• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-23032016-131857
Documento
Autor
Nome completo
Vitor Pinheiro Grunvald
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Novaes, Sylvia Maria Caiuby (Presidente)
Bento, Berenice Alves de Melo
Bruno, Fabiana
Cesarino, Pedro de Niemeyer
Simoes, Julio Assis
Título em português
Existências, insistências e travessias: sobre algumas políticas e poéticas de travestimento
Palavras-chave em português
Arte
Marcadores sociais da diferença
Política
Subjetivação
Travestimento
Resumo em português
Esta tese é sobre políticas e poéticas do travestimento e, especialmente, sobre os regimes de produção de imagens-corpo agenciados a partir de algumas práticas de pessoas que se vestem com roupas do gênero associado ao sexo oposto. Inicialmente delimitada pelo trabalho de campo que realizei com pessoas que se autointitulam crossdressers, a pesquisa acabou se ampliando para abarcar sujeitos que se pensam a partir de outros territórios existenciais. Essa ampliação foi guiada pela própria dinâmica do campo, já que algumas pessoas com as quais fiz pesquisa passaram a entender suas experiências de maneira diversa daquela sugerida pela palavra crossdressing, propiciando uma compreensão desta prática ora como instanciação de um processo mais amplo de transformação ora como identidade reivindicada. Trata-se de refletir sobre os diferentes regimes de funcionamento do crossdressing e as travessias entre formas de vida distintas. Busco também pensar como alguns artistas se valeram do travestimento em seus agenciamentos artísticos na tentativa de acessar outras referências a partir das quais estas vivências pudessem ser compreendidas, além ou aquém de normatizações médico-legais tão presentes nos estudos sobre pessoas que se travestem. Desejo igualmente fomentar um campo de reflexão antropológica bastante escasso, a saber, aquele cuja consideração envolve tanto a arte contemporânea quanto seu cruzamento com discussões relativas ao gênero e à sexualidade.
Título em inglês
Existences, insistences and crossings: on some politics and poetics of cross-dressing
Palavras-chave em inglês
Art
Cross-dressing
Politics
Social marks of difference
Subjectivation
Resumo em inglês
This thesis is about politics and poetics of cross-dressing, and especially about regimes of production of the images-body assembled through some practices undertaken by people who dress themselves with clothes associated with the opposite sex. Initially bounded by the fieldwork I conducted with people who call themselves cross-dressers, the research was eventually expanded to encompass subjects who think of themselves out of others existential territories. This expansion was driven by the dynamics of the fieldwork, since some people with whom I did the research came to understand their experiences in a way different than the one suggested by the word cross-dressing, comprehending this practice as either an instantiation of a broader process of transformation or an identity. I aim to think distinct operating regimes of crossdressing and the crossings between different forms of life. I also consider the way some artists took advantage of the cross-dressing in their artistic assemblages in an attempt to access other references out of which these experiences could be understood, beyond or below the medical-legal norms usually taken into account in the studies of people who cross-dress. I also wish to foster an anthropological field quite scarce, namely, the one that gives consideration both contemporary art practices and its intersection with discussions related to gender and sexuality.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-03-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.