• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.74.2013.tde-11022014-091249
Documento
Autor
Nome completo
Carmen Maria Lucas Pedro Garrine
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2013
Orientador
Banca examinadora
Zanetti, Marcus Antônio (Presidente)
Melo, Mariza Pires de
Muradian, Ligia Bicudo de Almeida
Oliveira, Emanuel Almeida de
Tenuta Filho, Alfredo
Título em português
Efeitos de dois níveis de sulfato de cobre e cobre metionina no metabolismo e oxidação de lipídios em ovinos
Palavras-chave em português
Antioxidantes
Colesterol
Enzimas
Minerais
Resumo em português
O cobre está associado ao metabolismo de lipídios, sendo bastante importante na redução do colesterol, e à estabilidade oxidativa da carne, por fazer parte de algumas enzimas antioxidantes. Atributos esses que tornam cada vez mais interessante a pesquisa do uso do mineral em várias espécies, com vista a melhorar a qualidade de vida dos consumidores, uma vez que se pode reduzir o risco de doenças cardiovasculares e câncer, assim como dos fornecedores de carne pelo possível aumento da vida de prateleira e das características organolépticas do produto. Desse modo, o objetivo deste estudo foi determinar o efeito da suplementação com dois níveis de sulfato de cobre e cobre metionina sobre o metabolismo de lipídios e colesterol e estabilidade oxidativa lipídica da carne em cordeiros Merino x Texel. Para o efeito, um experimento foi conduzindo na FZEA, USP de Pirassununga utilizando 40 cordeiros Merino x Texel, que foram distribuídos aleatoriamente em 5 tratamentos, totalizando 8 animais em cada. Os animais foram alojados em gaiolas individualizadas para estudo de metabolismo e o experimento teve a duração de 120 dias. Os tratamentos usados foram: controle, sem adição; suplementação com 10 ou 30 mg de Cu/Kg de MS na forma de sulfato de Cobre; suplementação com 10 ou 30 mg de Cu/Kg de MS na forma de cobre metionina. Foram feitas biópsias do fígado dos animais no tempo zero para análise de cobre e colhidas amostras de sangue para dosagem sérica de Cu. Nos dias 0, 28 e 56 foram colhidas amostras de sague para dosagem de colesterol total, HDL e triglicerídeos. Ao final do experimento, os animais foram abatidos para colheita de amostras de fígado para determinação dos teores de Cu; dosagem das enzimas glutationa reduzida (GSH), glutationa oxidada (GSSH), atividade das enzimas antioxidantes, superóxido dismutase (SOD) e glutationa peroxidase (GP-x) e determinação dos níveis das substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARS). No momento da desossa foi medida a espessura da gordura subcutânea entre a 12ª e 13ª costela. No mesmo momento, foram colhidas amostras do músculo longissimus para dosagem de colesterol total, análise de perfil de ácidos graxos e TBARS. O músculo longissimus esquerdo foi retirado e congelado a vácuo por 12 meses, após os quais amostras foram colhidas e expostas no expositor refrigerado a 4°C para estudo da estabilidade oxidativa lipídica que foi acompanhada pelos valores de TBARS nos dias 0, 3 e 6. A suplementação com cobre proporcionou maior acúmulo de Cu no fígado (P<0,05), porém, a concentração do elemento no músculo não foi alterada pela suplementação. Não houve diferença significativa (P>0,05) para espessura de gordura subcutânea, concentrações séricas de triglicerídeos, colesterol total, HDL e LDL entre os tratamentos controle e suplementação com cobre, independentemente da fonte. A suplementação com cobre alterou o perfil de ácidos graxos da carne (P<0,05), com aumento na proporção do ácido láurico (C12:0) do grupo controle comparado com os demais tratamentos (P<0,05). Houve redução da concentração de colesterol no músculo longissimus (P<0,05) dos cordeiros suplementados com Cu em relação ao grupo controle, acompanhado de redução (P<0,05) da concentração da GSH e aumento da GSSG no fígado (P<0,05). Não houve efeito da suplementação para níveis de TBARS no fígado (P>0,05), mas houve efeito significativo (P<0,10) no longissimus colhido no momento da desossa. A suplementação com Cu não teve efeito sobre os valores de TBARS para as amostras dispostas na vida de prateleira, porém, houve aumento linear desses valores ao longo do tempo. A suplementação com Cu aumentou a atividade da SOD e GP-x (P<0,05) no fígado. Estes resultados sugerem que o cobre pode ser usado para melhorar a qualidade de carne sem afetar a sua estabilidade oxidativa lipídica.
Título em inglês
Effects of two levels of copper sulphate and copper-methionine on metabolism and lipid oxidation in sheep
Palavras-chave em inglês
Antioxidants
Cholesterol
Enzymes
Minerals
Resumo em inglês
Copper is associated with lipid metabolism, becoming very important in reducing cholesterol and oxidative stability of meat, because it is part of some antioxidant enzymes. These attributes make interesting the research of this mineral in various animal species to improve the quality life of consumers, since they can reduce the risk of cardiovascular diseases and cancers, as well as of the suppliers of the meat due to the possibility of increase the shelf life and organoleptic characteristics. So the aim of this study was to determine the effect of two levels of copper sulphate and copper methionine on lipid and cholesterol metabolism and lipid oxidative stability in meat of Merino x Texel lambs. For that, an experiment was conducted in the Faculty of Animal Science and Food Engineering, University of São Paulo, at the Pirassununga Campus using forty male lambs, Merino x Texel, randomly distributed into 5 treatments groups of 8 animals each. The animals were housed in individualized cages for the study of sheep metabolism, for a period of 120 days. Treatments used were: control, without addition of Cu (Co); 10 or 30 mg of Cu/kg of DM in the form of Cu sulphate (CuSO4); 10 or 30 mg of Cu/kg of DM in the form of copper methionine (Cu-methionine). Liver biopsies were carried out in all animals to determine initial hepatic Cu level. On day 0, 28 and 56 of the experiment blood were collected for analysis of total cholesterol, HDL cholesterol (HDL) and triglycerides. At the end of the experiment, animals were humanely slaughtered and liver samples were collected for later for analysis of Cu, reduced glutathione (GSH), oxidized glutathione (GSSG), glutathione peroxidase (GP-x), superoxide dismutase (SOD) and thiobarbituric acid reactive substances (TBARS). After 24 hours of cooling, left carcasses halves were sawed into two parts between the 12th and the 13th rib to obtain the fat thickness (EGSC). During sawing muscle sample from m. longissimus were collected for determination of cholesterol, fatty acids profiles and TBARS. At the same time, m. longissimus muscle entire was collected and frozen under vacuum for 12 months for study of oxidative stability. After that, steaks of m. longissimus were collected and exposed to "display life" (DL) (4°C) to study oxidative stability which was accompanied by TBARS values on days 0, 3 and 6. The copper supplementation resulted in higher concentration and accumulation of Cu in the liver (P<0.05), however, the concentration of Cu in muscle was not altered by supplementation (P>0.05). There was no significant effect (P>0.05) for fat thickness, serum triglycerides, total cholesterol, HDL and LDL between control and copper supplementation regardless of the source. The copper supplementation altered the fatty acid profile of the meat (P<0.05), with an increase in the proportion of lauric acid (C12: 0) in the control group compared with the other treatments (P<0.05). Copper supplementation reduced cholesterol concentration in m. longissimus (P<0.05) in supplemented lambs compared to the control group, this reduction was accompanied by reduction concentrations of GSH (P<0.05) and increasing of oxidized glutathione (GSSG) in the liver (P<0.05). There was no effect of Cu supplementation for TBARS in the liver however, there was significant effect on m. longissimus collected during sawing (P<0.10). There was no effect of Cu supplementation for TBARS in the m. longissimus exposed in the "Display Life after 12 months vacuum freezing (P>0.05), but there was a linear increase in TBARS values during this period. Cu supplementation increased the activity of SOD and GP-x (P<0.05) in the liver. These results suggest that copper can be used to improve meat quality without affecting the oxidative stability.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DO7305660COR.pdf (950.36 Kbytes)
Data de Publicação
2014-02-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.