• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2012.tde-09012014-135527
Documento
Autor
Nome completo
Ewerton Naves Dias
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Kimura, Miako (Presidente)
Santos, Vera Lucia Conceicao de Gouveia
Vianna, Lucila Amaral Carneiro
Título em português
Religiosidade e fatores associados: um estudo com residentes na cidade de Itajubá, Minas Gerais
Palavras-chave em português
Gênero
Idade
Religiosidade
Resumo em português
As relações entre religiosidade e saúde têm sido cada dia mais estudadas e as evidências têm apontado que as práticas religiosas e espirituais podem ser associadas com melhor saúde física, maior longevidade, melhor saúde mental e a um maior apoio social. Todavia, ainda são poucos os estudos que investigam esse fenômeno principalmente na realidade brasileira. O objetivo desse estudo foi analisar a associação entre a religiosidade e as características sociodemográficas e de saúde das pessoas residentes na cidade de Itajubá-MG. Trata-se de um estudo observacional, do tipo transversal, com abordagem quantitativa. A população do estudo foi composta de 600 residentes na cidade de Itajubá, Minas Gerais, de ambos os sexos, na faixa etária de 20 ou mais. O tipo de amostragem foi não-probabilístico, estratificado, proporcional por faixa etária e sexo dos residentes da cidade. As variáveis utilizadas para o estudo foram as características sociodemográficas e de saúde. Para a avaliação da religiosidade foi utilizado o instrumento Índice de Religiosidade da Universidade de Duke DUREL (alfa de Cronbach 0,75). Os resultados apontaram que 90,8% dos entrevistados referiram praticar alguma religião. A filiação religiosa católica foi a mais frequente com (67,7%), evangélica (30,8%) e espírita (1,3%). As variáveis sexo feminino e maior idade se associaram a maiores índices de religiosidade organizacional, não organizacional e intrínseca. Já as pessoas com conjuge/companheiro apresentaram maior religiosidade intrínseca. Diante dos dados apresentados pode-se concluir que a população estudada apresenta alto índice de religiosidade e que esse fenômeno está diretamente associado ao gênero e à idade.
Título em inglês
Religiosity and associated factors: a study of residents in Itajubá, Minas Gerais
Palavras-chave em inglês
Age
Gender
Religion
Resumo em inglês
The relationship between religiosity and health have been increasingly studied, and, evidences have shown that religious and spiritual practices can be associated with better physical health, greater longevity, better mental health and greater social support. However, there are few studies investigating this phenomenon, especially in the Brazilian reality. The aim of this study was to analyze
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-04-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.