• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2016.tde-01032016-145531
Documento
Autor
Nome completo
Cibele Barbalho Assensio
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Magnani, Jose Guilherme Cantor (Presidente)
Nascimento, Silvana de Souza
Silva, César Augusto de Assis
Título em português
Comunidade surda: notas etnográficas sobre categorias, lideranças e tensões
Palavras-chave em português
Comunidade surda
Deficiência auditiva
Libras
Liderança surda
Língua brasileira de sinais
Surdez
Resumo em português
O objetivo deste trabalho é empreender uma análise de um campo discursivo das práticas que conferem à surdez o estatuto de particularidade linguística e cultural. Para tanto, foi realizada pesquisa etnográfica em espaços caracterizados pela presença de sistemas de comunicação gestuais-visuais normatizados sob a forma da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS). Atentou-se também a aspectos históricos relativos à surdez e a formas disciplinares constitutivas da LIBRAS. Acompanhar o percurso de líderes surdos em espaços variados foi fundamental para revelar uma normatividade na qual a surdez é afirmada e performatizada em termos de língua e cultura. Ao mesmo tempo são constituídas tensões, disputas e lutas em torno dessa normatividade. Categorias identitárias, tais como cultura surda e comunidade surda, são constantemente mobilizadas por profissionais que atuam em defesa da libras e são referidas sobretudo a sujeitos classificados como surdos . Constatou-se, enfim, que líderes surdos ocupam posição de destaque ao atuarem como porta-vozes da coletividade linguística falante de libras.
Título em inglês
The deaf community: etnographic observations about categories, leadership and tensions
Palavras-chave em inglês
Auditory disability
Brazilian Sign Language
Deaf community
Deaf leadership
Deafness
Hearing impairment
LIBRAS
Sensory impairment
Resumo em inglês
The objective of this work is to analyze a discursive field of practices that grants deafness a status of linguistic and cultural particularity. For this purpose, ethnographic research was conducted in spaces characterized by the presence of gestural-visual communication systems normalized in the form of the Brazilian Sign Language (LIBRAS). Research on historical aspects regarding deafness and integral disciplinary forms of LIBRAS was also undertaken. Following the course of deaf leaders in varied spaces was crucial in revealing a normativity in which deafness is affirmed and performed in terms of language and culture. At the same time, tensions, disputes and struggles are formed around this normativity. Identifying categories, such as deaf culture and deaf community, are constantly mobilized by professionals that act in defense of LIBRAS and are referenced primarily in terms of subjects classified as deaf. Ultimately, it was determined that deaf leaders occupy a prominent position in acting as spokespeople for the linguistic collective of LIBRAS speakers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-03-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.