• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.6.2009.tde-26052010-144327
Documento
Autor
Nombre completo
Grace Peixoto Noronha
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2009
Director
Tribunal
Gallo, Paulo Rogerio (Presidente)
Kahhale, Edna Maria Severino Peters
Westphal, Marcia Faria
Título en portugués
Sexualidade e fontes de informação entre adolescentes estudantes do ensino médio
Palabras clave en portugués
Adolescência
Dúvidas
Fontes de informação
Saúde sexual
Sexualidade
Resumen en portugués
Introdução: Entre os aspectos das ações desenvolvidas no campo da Saúde Pública voltadas aos adolescentes, no que tange àquelas voltadas à esfera da saúde sexual e reprodutiva, além das questões de vulnerabilidade mais habitualmente abordadas como as DST/ AIDS e gravidez na adolescência, devem ser destacadas as ações que propiciem o desenvolvimento sexual saudável. A adolescência é um conceito histórica e socialmente construído envolvendo indivíduos que vivenciam transformações bio-psico-sociais, nas quais a questão da sexualidade implica uma importante dimensão. O acesso às informações e conhecimentos por adolescentes sobre aspectos sexuais, biológicos, entre outros, pode favorecer a melhor compreensão de seu desenvolvimento, viabilizando maior autonomia nas suas atitudes e decisões. Objetivos: Identificar e caracterizar temas de perguntas que adolescentes do Ensino Médio têm sobre sexualidade em dois momentos históricos distintos; identificar as fontes de informação que adolescentes utilizam e/ou gostariam de utilizar para responder às suas perguntas; e comparar as dúvidas de estudantes do 2º grau de uma mesma escola em dois momentos históricos (1996, 2008). Métodos: Pesquisa transversal, quali-quantitativa, mediante utilização de questionário auto-preenchido aplicado após aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa da FSP/USP e consentimento esclarecido da diretoria da escola e dos responsáveis dos adolescentes menores de 18 anos. Compõem o grupo dos sujeitos de pesquisa, adolescentes estudantes do Ensino Médio de uma escola estadual da cidade de São Paulo. Análise: Os dados da pesquisa foram transcritos para um banco de dados do programa Microsoft Access e a análise foi realizada a partir do referencial teórico da Análise de Conteúdo. Resultados: foram sujeitos deste estudo 1178 adolescentes no ano de 1996 e 657 em 2008. A partir dos dados coletados foram criadas 22 categorias de perguntas e percebeu-se que as 11 mais freqüentes se repetiram nos dois anos pesquisados, entretanto essas categorias se manifestaram de forma diferente em relação ao gênero, sendo que as questões relativas aos agravos à saúde como DST/AIDS foram mais freqüentes entre os meninos e as referentes à temática da gravidez entre as meninas. Em relação às fontes que os adolescentes procuram informação sobre sexualidade, a internet foi a mais mencionada e quanto às fontes que os adolescentes gostariam de encontrar a informação, a escola aparece em primeiro lugar. Conclusão: apesar do distanciamento de mais de uma década do material de pesquisa analisado as temáticas sobre sexualidade demonstram um caráter atemporal deste campo do conhecimento, indicando temas centrais que permeiam a vivencia da sexualidade na adolescência ainda que com diferentes ênfases em cada época; quanto às fontes de informação, enquanto o cenário virtual aparece de forma marcante no cotidiano dos adolescentes indicando uma possível instrumentalização melhor para lidar com a sexualidade, a escola aparece como espaço de socialização e de demanda, configurando-se como lócus a ser melhor aproveitado pelas políticas públicas
Título en inglés
Sexuality and sources of information among high school teenager students
Palabras clave en inglés
adolescence
Doubts
Sexual health
Sexuality
Source informations
Resumen en inglés
Introduction: Among the aspects of the developed activities in Public Health area focused on teenagers, related to the sexual and reproductive health, beyond the vulnerability issues most frequently discussed as STD / AIDS and teenager's pregnancy, the activities that provide the healthy sexual development should be highlighted. The adolescence is a historical and socially built concept involving individuals who had experienced biological, psychological and social transformations, in which the sexuality issue implicates an important dimension. The access t However o information and knowledge by teenagers about sexual and biological features (among others) may promote a better comprehension of their development making more autonomy practical in their attitudes and decisions. Goals: Identify and characterize questions themes that High School teenagers have about sexuality in two distinct historical moments; identify the sources of information that teenagers use and/or would like to use to answer their questions; and compare the doubts of High School students from the same school in two historical moments (1996, 2008). However Methods: Transversal research, qualitative and quantitative, through using a questioner filled by the teenagers, applied after the approval of the Ethics Committee in Research of FSP/USP and declared consent of the school Directors and the people responsible for the teenagers under 18. The group is composed by research's subjects, High School teenager students from a public school in Sao Paulo. Analysis: The research's data were transcribed to a database of the software Microsoft Access and the analysis was done from the theoretical reference of Content Analysis. Results: 1178 teenagers were submitted to this study in 1996 and 657, in 2008. From the data collected were created 22 questions categories and it was perceived that the 11 most frequent were repeated in both researches. However those categories were expressed in different ways related to gender: the issues related to the health aggravation like STD/AIDS were more frequent among boys and those referred to the pregnancy thematic among girls. According to this research the internet was the most mentioned source of information about sexuality among teenagers. And among the sources teenagers would like to find information, school is the first one. Conclusion: Despite the distance of more than a decade of the analyzed research material, the thematics about sexuality demonstrate an atemporal characteristic in this knowledge area, indicating central themes that permeates the sexuality experience in adolescence even though with different emphasis in each age; about the informations sources while the virtual scenery appears in a striking way in the teenager's quotidian indicating the possibility of having better tools to deal with sexuality, the school appears as an space of socialization and demand, set as location to be better enjoyed by the public politics
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
NoronhaGP.pdf (903.89 Kbytes)
Fecha de Publicación
2010-06-16
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.