• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Samuel Thimounier Ferreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Santiago, Homero Silveira (Presidente)
Oliva, Luís César Guimarães
Oliveira, Fernando Bonadia de
Rezende, Cristiano Novaes de
Título em português
A correspondência entre Espinosa e Henry Oldenburg
Palavras-chave em português
Boyle
Espinosa
Imanência
Metafísica
Oldenburg
Resumo em português
Esta dissertação compõe uma história da correspondência, produzida de 1661 a 1676, entre o filósofo holandês Bento de Espinosa (1632-1677) e o alemão Henry Oldenburg (ca. 1619-1677), Secretário fundador da Royal Society e das Philosophical transactions, primeira revista do mundo dedicada exclusivamente à filosofia natural. O presente estudo visa a apresentar e analisar os principais temas tratados nas vinte e oito cartas supérstites, evidenciando a relevante contribuição dessa correspondência ao entendimento de certos aspectos da filosofia de Espinosa. Dividida em três períodos cronológicos, a análise resultante expõe, sumariamente, questionamentos sobre a metafísica espinosana, oposições sobre o cristianismo, além de um intercâmbio de informações políticas e científicas. Por fim, na conclusão, fornece-se uma síntese interpretativa de toda a problemática discutida, a fim de identificar um fio condutor entre os três períodos. Subsidiariamente, este trabalho também compreende o original latino, a tradução e a anotação de todas as cartas pertencentes à correspondência estudada. Complementa esse conjunto textual três cartas obtidas e anotadas por Gottfried Wilhelm Leibniz (1646-1716), cuja tradução, acompanhada do original latino, também se apresenta.
Título em inglês
The correspondence between Spinoza and Henry Oldenburg
Palavras-chave em inglês
Boyle
Immanence
Metaphysics
Oldenburg
Spinoza
Resumo em inglês
This thesis composes a history of the correspondence, written from 1661 to 1676, between the Dutch philosopher Benedict de Spinoza (1632-1677) and the German Henry Oldenburg (ca. 1619- 1677), founding Secretary of the Royal Society and editor of the Philosophical transactions, world's first journal dedicated exclusively to natural philosophy. The present study aims at presenting and analyzing the main themes dealt with in the twenty-eight remaining letters, evidencing the relevant contribution of this correspondence to the understanding of certain aspects of the philosophy of Spinoza. Divided into three chronological periods, the resulting analysis briefly exposes questions about Spinozas metaphysics, oppositions about christianity, and an exchange of political and scientific informations. Finally, in the conclusion, an interpretative synthesis of the whole problematic is provided in order to identify a guiding thread between the three periods. Subsidiarily, this work also includes the original latin text, translation and annotation of all letters belonging to the correspondence studied. This textual set is complemented by three letters obtained and annotated by Gottfried Wilhelm Leibniz (1646-1716), whose translation and latin text are also presented.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-09-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.