• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2007.tde-22112007-153535
Documento
Autor
Nome completo
Luís Roberto de Paula
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Durham, Eunice Ribeiro (Presidente)
Gallois, Dominique Tilkin
Monteiro, John Manuel
Oliveira Filho, João Pacheco de
Silva, Marcio Ferreira da
Título em português
Travessias: um estudo sobre a dinâmica sócio-espacial Xavante
Palavras-chave em português
Índios - Brasil
Territorialidade
Território
Xavante
Resumo em português
Este trabalho nasceu de uma situação etnográfica decorrente da minha atuação como assessor de políticas públicas voltadas para o atendimento dos direitos territoriais indígenas, quando participei dos trabalhos para a identificação e a delimitação de áreas reivindicadas como "terras tradicionalmente ocupadas" por conjuntos de grupos locais Xavante. A tese comporta dois movimentos analíticos, distintos em diversos aspectos, mas bastante interdependentes entre si. Num primeiro movimento, são apresentados e analisados aspectos fundamentais da estrutura social xavante do ponto de vista da espacialidade. O segundo movimento analítico tem por objetivo identificar e situar, numa perspectiva histórica, a genealogia da atual configuração sócio-espacial das nove terras indígenas xavante atuais e, particularmente, da T.I. Parabubure. São discutidas algumas das imagens e narrativas da dimensão mais ampla da dinâmica sócioespacial xavante - o "território xavante" - que, seria supostamente formado por um conjunto de territórios locais. O debate sobre território, terras e territorialidade é o núcleo que articula de maneira transversal esses dois movimentos analíticos.
Título em inglês
Crossings: a study about social-spatial dynamics of the Xavante
Palavras-chave em inglês
Indians - Brazil
Territoriality
Territory
Xavante
Resumo em inglês
This study was originated from an ethnographic situation in consequence of my assignment as an assessor in public policies geared to indigenous territorial rights, when I took part of activities identificating and delimitating areas claimed as "land traditionally occupied - by local groups of Xavante Indians. The thesis comprises two analytical movements, distincts in many aspects rather inter-dependent between them. In the first movement, fundamental aspects of the Xavante´s social structure are presented and analyzed in the light of space. The objective of the second analytical movement is to identify and situate, in a historical perspective, the genealogy of the present social-spatial configuration of the nine Xavante existing indigenous lands and, in particular, of T.I. Parabubure. Some of the images and narratives of the wider social-spatial dynamics of the xavante - the "Xavante territory", supposedly formed by a joint of local territories, are discussed. The debate about "territory", "indigenous land" a "territoriality" forms the core which articulates in a transversal manner these two analytical movements.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-01-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.