• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.74.2017.tde-22022017-103354
Documento
Autor
Nome completo
Camilla Garcia Moreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2016
Orientador
Banca examinadora
Brandi, Roberta Ariboni (Presidente)
Balieiro, Júlio César de Carvalho
Basile, Roberta Carvalho
Dellova, Deise Carla Almeida Leite
Rezende, Adalgiza Souza Carneiro de
Título em português
Estudo exploratório sobre biometria e estimativa de peso vivo de jumentos da raça Pêga
Palavras-chave em português
Asininos
Desenvolvimento
Morfometria
Resumo em português
O jumento Pêga é uma raça nacional criada principalmente para a produção de muares marchadores, e possui valor econômico em todo território nacional. Com o objetivo de avaliar as medidas e índices morfométricos, eficácia de métodos de estimativa de peso vivo, bem como desenvolver uma fita de pesagem para jumentos da raça Pêga, foram utilizados 47 animais, 22 jumentas adultas e 25 jumentos em crescimento de ambos os sexos. As medidas morfométricas (peso fita; altura cernelha e garupa; distância codilho-solo; comprimento do corpo, cabeça, pescoço, espádua, dorso-lombo, garupa, antebraço e canela; perímetro torácico, de antebraço, canela e joelho; largura de cabeça, peito e anca) foram realizadas mensalmente com os animais posicionados em estação forçada em piso de concreto sem irregularidades ou inclinações. Após as mensurações, índices morfométricos foram calculados: índice dáctilo-torácico (IDT), de carga de canela (ICC), de conformação (ICF) e peso vivo verdadeiro (PVV). Para os jumentos em crescimento, equações lineares e não lineares descritas na literatura foram utilizadas para verificar sua aplicabilidade na fase de vida e espécie e desenvolveu-se uma equação para predição de peso com base na medida do perímetro torácico. Foi observado efeito do tempo de avaliação (P<0,001) e não houve efeito de sexo (P>0,05) para as medidas e índices morfométricos dos jumentos em crescimento. Os jumentos nascem com cerca de 14,86% do peso e 67,77% da altura das mães e aos seis meses atingem cerca de 40,37% do peso e 84,45% da altura. De acordo com a avaliação dos índices morfométricos, os jumentos adultos e em crescimento da raça Pêga são classificados como adaptados tanto à atividade de sela como tração, e que possuem maior capacidade de carga em relação aos equinos. Ao se comparar os métodos de pesagem, observou-se diferença (P<0,001) entre os pesos da balança eletrônica e fita de pesagem comercial para equinos, sendo que a fita subestima o peso dos animais em crescimento, sendo necessário correção deste em 1,76%. As equações não lineares e as lineares encontradas na literatura, elaboradas para equinos e outras raças de jumentos não se adequam aos animais da raça Pêga do nascimento aos seis meses de idade, portanto sugere-se a utilização da equação desenvolvida no presente estudo (PV(kg)= -156,43+2,5178*PT), que apresenta coeficiente de determinação (R2) de 0,9638 com o peso vivo dos animais em crescimento. A partir da equação desenvolvida no presente estudo pode ser possível a elaboração de uma fita métrica para pesagem dos jumentos da raça Pêga em crescimento, o que tornaria o acompanhamento do crescimento dos animais mais prático e confiável.
Título em inglês
Exploratory study on biometrics and body weight estimation of Pêga breed donkeys
Palavras-chave em inglês
Development
Donkeys
Morphometry
Resumo em inglês
The Pêga donkey is a national breed created mainly for the mules production, and has economic value throughout the national territory. In order to evaluate the measures and morphometric indexes, efficacy of live weight estimation methods, as well as to develop a weighing tape for Pêga donkeys, 47 animals were used, 22 adult donkeys and 25 growing donkeys of both sexes. The morphometric measures (weight tape, withers heigh, croup height, ground-to-ground distance, body length, head length, neck length, shoulder bone length, back-loin length, croup length, forearm length, shin length, thoracic perimeter, forearm perimeter, cinnamon perimeter, knee perimeter, head width, chest width and hip width) were performed monthly with the animals positioned at a forced station on a concrete floor without irregularities or slopes. After the measurements, morphometric indexes were calculated: dactyl-thoracic index (DTI), weigh in cannon index (WCI), conformation index (CI) and true live weight (TLW). For growing donkeys, linear and non-linear equations described in the literature were used to verify their applicability in the life stage and species, and an equation for weight prediction was developed based on the measurement of the thoracic perimeter. The effect of the evaluation time (P<0.001) was observed and there was no effect of sex (P>0.05) on morphometric measures and indexes of growing donkeys. The donkeys are born with about 14.86% of the weight and 67.77% of the height of the mothers and at six months they reach about 40.37% of the weight and 84.45% of the height. According to the evaluation of the morphometric indexes, adult and growing Pêga donkeys are classified as adapted to both saddle and traction activities, and have a higher carrying capacity in relation to equines. When comparing the weighing methods, we observed a difference (P<0.001) between the weights of the electronic scale and commercial weighing tape for equines, and the tape underestimates the weight of the growing animals, which needs to be corrected in 1, 76%. The nonlinear and linear equations found in the literature, elaborated for equines and other donkey races, are not suitable for the Pêga breed from birth to six months of age, so it is suggested to use the equation developed in the present study (PV Kg) = -156.43 + 2.5178 * PT), which presents coefficient of determination (R2) of 0.9638 with live weight of growing animals. From the equation developed in the present study it may be possible to create a measuring tape for weighing the growing Pêga donkeys, which would make monitoring the growth of the animals more practical and reliable.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DO6551191COR.pdf (1.23 Mbytes)
Data de Publicação
2017-03-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.