• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.7.2011.tde-20062011-155254
Documento
Autor
Nome completo
Jaqueline Maria de Sousa Soares
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Mira, Vera Lucia (Presidente)
Kobayashi, Rika Miyahara
Tronchin, Daisy Maria Rizatto
Título em português
Perfil de competências de enfermeiros de uma instituição hospitalar da rede privada
Palavras-chave em português
Competência profissional
Profissional de enfermagem
Recursos humanos
Resumo em português
A preocupação com a identificação das competências individuais dos profissionais da enfermagem torna-se fator principal para o desenvolvimento dos processos de seleção, avaliação de desempenho e treinamento e desenvolvimento. Este estudo foi desenvolvido com o objetivo geral de construir um perfil de competências de enfermeiros e os objetivos específicos de conhecer a relevância atribuída, pelo enfermeiro, aos indicadores de comportamentos das competências e redefinir as competências conforme os comportamentos que as compõem. O método utilizado foi o descritivo, exploratório com abordagem quantitativa. A população foi constituída pelos 125 enfermeiros de uma instituição hospitalar da rede privada (UCE). As fontes utilizadas para a construção do instrumento de coleta de dados foram os indicadores de comportamento das competências estabelecidas pelo COREN-SP, as organizacionais e as do enfermeiro propostas na Unidade Campo de Estudo, totalizando 17 competências e 89 indicadores de comportamento. A análise de consistência mostrou a confiabilidade do instrumento com a exclusão de três indicadores de comportamento. Após essa análise e análise fatorial, foram excluídos 16 indicadores de comportamento que não se apresentaram importantes a nenhum fator. Utilizando-se os 70 comportamentos, obteve-se 14 fatores com diferentes números de comportamentos em cada um deles. Esses fatores formados foram diferentes das distribuições dos indicadores de comportamentos nas diferentes competências. Os novos fatores foram nomeados pelos enfermeiros e surgiram 13 novas competências. São elas: Capacidade Analítica (6 indicadores de comportamento), Resiliência Organizacional (7 indicadores de comportamento), Capacidade de Negociação (6 indicadores de comportamento), Gerenciamento de Conflitos (5 indicadores de comportamento), Gestão Ética(7 indicadores de comportamento), Liderança Compartilhada (6 indicadores de comportamento), Planejamento Assistencial (6 indicadores de comportamento), Gestão Criativa (6 indicadores de comportamento), Articulação de Pessoas(5 indicadores de comportamento) e de Equipes (4 indicadores de comportamento), Liderança Arrojada (4 indicadores de comportamento), Capacidade Resolutiva (1 indicadores de comportamento)e Líder Coaching (5 indicadores de comportamento). Para os enfermeiros de uma instituição privada, observa-se que para o cargo gerencial, os indicadores de comportamento das competências são mais relevantes do que aqueles que estão ligados diretamente com a assistência ao paciente. Os indicadores de comportamentos que são relacionados a desenvolvimento de pessoas, tomada de decisão, delegar com autonomia e responsabilidade, gerenciamento de custos, comunicação, negociação, ter a visão do negócio, entender o cenário e o mercado que a instituição está inserida, ousadia, novos projetos, inovações, criatividade e sugestão de melhorias, não estão muito evidentes para os enfermeiros de um modo geral. Com este estudo evidenciou a necessidade de traçar um plano de desenvolvimento dos enfermeiros quanto às competências específicas para as suas áreas de atuação, além de validar as novas competências e seus indicadores de comportamento.
Título em inglês
Profile of nursess competences from a private healthcare institution
Palavras-chave em inglês
Human resources
Professional competence
Professional nursing
Resumo em inglês
The concern about individual competences identification in nursing professionals becomes the main factor in the development of Recruitment Processes, Performance Evaluation and Training & Development.This study was developed with the general goal of designing a competence profile of nurses and the specific objectives of knowing the given relevance, by nurses, to the behavior indicators of competence and redefine the competences according to the behavior which composes them.The method used was the descriptive, explorer with quantity approach. The population was made of 125 nurses from a private healthcare institution (UCE).The resources used to build the data collection instrument were the competence behavior indicator stablished by COREN-SP, the organizational and the Nurses ones, proposed in Campo Belo Unit with an overall of 17 competences and 89 behavior indicators.The consistency analysis showed the instrument reliability with the exclusion of 3 behavior indicators.. After this factor analysis, 16 indicators were excluded for not showing importance in any factor. Making use of the 70 behaviors, 14 factors with different numbers of behavior in each of them were obtained. These obtained factors were different in the behavior indicator distribution in the different competences.The new factors were named by the nurses and 13 new competences arose. Those are: Analysis Capacity (6 behavior indicators) Organizational Resilience (7 behavior indicators), Negotiation Capability (6 behavior indicators). Conflict Management(5 behavior indicators), Ethical Management (7 behavior indicators), Shared Leadership (6 behavior indicators), Assistence Planning (6 behavior indicators), Creative Management (6 behavior indicators) People Articulation (5 behavior indicators),Team Articulation(4 behavior indicators), Bold Leadership(4 behavior indicators), Resolution Capability (1 behavior indicator) and Coaching Leader (5 behavior indicators).For the nurses from a private instution, it is observed that for managing positions, the behavior indicator of competences are more relevant than those directly related to the straight assistence to patients. The behavior indicators which are related to people development, decision making, delegating with independence and responsibilty, cost management, comunication, negotiation, business vision, understand the scenario and market in which the institution is in, boldness, new projects, innovation, creativity and suggestions for improvement, are not really evident for the nurses in a general way. With this study it was highlighted the need of designing a development plan for nurses regarding specific competences in their areas, besides validating the new competences and behavior indicators.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-06-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.