• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2012.tde-16052012-104658
Documento
Autor
Nome completo
Tania Oliveira Lopes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Peres, Heloisa Helena Ciqueto (Presidente)
Mira, Vera Lucia
Silveira, Denise Tolfo
Título em português
Aula expositiva dialogada e aula simulada: comparação entre estratégias de ensino na graduação em Enfermagem
Palavras-chave em português
Acidente cerebrovascular
aprendizagem
Enfermagem-Estudo e Ensino
Simulação
Simulação de Paciente
Tecnologia educacional
Resumo em português
Este estudo teve como objetivo geral analisar a eficácia da aprendizagem dos discentes, imediatamente, 15 e 30 dias após a aula expositiva dialogada e a aula simulada em laboratório de enfermagem. Tratou-se de um estudo longitudinal de abordagem quantitativa, tipo experimento antes e depois, que se constitui de um método experimental verdadeiro para a comparação da apreensão do conhecimento dos alunos na aula expositiva dialogada e na aula simulada no laboratório de enfermagem, tendo hipótese que a aula simulada é mais eficaz do que a aula expositiva dialogada para a apreensão do conhecimento em AVC na enfermagem. A população deste estudo foi composta por 42 alunos do 6º semestre da graduação em enfermagem da Faculdade de Enfermagem do Hospital Israelita Albert Einstein, que foram randomizados estatisticamente em dois grupos, controle e experimental. Foram consideradas como variáveis intervenientes ao processo de ensino e aprendizagem: idade, atuação profissional na área da saúde, média ponderada das notas do primeiro e segundo anos letivos e a nota da avaliação progressiva do conhecimento de 2009. Ambos os grupos foram submetidos a uma aula sobre o reconhecimento dos sinais e sintomas do Acidente Vascular Cerebral (AVC) e suas condutas assistencias. O grupo controle foi submetido a uma aula dialogada expositiva e o grupo Experimental a uma aula simulada em laboratório de enfermagem. Nas duas intervenções foi utilizado como cenário pedagógico a Teoria da Aprendizagem Significativa. Os resultados da pesquisa demonstram que a estratégia de aula simulada no laboratório de enfermagem é mais eficaz para a apreensão do conhecimento de forma significativa pelos discentes de graduação em enfermagem, com diferença estatística significante de p<0,05 do momento pré para o momento imediatamente pós intervenção sobre os sinais e sintomas do AVC e as condutas assistenciais. Dessa forma a hipótese do presente estudo de que a aula simulada é mais eficaz do que a aula expositiva dialogada para a apreensão do conhecimento em AVC na enfermagem é verdadeira. Em relação ao seguimento longitudinal após 15 e 30 dias da intervenção, os grupos (controle e experimental) se comportaram de forma muito semelhante ao longo do tempo, ocorrendo um declínio da retenção do conhecimento em ambos os grupos, sem diferenças estatísticas significativas. Entretanto, o grupo experimental comportou-se com nota superior. Quanto a comparação da satisfação dos discentes na aula expositiva dialogada e na aula simulada, o grupo experimental que participou da aula simulada em laboratório de enfermagem evidenciou estar mais satisfeito e motivado para a apreensão do conhecimento sobre AVC. Este fato pôde ser comprovado por meio da comparação da satisfação dos discentes na aula expositiva dialogada e na aula simulada, bem como pelos relatos dos discentes que expressaram a importância da aula para propiciar uma visão real dos objetos de estudo contribuindo para uma aprendizagem significativa. Dessa forma este estudo possibilitou identificar e comparar a eficácia da apreensão do conhecimento na aula simulada em laboratório de enfermagem, bem como propiciou a compreensão da importância do planejamento educacional e da adoção de estratégias de ensino fundamentadas na Teoria da Aprendizagem Significativa, identificando a necessidade da capacitação pedagógica dos docentes de enfermagem
Título em inglês
Lecture Through Dialogue and Simulated Classroom: Comparing Teaching Strategies in Undergraduate Nursing
Palavras-chave em inglês
Educational Technology
learning
Nursing-Study and Teaching
Patient Simulation
Simulation stroke
Stroke
Resumo em inglês
This study aimed to analyze the effectiveness of students' learning, immediately, 15 and 30 days after the lecture and classroom dialogic simulated nursing lab. This was a longitudinal study of quantitative approach, like before and after the experiment, which consists of an experimental method for comparing the true understanding of students' knowledge in dialogued lecture in class and in simulated nursing lab, and hypothesis a simulated classroom is more effective than lecture dialogued for the apprehension of knowledge in stroke nursing. The study population consisted of 42 students of 6th semester of undergraduate nursing, School of Nursing of the Hospital Albert Einstein, who statistically were randomized into two groups, experimental and control. Were considered as intervening variables to the process of teaching and learning: age, professional activity in health, the weighted average of grades in the first and second school years and note the progressive assessment of knowledge, 2009. Both groups were subjected to a lecture on the recognition of signs and symptoms of stroke (CVA) and assists their conduct. The control group underwent a dialogic classroom expository and experimental group to a classroom in simulated nursing lab. In the two interventions was used as a pedagogic setting the Theory of Meaningful Learning. The survey results show that the strategy of class in simulated nursing lab is more effective for the acquisition of knowledge significantly by undergraduate students in nursing, with statistical significance of p <0.05 from pre to the time immediately post intervention on the signs and symptoms of stroke care and conduct. Thus the hypothesis of this study that simulated the lesson is more effective than lecture dialogued for the apprehension of knowledge in stroke nursing is true. In relation to the longitudinal follow-up after 15 and 30 days of the intervention groups (control and experimental) behaved very similarly over time, experiencing a decline in knowledge retention in both groups, without statistically significant differences. However, the experimental group behaved with top note. The comparison of the satisfaction of students in the lecture through dialogue and simulated classroom, the experimental group who attended the class in simulated nursing lab showed to be more satisfied and motivated for the apprehension of knowledge of stroke. This fact was proven by comparing the satisfaction of students in the lecture through dialogue and simulated in the classroom as well as by the reports of students who expressed the importance of class to provide a true picture of the objects of study contributing to a meaningful learning. Thus this study allowed to identify and compare the effectiveness of the acquisition of knowledge in the classroom in simulated nursing lab, as well as providing an understanding of the importance of educational planning and the adoption of teaching strategies based on the Theory of Meaningful Learning, identifying the need for pedagogical training of nursing faculty
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Tania_Lopes.pdf (3.92 Mbytes)
Data de Publicação
2012-05-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.