• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.6.2011.tde-15062011-114237
Documento
Autor
Nome completo
José Braz Chidassicua
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Adorno, Rubens de Camargo Ferreira (Presidente)
Luna, Expedito José de Albuquerque
Vasconcellos, Maria da Penha Costa
Título em português
Práticas e saberes socioculturais sobre saúde, doença e morte de crianças de 0 a 5 anos de idade, na comunidade de Mopeia (Moçambique)
Palavras-chave em português
Amamentação
Campanha Sanitária
Malária
Moçambique
Saneamento
Vacinação
Resumo em português
Estudo qualitativo que tem como objetivo compreender os significados socioculturais relacionados à saúde, doença e morte de crianças de 0 a 5 anos na comunidade de Mopeia tendo por objeto as campanhas sanitárias governamentais em Moçambique, particularmente, vacinação de crianças, utilização de redes mosquiteiras e amamentação exclusiva até os 6 meses de idade. Através do método etnográfico e particularmente da observação participante, do uso de diário de campo e entrevistas semidiretivas, no sentido de captar as vinculações das práticas e saberes socioculturais com os elementos do contexto de vida da comunidade, realizou-se o trabalho de campo entre os meses de Julho e Setembro de 2010. Os resultados apontam que certas praticas socioculturais relacionadas à falta de higiene e saneamento do meio, à não-amamentação exclusiva até os 6 meses, bem como ao uso incorreto das redes mosquiteiras, associadas às limitações na efetividade das intervenções sanitárias, podem estar contribuindo para a mortalidade de crianças menores de 5 anos por doenças preveníveis. Observou-se também que há falta de consonância entre os programas de intervenção de saúde pública, particularmente as medidas mecânicas para o controle de certas doenças preveníveis, como a malária e a diarréia, através de campanhas sanitárias e a realidade de vida das populações. Neste contexto, há necessidade de se articular as campanhas sanitárias com as práticas socioculturais da região, concomitantemente com a disponibilidade e expansão de infra-estruturas básicas, para que haja mais eficácia na intervenção das políticas de saúde pública na luta contra a redução da mortalidade de menores de 5 anos por doenças preveníveis
Título em inglês
Socio-cultural practices and awareness about health, disease and death of children aged between 0-5 at Mopeia Community (Mozambique)
Palavras-chave em inglês
Breast Feeding
Health Campaign
Malaria
Mozambique
Sanitation
Vaccination
Resumo em inglês
This qualitative study seeks to understand the socio-cultural meanings about health, disease and death of children aged between 0-5 at Mopeia community. Its object is the government run health campaigns in Mozambique, particularly children vaccination, mosquito nets use, exclusive breast feeding up to six years of age. By applying the ethnographic method, particularly through participative observation, field diary and interviews to capture the relationship between the practices, the socio-cultural knowledge and the individuals of the community, a field work was carried out between July and September 2010. The results show that some socio-cultural practices like lack of hygienic practices and community sanitation, non exclusive breast feeding up to six years of age, the improper use of mosquito nets, associated to the shortage of health care assisance can be contributing to the mortality of children under five by preventable diseases. It was also observed that there is a mismatch between public health programs, particularly those addressed to preventable diseases like malaria and diarrhea and the reality of the community. Thus, there is the need to match the campaigns to the socio-cultural practices in the region, make available and expand infrastructure for primary health care to boost the efficacy of the intervention in public health policies aimed at fighting and reducing the death rates by preventable diseases of children under five years of age
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
JoseBraz.pdf (2.35 Mbytes)
Data de Publicação
2011-06-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.