• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2010.tde-08022011-094359
Documento
Autor
Nome completo
Camila Aya Ischida
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Hikiji, Rose Satiko Gitirana (Presidente)
Sakurai, Célia
Schwarcz, Lilia Katri Moritz
Título em português
A experiência nikkei no Brasil: uma etnografia sobre imaginários e identidades
Palavras-chave em português
Cultura japonesa
Experiência
Identificações
Imaginário
Nikkei
Resumo em português
Comemorado o centenário da imigração japonesa no Brasil, no ano de 2008, em que termos é possível pensar a identidade nikkei? Na conjuntura social atual, esses descendentes são antes de tudo pessoas que mesmo possuindo um ancestral comum e a marca fisionômica peculiar, carregam experiências diversas no convívio e no embate com a alteridade. Não obstante assumir esse pressuposto, a hipótese que norteia a pesquisa é a de que um imaginário que associa os japoneses e seus descendentes a um ethos ligado à honestidade e ao esforço no trabalho e nos estudos foi sendo gradualmente forjado ao longo do tempo. O objetivo da pesquisa é investigar os processos de identificação de sujeitos nikkeis com esse imaginário, em outras palavras, buscar entender como identidades se constroem por meio da ressignificação do mesmo. O trabalho de campo foi orientado por entrevistas com descendentes de japoneses, moradores das cidades de São Paulo-SP, Maringá-PR e Astorga-PR, de diferentes perfis no que diz respeito à faixa etária, gênero, classes sociais e gerações. Metodologicamente não esteve pautado na busca por uma amostragem representativa da comunidade nikkei no Brasil, mas ancorado em explorar diferentes pontos de vista, biografias e narrativas. Em meio à multiplicidade das trajetórias, que elementos costuram as histórias e reflexões dos atores? Para além da esfera imaginário-discursiva, o trabalho de campo revelou também que discursos identitários podem ser modulados a partir do agenciamento de um repertório de valores, símbolos e códigos que os nikkeis atribuem e que são atribuídos à cultura japonesa. Raça e colônia/comunidade japonesas também foram categorias acionadas pelos interlocutores e uma breve incursão nessa questão foi realizada. A partir da perspectiva etnográfica, o objetivo consiste em mostrar como esse conjunto de valores, imagens, representações, estereótipos é conferido e auto-conferido ao nikkei e como é tematizado e vivenciado pelos sujeitos dessa pesquisa.
Título em inglês
The nikkei experience in Brazil: an ethnography of imaginaries and identities
Palavras-chave em inglês
Experiences
Identifications
Imaginary
Japanese culture
Japanese-Brazilians
Resumo em inglês
After the celebration of the Japanese immigration centenary in Brazil in 2008, how it is possible to conceive the nikkei identity? At the current social context, these Japanese-Brazilians are after all individuals who despite having the common ancestor and the peculiar physiognomic marker, they have different experiences in the relationship with alterity. Even considering this assumption, the hypothesis of this research is that an imaginary that associates the Japanese and Japanese-Brazilians with an ethos of honesty and discipline at work and studies has been gradually forged. The aim of this research is to investigate the identification process of the nikkeis (Japanese-Brazilians) with this imaginary, in other words, it intends comprehend how identities are built through the reception/rethinking of it. The fieldwork was based on interviews with Japanese-Brazilians who live at Maringá and Astorga, at Paraná State and São Paulo, capital, individuals with different profiles regarding to ages, gender, social classes and generations. Methodologically, it was not focused on searching a representative sample of the nikkei community in Brazil, but based on exploring different views, biographies and narratives. Among the multiplicities of trajectories, what elements articulate the actors histories and reflexions? Beyond the imaginary-discursive universe, the fieldwork also revealed that identitary discourses can be built through the agency of values, symbols and codes repertory, which the nikkeis attribute toJapanese culture. Race and Japanese colony/community also were categories used by the interlocutors and a brief approach in this issue was done. Through the ethnographic perspective, the aim consists in demonstrate how this arrangement of values, images, representations, stereotypes is perceived by the subjects of this research.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-02-08
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.