• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.74.2010.tde-29092010-141119
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Victorino da Silva Cruz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2010
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Carlos Augusto Fernandes de (Presidente)
Albuquerque, Ricardo de
Corrêa, Benedito
Fernandes, Andrezza Maria
Kamimura, Eliana Setsuko
Título em português
Ocorrência de aflatoxinas e fumonisinas em produtos à base de milho e milho utilizado como ingrediente de ração para animais de companhia, comercializados na região de Pirassununga, Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Alimentação animal
Cromatografia
Micotoxinas
Resumo em português
O trabalho teve por finalidade pesquisar, quantitativamente, a ocorrência de aflatoxinas (B1, B2, G1, G2) e fumonisinas (B1 e B2) em alimentos industrializados à base de milho comercializadas nos municípios de Pirassununga, Porto Ferreira, Leme e Araras, Estado de São Paulo e milho em grão utilizado na fabricação de ração para animais de companhia (PET) coletado no município de Porto Ferreira, Estado de São Paulo. Para isto, foram colhidas, no período de setembro de 2006 a fevereiro de 2007, milho em grão, fubá e farinha de milho, pertencentes a quatro diferentes marcas comerciais, totalizando 72 amostras. Para ração animal, foram colhidas 24 diferentes amostras de milho em grão no período de março a junho/2008 de diferentes produtores rurais. A determinação de aflatoxinas e fumonisinas foi efetuada através de cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE). Das 24 amostras comerciais analisadas, 23 de fubá (95,80%) e 20 de farinha de milho (83,30%), apresentaram concentração total de aflatoxinas abaixo de 5 µg/kg, apenas uma amostra de milho em grão (4,20%) apresentou níveis totais acima do permitido pelo legislação brasileira (20 µg/kg). Para fumonisinas, 47 amostras (65,30%) apresentaram níveis acima dos limites de detecção (30 µg/kg), sendo que 15 amostras de milho em grão (62,50%), 16 de farinha de milho (66,70%), e 15 de fubá (62,50%), apresentaram-se positivas para FB1. Em relação ao milho destinado à fabricação de ração animal, 100% das amostras analisadas apresentaram concentração total de aflatoxinas abaixo de 5 µg/kg e 100% apresentaram-se positivas para FB1. Os resultados do estudo foram utilizados para estimar o grau de exposição humana às aflatoxinas e fumonisinas, considerando as altas concentrações encontradas em produtos de milho e derivados comercializados na região de Pirassununga.
Título em inglês
Occurrence of aflatoxins and fumonisins in corn-based products and in corn used as ingredient for pet feeds commercialized in the area of Pirassununga city, São Paulo State
Palavras-chave em inglês
Chromatography
Mycotosins
Pet feeding
Resumo em inglês
The objective of this study was to verify the occurrence of aflatoxins (B1, B2, G1, G2) and fumonisins (B1 e B2) in industrialized foods made with corn commercially traded in the cities of Pirassununga, Porto Ferreira, Leme and Araras, state of São Paulo, and corn used for the manufacture feeds intended for pet feeding in Porto Ferreira City, São Paulo State. Seventy-two samples of corn kernels, corn meal and corn flour of four different commercial brands were collected from September 2006 to February 2007. In the case of pet feeding, 24 samples of corn kernels regarding different rural producers were collected from March to June 2008. Analysis of aflatoxins and fumonisins were accomplished by high performance liquid chromatography (HPLC). From 24 commercial samples analyzed, 23 of corn meal (95.80%) and 20 of corn flour (83.30%) showed total aflatoxins levels below 5 µg/kg, and only one sample of corn in grain (4.20%) with total aflatoxins concentration above the tolerance limit adopted by Brazilian regulations (20 µg/kg). As for fumonisins, 47 (65.30%) samples showed detectable levels (>30 µg/kg), being 15 samples of corn in grain (62.50%), 16 of corn flour (66.70%), and 15 of corn meal (62.50%) positive samples for FB1. In the case of corn used as ingredient for pet feeds, 100% of analyzed samples showed total aflatoxins levels below 5 µg/kg, and 100% were positive for FB1. The results of this study were used for estimation of the human exposure levels to aflatoxins and fumonisins, taking into account the high concentrations found in corn and corn-based products in the region of Pirassununga.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
DO5525151.pdf (1.29 Mbytes)
Data de Publicação
2010-09-29
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.