• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2010.tde-26102010-093744
Documento
Autor
Nome completo
Debora de Sá Ribeiro Aymoré
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Ramos, Mauricio de Carvalho (Presidente)
Lacey, Hugh Matthew
Mariconda, Pablo Ruben
Título em português
O modelo de Historiografia da ciência Kuhniano: da obra A estrutura das revoluções científicas aos ensaios tardios
Palavras-chave em português
Historiografia da ciência
Léxico
Paradigma
Thomas Kuhn
Resumo em português
O objetivo central de nosso trabalho é analisar criticamente os aspectos centrais do modelo de historiografia da ciência proposto por Thomas Kuhn (1922-1996). Para alcançar este objetivo, começaremos o nosso exame com A estrutura das revoluções científicas (1962), que contém a primeira formulação mais completa sobre a estrutura de desenvolvimento da ciência, juntamente com o Posfácio de 1969. Em seguida, investigaremos alguns dos ensaios publicados nas coletâneas A tensão essencial (1977) e O caminho desde a estrutura (2000). Ao final da análise veremos que a historiografia de Kuhn tem como base o postulado da história real da ciência e os pressupostos da relação entre a história e a filosofia da ciência, da centralidade do paradigma, da pluralidade de leituras de texto e da relação entre história interna e externa da ciência.
Título em inglês
Kuhnian historiography of science: from The strucuture of scientific revolutions until later essays
Palavras-chave em inglês
Historiography of science
Lexicon
Paradigm
Thomas Kuhn
Resumo em inglês
The central aim of our work is to critically examine the central aspects of the historiography of science proposed by Thomas Kuhn (1922-1996). To achieve this goal, we will begin our examination with The structure of scientific revolutions (1962), which contains the first more complete formulation about the structure of scientific development, along with the Postscript of 1969. Then we will also investigate some essays in the collections The essential tension (1977) and The road since Structure (2000). After the analysis we realize that Kuhn's historiography is based on the postulate of the real history of science and the assumptions of the relationship between history and philosophy of science, the centrality of the paradigm, the plurality of readings of text and the relationship between internal and external history of science.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-10-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.