• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.74.2009.tde-26052009-101756
Documento
Autor
Nome completo
Rodrigo Lemos Meirelles
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2009
Orientador
Banca examinadora
Zanetti, Marcus Antônio (Presidente)
Borgatti, Laura Maria Oliveira
Del Claro, Gustavo Ribeiro
Franzolin Neto, Raul
Herling, Valdo Rodrigues
Título em português
Efeitos da suplementação de antioxidantes naturais em tecidos bovinos da raça Brangus
Palavras-chave em português
Antioxidantes
Minerais
TBARS
Resumo em português
Vinte e oito bovinos machos inteiros da raça Brangus foram utilizados para se determinar os efeitos da estabilidade oxidativa no músculo e no fígado, comparando a utilização de fonte orgânica e inorgânica de selênio e extrato de alecrim, com base na análise da concentração de selênio no fígado e no soro, na análise da atividade da enzima glutationa peroxidase, da enzima superóxido dismutase e da catalase no fígado, e na análise de TBARS (substâncias reativas ao ácido 2-tio-barbitúrico) no músculo. Os tratamentos foram: 1) Controle - sem suplementação de selênio ou de extrato de alecrim; 2) Se IN - 2 mg de selênio/kg de matéria seca na forma de selenito de sódio; 3) Se - 2 mg de selênio/kg de matéria seca, na forma de selênio-metionina; e 4) Alecrim - 1400 mg de extrato de alecrim/kg de matéria seca. O ganho de peso foi maior com a suplementação de selênio inorgânico (P<0,05) em relação ao tratamento controle, mas não apresentou diferença em relação aos outros tratamentos. A eficiência alimentar foi maior em todos os tratamentos quando comparados ao controle (P<0,05). A ingestão de matéria seca não foi alterada pelos tratamentos (P>0,05). A concentração de selênio no fígado foi maior no tratamento selênio inorgânico (P<0,05) do que no tratamento controle, entretanto os tratamentos alecrim e selênio orgânico não apresentaram diferença entre si (P>0,05). A concentração de selênio no soro foi maior nos tratamentos selênio orgânico e inorgânico em relação ao controle por todo o período (P<0,05). O perfil de ácidos graxos na carne não foi alterado pelos tratamentos (P>0,05). A atividade da glutationa peroxidase foi maior no tratamento selênio inorgânico em relação ao controle (P<0,05). A atividade da superóxido dismutase foi menor no tratamento alecrim (P<0,05). Tanto a atividade da enzima catalase quanto a análise de TBARS não apresentaram diferença entre os tratamentos (P>0,05).
Título em inglês
Supplementation effects of natural antioxidants on Brangus bovine tissues
Palavras-chave em inglês
Antioxidants
Minerals
TBARS
Resumo em inglês
Twenty eight Brangus males were used to determine the oxidative stability of muscle and liver in order to compare organic and inorganic selenium source and rosemary extract based on the analysis of selenium concentration in the liver and in the serum, on the analysis of glutathione peroxidase, superoxide dismutase and catalase activities in the liver and also based on TBARS analysis (substances related to 2-thiobarbituric acid) in the muscle. Treatments were: 1) Control . without selenium or rosemary extract; 2) Se IN . 2 mg selenium/kg dry matter, as sodium selenite; 3) Se . 2 mg selenium/kg dry matter, as selenium-methionine and 4)Rosemary . 1400 mg rosemary extract/kg dry matter. Weight gain was greater when inorganic selenium was used (P<0.05) in comparison with control, however there was no difference regarding the other treatments. Feed efficiency was higher than control for all treatments (P<0.05). Dry matter intake was not affected by treatments (P<0.05). Selenium concentration in the liver was greater for inorganic selenium (P<0.05) than for control, in spite of that rosemary and organic selenium did not differ between themselves (P<0.05). Selenium concentration in the serum was higher for organic and inorganic selenium treatments than for control during all the period (P<0.05). Fatty acid profile in the meat was not affected by the treatments (P<0.05). Glutathione peroxidase activity was greater for inorganic selenium treatment when compared to control (P<0.05). Superoxide dismutase activity was lower for the rosemary treatment (P<0.05). Neither catalase activity nor TBARS analysis differ among treatments (P<0.05).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DO4830831.pdf (720.38 Kbytes)
Data de Publicação
2009-05-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.