• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.7.2012.tde-19042012-075829
Documento
Autor
Nome completo
Rocío Elizabeth Chávez Alvarez
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Hoga, Luiza Akiko Komura (Presidente)
Gonzalez, Jose Siles
Praça, Neide de Souza
Schritzmeyer, Ana Lúcia Pastore
Urquidi, Vivian Grace Fernandez Davila
Título em português
O cuidado das crianças no processo saúde-doença: crenças, valores e práticas nas famílias da cultura kabano da amazônia peruana
Palavras-chave em português
Antropologia cultural
Competência cultural
Cuidado da criança
Enfermagem transcultural
Modelos teóricos
Saúde indígena
Resumo em português
O presente estudo qualitativo teve como objetivo descrever e compreender o cuidado das crianças no processo saúde-doença sob a perspectiva das famílias de uma comunidade nativa do Peru. O Modelo para Competência Cultural de Purnell foi a base teórica que deu sustentação ao estudo. O método etnográfico com ênfase na etnoenfermagem, utilizando as técnicas da observação participante e da entrevista etnográfica, com cinco famílias durante um período de convivência de quatro meses em uma comunidade nativa; permitiu a compreensão da perspectiva dos informantes sobre o cuidado das crianças. Emergiram três temas culturais do conjunto dos dados: A estrutura sociocultural da comunidade Kabano e seu cotidiano, na qual a função desempenhada por cada membro representa um papel preponderante na estrutura sociocultural e no cotidiano da cultura. A promoção e preservação da saúde na comunidade Kabano é caracterizada por um cotidiano de limitações e dificuldades. Os papéis dos membros da família nuclear, da família ampliada, e do curandeiro e da parteira, referentes às atividades de cuidado cotidianas, visam à promoção da saúde e a vida do coletivo. As práticas no adoecimento das crianças são permeadas por grandes dificuldades apesar do suporte da rede social. As dificuldades são de natureza econômica e provêm das falhas no relacionamento e na comunicação do profissional de saúde com os membros da cultura e os déficits estruturais do estabelecimento de saúde. A assistência à saúde na cultura Kabano se encontra nas etapas iniciais do Modelo para Competência Cultural de Purnell, ou seja, um cuidado caracterizado pela inconsciência incompetente. Os resultados descritos neste estudo, se considerados, podem levar os profissionais a se aproximarem da competência inconsciente para o cuidado cultural da pessoa, da família e da comunidade.
Título em inglês
The care of children in the health-illness process: beliefs, values and practices in the families of kabanos culture from the peruvian amazon
Palavras-chave em inglês
Child care
Cultural anthropology
Cultural competency
Indigenous health
Theoretical models
Transcultural nursing
Resumo em inglês
This qualitative study aimed to describe and understand the care of children in the health-illness process from the perspective of the families of a native community in Peru. The Purnell Model for Cultural Competence was the theoretical framework that had supported the study. The ethnographic method with emphasis in the ethnonursing using the participant observation and ethnographic interview techniques with five families, during four months of coexistence in a native community; allowed to understand the informants perspective about the care of children. Three cultural themes emerged from the data set: The socio-cultural structure of Kabano's community and their everyday, in which the role played by each member represents a preponderant role in the socio-cultural structure and in the everyday of the culture. The promotion and preservation of health in Kabanos community is characterized by daily limitations and difficulties. The roles of the members of the nuclear family, extended family, and the healer and midwife, regarding the daily care activities, aim at promoting health and life of the collective. Practices in childrens illness are permeated by great difficulties despite the support of social network. The difficulties are of economic kind and come from failures in the relationship and communication between the health professional and the members of the culture and from the structural deficits of the health center. The health care in the Kabano culture is in the early stages of the Purnell Model for Cultural Competence, and characterized by a careful unconscious incompetent. The results described in this study, if they can bring to the professional approach the unconscious competence for cultural care of the person, family and community.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-04-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.