• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Patrick Wellington da Silva dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2019
Orientador
Banca examinadora
Antunes, Lusania Maria Greggi (Presidente)
Hojo, Elza Tiemi Sakamoto
Pedrosa, Andre Luiz
Tavares, Denise Crispim
Título em português
Influência do sulforafano, um inibidor de histonas desacetilases, sobre a instabilidade genômica e mecanismos epigenéticos em linhagens celulares humanas
Palavras-chave em português
Quimiopreventivo
RNA-Seq
RRBS
Transcriptoma
Resumo em português
O sulforafano é um isotiocinato encontrado nos vegetais crucíferos e apresenta-se como um potente inibidor da carcinogênese. No entanto, os mecanismos moleculares pelos quais o sulforafano afeta células cancerosas ainda não são totalmente compreendidos. Sendo assim, nesse estudo foi feita uma investigação abrangente em nível celular e molecular para avaliar os efeitos do sulforafano em células de hepatocarcinoma, HepG2 e células de tecido gástrico humano, GAS. Os resultados demonstraram o potencial antioxidante do sulforafano em baixas concentrações e os efeitos citotóxicos, reduzindo a viabilidade celular em ambas as linhagens nas concentrações maiores. A análise do transcriptoma permitiu identificar a influência do sulforafano em diversas vias de sinalização. A parada do ciclo celular em G2/M e o aumento da expressão de ciclinas e quinases dependentes de ciclina (CDK) sugerem que o sulforafano induz bloqueio mitótico em HepG2. O sulforafano induziu danos no DNA em HepG2 e esse efeito genotóxico pode estar relacionado com a inibição das histonas desacetilases (HDAC) uma vez que essas enzimas que controlam o perfil da cromatina foram encontradas com expressão gênica reduzida. Os danos no DNA causados pelo sulforafano podem ter induzido a parada do ciclo celular e a indução de morte celular por apoptose. Foi possível observar o aumento da população de células apoptóticas em ambas as linhagens. Inibição de vias de sinalização MAPK/ERK/JUN e PIK3/AKT podem estar relacionadas com a redução da proliferação celular observada em HepG2 por meio do ensaio clonogênico. Por fim, o sulforafano alterou o padrão de metilação em ambas as linhagens, o que pode estar relacionado com o silenciamento de motifs de fatores de transcrição relacionados com proliferação e crescimento tumoral. Os dados apresentados compreendem uma visão global da influência do sulforafano com diversos mecanismos anticâncer, e podem servir como recurso para futuros estudos
Título em inglês
Influence of sulforaphane, an inhibitor of histone deacetylases on the genomic instability and epigenetic mechanisms in human cell lines
Palavras-chave em inglês
Chemopreventive
RNA-Seq
RRBS
Transcriptome
Resumo em inglês
Sulforaphane is an isothiocyanate found in cruciferous vegetables and is a potent inhibitor of carcinogenesis. However, the molecular mechanisms by which sulforaphane affects cancer cells are still not fully understood. Thus, a comprehensive cellular and molecular investigation were conducted in this study to evaluate the effects of sulforaphane on hepatocarcinoma cells, HepG2 and human primary gastric cells, GAS. The results demonstrated the antioxidant potential of sulforaphane at low concentrations and cytotoxic effects, reducing cell viability in both cell lines at higher concentrations. The RNA-Seq analysis allowed to identify the influence of sulforaphane in several signaling pathways. Cell cycle arrest in G2/M and increased expression of cyclin-dependent cyclins and kinases (CDK) suggest that sulforaphane induces mitotic block in HepG2. Sulforaphane induced DNA damage in HepG2, and this genotoxic effect may be related to inhibition of histone deacetylases (HDAC) since these chromatin profile controlling enzymes were found downregulated. The DNA damage caused by sulforaphane may have induced cell cycle arrest and cell death by apoptosis. Sulforaphane induced apoptosis and triggered pro-apoptotic signals in both cell lines. The downregulation of MAPK / ERK / JUN and PIK3 / AKT signaling pathways may be related to reduced cell proliferation observed in HepG2 by the clonogenic assay. Finally, sulforaphane altered the methylation pattern in both strains, which may be related to the silencing of motifs of transcription factors related to proliferation and tumor growth. The data presented include an overview of the influence of sulforaphane on several anticancer mechanisms and may serve as a resource for future studies
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2021-05-23
Data de Publicação
2019-11-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.