• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Waldirene Ribeiro do Carmo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Almeida, Regina Araujo de (Presidente)
Fonseca, Fernanda Padovesi
Freitas, Maria Isabel Castreghini de
Martinelli, Marcello
Sena, Carla Cristina Reinaldo Gimenes de
Título em português
A cartografia tátil na formação de professores de geografia: da teoria à prática
Palavras-chave em português
Cartografia tátil
Ensino de geografia
Resumo em português
A importância do uso de representações gráficas para o ensino e a pesquisa em Geografia é fundamental. Por meio destas representações é possível realizar análises sobre diversos tipos de informações geográficas, assim como as relações que podem ocorrer entre elas. No entanto, a maior parte das representações gráficas disponíveis está em formato impresso ou digital, ou seja, são elementos visuais, impossibilitando o acesso de pessoas com deficiência visual à informação. Os dados do Censo Escolar de 2013 apontam que mais de 90% dos estudantes com algum tipo de deficiência estão incluídos em salas regulares, a maior parte em Escolas Públicas. Estes dados demonstram a importância de fomentar debates sobre a educação inclusiva, sobretudo, com os professores da educação básica, para que práticas pedagógicas que realmente promovam a inclusão cheguem às salas de aula. Uma vez que os cursos de Licenciatura, de modo geral, não abordam de maneira satisfatória a inclusão de alunos com necessidades educativas especiais, os cursos para formação continuada de professores que propõem o uso da Cartografia Inclusiva em sala de aula podem representar renovações pedagógicas significativas não apenas para os alunos com deficiência visual, para os quais as práticas visuais são pouco motivadoras, adicionando mais uma dificuldade aos seus estudos, mas para todos os alunos. Assim a introdução da Cartografia Escolar, particularmente da linguagem gráfica tátil na formação de professores da Educação Básica pode contribuir para um Ensino Inclusivo de Geografia. A utilização de recursos gráficos táteis possibilita a superação de barreiras informacionais, contribuindo para a integração da pessoa com deficiência na escola, no trabalho e na vida diária, além de se transformar em um recurso didático passível de ser utilizado em todas as salas de aula e com todos os estudantes. Desenvolver materiais e métodos que ajudem no ensino de Geografia para todos, independentemente de suas diferenças, mas respeitando suas necessidades é um passo importante para a vivência plena do conceito de inclusão escolar. Esta tese de doutorado traz os resultados de 15 anos de reflexões teóricas, pesquisas e experiências práticas com formação de professores em Cartografia Tátil e teve como objetivo principal desenvolver uma metodologia para a formação de professores em Cartografia Tátil, inserida na área da Geografia Inclusiva, a partir da análise das experiências já realizadas com oficinas e cursos ministrados para formação de professores, nos últimos 10 anos. Foram sistematizadas e analisadas as experiências com formação de professores em Cartografia Tátil realizadas no Brasil e no Chile no período de 2006 a 2015. A tese apresenta também uma discussão sobre o processo de educação continuada para qualificação do professor de Geografia, particularmente com relação à possibilidade de conhecimento e incorporação das produções acadêmicas mais recentes na área de Cartografia Inclusiva às práticas cotidianas dos professores e ao final foi desenvolvida uma proposta didática para oficinas de formação continuada para professores, assim como uma proposta para a estrutura e o conteúdo de um caderno de orientação para o professor.
Título em inglês
Tactile cartography in geography teacher training: teory and practice
Palavras-chave em inglês
Geography teaching
Tactile cartography
Resumo em inglês
The importance of using graphical representations for teaching and research in geography is fundamental. By means of these representations is possible to perform analyses on various types of geographical information, as well as the relationships that can occur between them. However, most of the graphical representations are available in print or digital, i.e. they are Visual elements, preventing the access of people with visual disabilities to information. The 2013 School Census data indicate that more than 90% of the students with some type of disability are included in regular rooms, mostly in public schools. These data demonstrate the importance of stimulating debates on inclusive education, especially teachers of basic education, so that pedagogical practices that truly promote inclusion arrive to classrooms. Once the Degree courses generally do not satisfactorily address the inclusion of students with special educational needs, courses for continuing education of teachers who propose the use of cartography in Inclusive classroom can represent significant pedagogical renovations not only for students with visual impairment, for which Visual practices are little motivating by adding one more difficulty to your studies, but for all students. So the introduction of School Cartography, particularly tactile graphic language in the training of teachers of basic education can contribute to an inclusive teaching of geography. The use of tactile graphics resources enables the overcoming of informational barriers, contributing to the integration of the disabled person at school, at work and in daily life, in addition to becoming an educational resource to be used in all classrooms and all students. Develop materials and methods that help in teaching Geography for everyone, regardless of their differences, but respecting your needs is an important step for the full experience of the concept of school inclusion. This thesis brings the results of 15 years of theoretical reflections, research and practical experiences with teacher training in Tactile Cartography and had as main objective to develop a methodology for the training of teachers in Tactile Cartography, inserted in the area of Inclusive Geography, from the analysis of the experiences already carried out with workshops and courses for teacher training in the last 10 years. Systematized and analyzed the experiences with teacher training in cartography carried out in Brazil and Tactile in Chile during the period from 2006 to 2015. The thesis also presents a discussion on the continuing education process for qualification of professor of geography, particularly with regard to the possibility of knowledge and incorporation of the latest academic productions in the area of Inclusive practices everyday Cartography of the teachers and the end was developed a didactic proposal for continuing training workshops for teachers, as well as a proposal for the structure and content of a book of guidance for the teacher.
 
Data de Publicação
2017-02-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.