• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.71.2012.tde-28082012-143626
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Fernanda Fischer
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Figuti, Levy (Presidente)
Afonso, Marisa Coutinho
Carvalho, Claudia Rodrigues Ferreira de
Título em português
Os moleques do morro e os moleques da praia: estresse e mortalidade em um sambaqui fluvial (Moraes, vale do Ribeira de Iguape, SP) e em um sambaqui litorâneo (Piaçaguera, Baixada Santista, SP).
Palavras-chave em português
Bioarqueologia
Estilo de vida
Hipoplasia linear de esmalte dentário
Infância
Mortalidade infantil
Resumo em português
Esta dissertação de mestrado tem por objetivo principal estabelecer os perfis de ocorrência de estresse e mortalidade de dois diferentes grupos pré-históricos de São Paulo - os construtores do sambaqui fluvial Moraes e do sambaqui litorâneo Piaçaguera - relacionando-os com o estilo de vida e subsistência de cada um desses grupos. O período foco de interesse foi o infantil mesmo que os indivíduos adultos estivessem sendo analisados. Foram considerados para tanto 88 indivíduos de Piaçaguera e 55 de Moraes, todos eles analisados para o estabelecimento do perfil de mortalidade. Já para a análise de hipoplasias foram considerados, respectivamente 28 e 21 indivíduos, que cumpriram os critérios de inclusão definidos para a análise. Como resultado observou-se uma alta mortalidade na infância em ambas as séries, no entanto com diferenças entre os períodos mais afetados. A série de Piaçaguera apresentou maior risco de morrer em períodos mais tardios da infância enquanto que Moraes apresentou maior risco ainda no período neonatal. Já ao se considerar as hipoplasias lineares de esmalte, há uma sinalização no sentido da ocorrência de estresse relativamente contínuo durante toda a fase intermediária da infância em Moraes, que não apresentou picos de ocorrência de defeitos hipoplásicos. Já para Piaçaguera, os dados sugerem a ocorrência de um período de maior ocorrência/susceptibilidade ao estresse, o qual corresponde a um pico de prevalência de defeitos hipoplásicos entre 3 e 4 anos.
Título em inglês
Kids from the hill and kids from the beach: stress and mortality in a riverine shellmound (Moraes, Valley of Ribeira Valley, SP) and in a costal shellmound (Piaçaguera, Santos, SP)
Palavras-chave em inglês
Bioarchaeology
Child mortality
Life style
Linear enamel hypoplasia
Prehistoric childhood
Resumo em inglês
This dissertation has as main objective to establish the profiles of occurrence of stress and mortality on two different prehistoric groups from São Paulo State, Brazil - the builders of the riverine shellmound Moraes and the builders of the coastal shellmound Piaçaguera - relating them to the lifestyle and subsistency of each of these groups. The period focus of interest was the childhood, even if the adults were being analyzed. In order to establish the mortality profile were analized 88 individuals from Piaçaguera and 55 individuals from Moraes. For the analysis of hypoplasias were considered, respectively, 28 and 21 individuals which met the inclusion criteria defined for the analysis. There is possible to stabilish that if the child mortality is very high in both series, there are strong differences between the ages periods more affecteds. The Piaçaguera's skeletal serie showed a higher risk of dying in later periods of childhood while Moraes had a higher risk in the neonatal period. Considering the data obteined for linear enamel hypoplasia, there is a signal towards the occurrence of stress relatively continuous throughout the intermediate phase of childhood in Moraes. For this sample there are no peaks of occurrence of hypoplastic defects. In contrast, the data produced for Piaçaguera's sample suggest the occurrence of a period of higher incidence / susceptibility to stress, which corresponds to a peak prevalence of hypoplastic defects between 3 and 4 years old .
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-09-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.