• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.7.2010.tde-16122010-120232
Documento
Autor
Nombre completo
Heloise da Costa Lima Fernandes
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2010
Director
Tribunal
Oliveira, Maria Amelia de Campos (Presidente)
Alvarenga, Marcia Regina Martins
Pavarini, Sofia Cristina Iost
Título en portugués
O acesso aos serviços de saúde e sua relação com a capacidade funcional e a fragilidade em idosos atendidas pela Estratégia Saúde da Família
Palabras clave en portugués
Acesso aos serviços de saúde
Avaliação geriátrica
Fragilidade
Idoso
Programa Saúde da Família
Resumen en portugués
Este estudo teve por objetivo analisar a relação entre capacidade funcional e fragilidade ao acesso de idosos aos serviços de saúde oferecidos pela Estratégia Saúde da Família. Trata-se de um estudo transversal, descritivo, com amostra aleatória constituída por 128 idosos assistidos pela Estratégia Saúde da Família (ESF) em uma Unidade Básica de Saúde (UBS) de Embu das Artes, município da região metropolitana de São Paulo.Os instrumentos utilizados foram: Questionário para caracterização sóciodemográfica dos idosos; Questionário sobre acesso e utilização dos serviços de saúde; Índice de Katz e Escala de Lawton para avaliação da capacidade funcional e a Edmonton Frail Scale (EFS) para avaliação de fragilidade. Como resultados observou-se predomínio de idosos do sexo feminino, na faixa etária de 60 a 69 anos, de cor parda, com baixa escolaridade e de religião católica. Foi observado que 81,2% possuíam renda própria. A morbidade mais citada foi a hipertensão arterial. Quanto ao acesso 84,4% declararam utilizar exclusivamente serviços públicos de saúde e 48,4% referiram dificuldade de acesso aos serviços de saúde, tendo como principais causas barreiras arquitetônicas, citada por 13,3% e má qualidade dos serviços por 13,3%. A avaliação da capacidade funcional revelou que 68% apresentavam independência completa para as Atividades Básicas de Vida Diária(ABVD´s), nas Atividades Instrumentais de Vida Diária (AIVD´s) 27,3% apresentavam independência, 55,5% independência parcial e 17,2% dependência total. Com relação à fragilidade foi verificado que 48,5% eram não-frágeis, 21,4% eram aparentemente vulneráveis a fragilidade,13,6% apresentavam fragilidade leve, 6,8% fragilidade moderada e 9,7% fragilidade severa. Foi verificada associação significativa entre capacidade funcional e acesso, a maior parte dos idosos com algum tipo de dependência apresentou dificuldade de acesso. Não foi observado associação entre fragilidade e acesso. Espera-se que os resultados estimulem profissionais da Atenção Básica, especialmente da ESF a utilizarem estes instrumentos de rastreamento na avaliação dos idosos e reflitam se os serviços e a forma como são ofertados estão acessíveis aos idosos, considerando a condição funcional deste grupo etário.
Título en inglés
Health service accessibility and its relation with functional capacity and frailty in the elderly assisted by the Family Health Strategy
Palabras clave en inglés
Elderly
Family Health Program
Frailty
Geriatrica assessment
Health service accessibility
Resumen en inglés
The purpose of this study was to analyze the relation between the functional capacity and frailty of elderly individuals accessibility to the health service provided by the Family Health Strategy. This is a cross-sectional, descriptive study, which had a random sample comprised by 128 elderly individuals assisted by the Family Health Strategy (FHS) at a Primary Health Care Center in Embu das Artes, a city located in the metropolitan area of São Paulo. The instruments used were: Questionnaire for the socio-demographic characterization of the elderly; Questionnaire on the accessibility and utilization of health services; Katz Index and Lawtons Scale to evaluate functional capacity, and the Edmonton Frail Scale (EFS) to evaluate frailty. Results showed that most elderly participants were female, with 69 years of age, brown, with low educational level, and catholic. It was observed that 81.2% had their own income. The most referred morbidity was arterial hypertension. As for the accessibility, 84.4% reported using only public health services, and 48.4% referred facing difficulties regarding health service accessibility, mainly because of architectural barriers, as reported by 13.3%, and the poor quality of services, reported by 13.3%. The functional capacity evaluation revealed that 68% were fully independent for Activities of Daily Living (ADLs), in the Instrumental Activities of Daily Living (IADLs) 27.3% were independent, 55.5% partialy independnet, and 17.2% completely dependent. As for frailty, it was found that 48.5% were non-frail, 21.4% were apparently vulnerable to frailty, 13.6% presented mild frailty, 6.8% moderate frailty and 9.7% severe frailty. It was found there is a significant association between functional capacity and accessibility, the majority of the elderly with some form of dependence had accessibility difficulty. No association was observed between frailty and accessibility. The present study results could encourage primary health care professionals, especially those working with the FHS, to use these screening instruments to evaluate the elderly and analyze whether the services and how they are provided are accessible to the elderly, considering the functional condition of this specific age group.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Heloise_Fernandes.pdf (1.52 Mbytes)
Fecha de Publicación
2011-02-22
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.