflito, sendo por legado os nossos sujeitos também nasceram durante o conflito que recentemente terminou em 2002, aliados a vários esforços de pacificação. Desvelar as trajetórias, modos de vida e sofrimentos foi o nosso objetivo e, com a contribuição da etnografia e o recurso de observações participante e entrevistas semiestruturadas aos jovens no trabalho informal, pudemos nos inteirar das dinâmicas, redes, dificuldades, aspirações e dignidade social das atividades informais. A migração de populações, em especial crianças, jovens e adultos no período de conflito armado, causou sofrimentos físicos e psicossociais, aliados as humilhações culturais e por solidariedade residem zonas suburbanas, e os biscates são a fonte de sobrevivência e sustento das famílias. No pós-guerra, as dificuldades herdadas no conflito como; exiguidade de infratruturas básicas, aliadas a desestruturação das famílias, os mantém como excluídos e incluídos em redes de solidariedade e encontram no mercado de rua diurno como atividade dignificante socialmente. O trabalho penoso de rua, que se baseia no ganho pelo (esforço individual), para fazer face as exigências recorrem a alimentação energética, consumo de álcool para permeabilizar atividade e ou lubrificar as relações sociais. As jovens recorrem as atividades de venda à pé e porta a porta, e outras na revenda mercadorias nos mercados paralelos. Existe ainda cultura do álcool como; analgésico, tranquilizador, energético e prazeroso, em situações de fadiga, exaustão e penosidade; o consumo é no intuito de amenizar sofrimentos físicos, e psicossociais. Os conflitos armados dilaceram o tecido social e com graves problemas de saúde pública nas populações. Com a estabilidade política os jovens merecem maior atenção pelas instituições públicas na criação de políticas abrangentes aos jovens em situação de precariedade, como forma de reduzir a exclusão, pobreza, analfabetismo, doenças e mortes nesta franje da população
Titre en anglais
War remnants: trajectory and ways of life of Young people in Cacuaco, Luanda Angola
Mots-clés en anglais
Alchool Consuption
Angola
Civil Conflict
Informal Work
Luand
Social
Suffering
Survival
Youth
Resumé en anglais
The civil conflict in Angola lasted three decades and devastated the biopsychosocial tissue. In spite of some initiative of peace agreement, peace became a reality only in 2002, which left a part of the population under exclusion and facing psychosocial trauma. The objective of this work was to identify the trajectory, ways of life and suffering of the target population. By applying to the contribution of ethnography and participant observations as well as semi-structured interviews addressed to young people in informal market, we could learn the dynamics, networks, challenges, aspirations and social dignity of the activities. The migration of population, mainly children, youth and adults, during the period of armed conflict led these people to internally displaced people camps and to peri-urban areas. In the post war period, these young people turned the streets as their working place by selling assorted staff to maintain their families. During the working hours, these young people consume alcoholic beverage to ease or lubricate the social relations. There is the culture of alcohol as analgesic, tranquilizer and energizer. In moments of fatigue, exhaustion and suffering; the consumption of alcohol is to soften the torment. The work in the street during day time allows the survival of the families, the inclusion in the society through networks and groups of solidarity; allowing the existence of the I and family
 
AVERTISSEMENT - Regarde ce document est soumise à votre acceptation des conditions d'utilisation suivantes:
Ce document est uniquement à des fins privées pour la recherche et l'enseignement. Reproduction à des fins commerciales est interdite. Cette droits couvrent l'ensemble des données sur ce document ainsi que son contenu. Toute utilisation ou de copie de ce document, en totalité ou en partie, doit inclure le nom de l'auteur.
Tiburcio.pdf (2.44 Mbytes)
Date de Publication
2010-03-08
 
AVERTISSEMENT: Apprenez ce que sont des œvres dérivées cliquant ici.
Tous droits de la thèse/dissertation appartiennent aux auteurs
Centro de Informática de São Carlos
Bibliothèque Numérique de Thèses et Mémoires de l'USP. Copyright © 2001-2020. Tous droits réservés.