• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
https://doi.org/10.11606/D.74.2019.tde-04122019-094039
Documento
Autor
Nome completo
Rafaela Vincenzi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2019
Orientador
Banca examinadora
Bueno, Ives Cláudio da Silva (Presidente)
Alves, Teresa Cristina
Perna Junior, Flavio
Sakamoto, Leandro Sannomiya
Título em português
Metanogênese e parâmetros ruminais de bovinos Nelore submetidos a dietas com extrato de erva-mate (Ilex paraguariensis, St. Hilaire)
Palavras-chave em português
Aditivo
Confinamento
Fermentação ruminal
Gases de efeito estufa
Nutrição de ruminantes
Produção animal
Resumo em português
A erva-mate (Ilex paraguariensis, St. Hilaire) é uma árvore da família das Aquifoliáceas, nativa da região subtropical da América do Sul, caraterizada por apresentar propriedades diuréticas e anti-inflamatórias. O extrato de erva-mate já foi testado em frangos para melhorar a estabilidade da carne (0,5% do extrato aquoso de erva-mate). Entretanto, até o momento não existem relatos destacando o papel dessa erva na metanogênese ruminal. Assim, o objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da adição de extrato de erva-mate sobre a metanogênese, parâmetros ruminais, consumo de nutrientes e digestibilidade da dieta de bovinos Nelore canulados no rúmen. Foram utilizados oito bovinos machos, castrados, com peso vivo médio de 401,6 ± 32,3 kg, idade média de 2 anos e distribuídos em delineamento quadrado latino 4x4 com dois quadrados contemporâneos. Os animais foram alojados em baias individuais e divididos em quatro tratamentos com quatro níveis de inclusão (0, 0,5, 1 e 2%) de extrato de erva-mate na MS da dieta. O período experimental teve duração de 21 dias, sendo 14 dias de adaptação e 7 dias de coletas, onde foram coletadas amostras de gás metano, fezes, dieta e sobras, conteúdo ruminal para determinação de parâmetros ruminais e cinética fermentativa. A análise estatística dos resultados foi realizada através do procedimento MIXED do programa SAS 9.3. O efeito de nível foi avaliado pelo uso de polinômios ortogonais, separando-se os efeitos em linear e quadrático. Foi definida a probabilidade de 5% para efeito significativo. O extrato de erva-mate elevou o peso final e ganho médio diário (P<0,05), sem afetar o consumo de matéria seca (P>0,05). Não foram encontradas diferenças nas emissões de metano ruminal, digestibilidade e consumo de nutrientes (P>0,05). O aditivo não alterou o pH ruminal, mas afetou o N-NH3 que reduziu linearmente à medida que o nível de extrato aumentou na dieta (P<0,05). Com exceção do ácido isovalérico, todo os AGCC não foram influenciados pelo extrato de erva-mate (P>0,05).
Título em inglês
Methanogenesis and ruminal parameters of Nellore cattle submitted to diets with yerba mate extract. (Ilex paraguariensis, St. Hilaire)
Palavras-chave em inglês
Additive
Animal production
Feedlot
Greenhouse gases
Ruminal fermentation
Ruminant nutrition
Resumo em inglês
Yerba mate (Ilex paraguariensis, St. Hilaire) is a tree of the Aquifoliaceae family, native to the subtropical region of South America, characterized by its diuretic and anti-inflammatory properties. Yerba mate extract has already been tested on chickens to improve meat stability (0.5% of the yerba mate aqueous extract). However, to date there are no reports highlighting the role of this herb in rumen methanogenesis. Thus, the objective of the present study was to evaluate the effect of the addition of yerba mate extract on methanogenesis, ruminal parameters, nutrient intake and diet digestibility of fistulated Nellore cattle. Eight male castrated cattle with average live weight of 401.6 ± 32.3 kg, average age of 2 years were used and distributed in a 4x4 Latin square design with two contemporary squares. The animals were housed in individual pens and divided into four treatments with four levels of inclusion (0, 0.5, 1 and 2%) of yerba mate extract in the diet DM. The experimental period lasted 21 days, being 14 days of adaptation and 7 days of collection, where collected samples of methane gas, feces, diet and leftovers, ruminal content for determination of ruminal parameters and fermentative kinetics. The analysis of the results was performed using the SAS 9.3 MIXED procedure. The level effect was evaluated by the use of orthogonal polynomials, separating the effects into linear and quadratic. The probability of 5% was set for significant effect. Yerba mate extract increased final weight and average daily gain (P <0.05), without affecting dry matter intake (P> 0.05). No differences were found in rumen methane emissions, digestibility and nutrient intake (P> 0.05). The additive did not alter ruminal pH, but affected N-NH3 which decreased linearly as the extract level increased in the diet (P <0.05). With the exception of isovaleric acid, all SCFA were not influenced by yerba mate extract (P> 0.05).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ME10194055COR.pdf (1.79 Mbytes)
Data de Publicação
2019-12-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.