• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.71.2012.tde-19062012-141802
Documento
Autor
Nome completo
Sílvio Alberto Camargo Araujo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Morais, Jose Luiz de (Presidente)
Faccio, Neide Barrocá
Kashimoto, Emília Mariko
Reis Filho, Nestor Goulart
Tatumi, Sonia Hatsue
Título em português
Conhecer para preservar: arqueologia e inclusão social na bacia do Paranapanema superior
Palavras-chave em português
Arqueologia brasileira
Cenários de ocupação humana
Inclusão social do patrimônio arqueológico
Paranapanema superior
Resumo em português
Este trabalho apresenta a reunião de dados e informações sobre a arqueologia de 11 municípios do Paranapanema superior, lado paulista (municípios de Bonsucesso de Itararé, Buri, Capão Bonito, Guapiara, Itaberá, Itapeva, Itararé, Nova Campina, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande e Taquarivai), os quais juntos tem uma população de mais de 250 mil habitantes e passaram nos últimos 50 anos por diversas pesquisas acadêmicas e preventivas que renderam fragmentos e artefatos de sítios pré-históricos e históricos, além de milhares de páginas de teses, dissertações e relatórios técnicos escritos. Existem também artefatos, sítios arqueológicos, coleções particulares e museus municipais que estão à margem das ações de salvaguarda, preservação, conservação e extroversão da arqueoinformação, que necessitam de fundamentos básicos. Sendo assim integrou-se a arqueoinformação dos diversos setores sociais envolvidos com o objetivo de preservar e potencializar o uso do patrimônio arqueológico e suas conjunções. Para tanto se buscou informações com lideranças políticas, sociais, memorialistas, professores das redes públicas de ensino, colecionadores, assim como a compreensão da legislação municipal e a utilização social que envolve o patrimônio arqueológico regional. Foi constatado em alguns casos o intenso uso do patrimônio arqueológico e histórico-arquitetônico e a intenção na preservação, mas todos os municípios se mostram carentes de informações técnicas e científicas enquanto outros municípios se mostram totalmente alheios aos bens que portam ou portavam. Como parte dos resultados obtidos na pesquisa construiu-se alguns cenários de ocupações humanas para a área de estudo, consolidando-os em mapas, fotos e textos. Há necessidade da aproximação entre os segmentos sociais envolvidos (prefeituras, universidades, arqueólogos, museólogos, educadores, IPHAN, ONGs entre outros). No final se chega à conclusão de que não só é possível, mas muito importante para o desenvolvimento humano e ambiental da área de estudo (em especial a educação, a cultura e o turismo) a implantação de um Núcleo de Regional de Arqueologia e Meio Ambiente em Itapeva-SP que contribua, organize e sistematize por meio do conhecimento técnico científico o uso e a preservação do patrimônio arqueológico dos 11 municípios que se mostrou de considerável extensão.
Título em inglês
Know to preserve: archaeology and social inclusion in the upper basin paranapanema.
Palavras-chave em inglês
Brazilian archeology
Inclusion of archeology heritage scenarios of human occup
Upper Paranapanema
Resumo em inglês
This paper presents a collection of data and information on the archaeology of 11 towns in the Upper Paranapanema, in the paulista region (Bonsucesso de Itararé, Buri, Capão Bonito, Guapiara, Itaberá, Itapeva, Itararé, Nova Campina, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande and Taquarivaí) which, together, comprise a population of over 250,000 inhabitants and which, in the last 50 years, have been the focus of several preventive and academic researches, which yielded fragments and artifacts from prehistoric and historic sites, besides thousands of pages of theses, dissertations and recorded technical reports. There are also artifacts, archaeological sites, private collections and municipal museums which are on the fringe of the salvage, preservation and conservation policies. Feeding the archaeoinformation back on a regional level requires some basic principles. Hence, the archaeoinformation from several social sectors involved have been integrated with the goal to preserve and stimulate the use of the archaeological heritage and its connections. To accomplish that, political and social leaders, memorialists, public school teachers and collectors were sought. The aim was to understand the municipal legislation and the social use involved in the regional archaeological heritage. It was noticed, in some cases, the intensive use of the archaeological and historical heritage and an intention towards preservation, but all towns show a lack of technical and scientific information, while other places proved to be completely unaware of the assets they have or used to have. Some models of human occupation for the areas in context were developed with part of the results obtained, consolidating them on maps and illustrated texts. It is evident the need to bring together the social segments involved (municipalities, universities, archaeologists, museologists, educators, IPHAN (The National Historical and Artistic Heritage Institute), NGOs, among others). The conclusion is that it is not only possible but very important to the human development of the areas studied (especially education, culture and tourism) the establishment of a centre of regional archaeology to contribute to, organize and systematize through the application of technical and scientific knowledge the use and the preservation of the considerable archaeological heritage of the 11 towns investigated.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
aPRETEXTUAL.pdf (376.32 Kbytes)
bTESEVOLUMEI.pdf (7.06 Mbytes)
dTESEVOLUMEII.pdf (19.03 Mbytes)
Data de Publicação
2012-08-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.