• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2013.tde-10042013-105124
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Silveira Molina
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Cruz, Rita de Cassia Ariza da (Presidente)
Garcia, Fernanda Ester Sanchez
Henriques, Eduardo Manuel Dias de Brito
Lencioni, Sandra
Vainer, Carlos Bernardo
Título em português
Mega-eventos e produção do espaço urbano no Rio de Janeiro: da "Paris dos Trópicos" à "Cidade Olímpica"
Palavras-chave em português
Centralidade urbana
Estrutura urbana
Fragmentação do espaço
Geografia urbana
Mega-eventos
Produção do espaço urbano
Resumo em português
O tema central desta tese se assenta no papel dos mega-eventos no processo de produção do espaço urbano do Rio de Janeiro desde o início do século XX, marcado pela produção da Paris dos Trópicos, até o momento atual inerente à produção da Cidade Olímpica. Os mega-eventos, configurando-se como verdadeiros espetáculos de ampla abrangência e visibilidade, são acompanhados de megaprojetos urbanos e induzem a diversas intervenções espaciais nas cidades, manifestadas materialmente através da construção de edificado, obras de infraestrutura, conquista de novos terrenos e ressignificações de usos e funções de áreas inteiras. Neste sentido, a partir de seus desdobramentos espaciais, compreende-se a importância que os mesmos possuem nos processos de fragmentação espacial, ao produzir parcelas do espaço valorizadas e vendidas enquanto solo urbano e, ainda, no reforço ou consolidação de áreas de centralidade, por induzir à concentração de investimentos e pessoas, e dinamizar o comércio, os serviços e os fluxos diversos no espaço intra-urbano da cidade, nossa escala de análise. Esta reflexão partiu da identificação do primeiro mega-evento realizado no Rio de Janeiro, a Exposição Nacional de 1908, seguida de outros cujas expressões concretas materializaram-se na cidade, impactando a estrutura urbana carioca em diferentes momentos, a saber: a Exposição Internacional de 1922, a Copa do Mundo de 1950, a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio-92), os Jogos Pan-Americanos de 2007 e, uma vez que o Rio de Janeiro sediará os Jogos Olímpicos de 2016, nossa análise se estende à estruturação da cidade nos dias atuais, norteada pela realização desse megaevento.
Título em inglês
Mega-events and the production of urban space in Rio de Janeiro: from "Paris of the Tropics" to "Olympic City"
Palavras-chave em inglês
Mega-events
Production of urban space
Space fragmentation
Urban centrality
Urban geography
Urban structure
Resumo em inglês
The central theme of this thesis is based on the role of mega-events in the production of Rio de Janeiro´s urban space from the early twentieth century, marked by the production of the "Paris of the Tropics", to the current moment inherent in the production of the "Olympic City". Mega-events, configured as spectacles of broad scope and visibility, are accompanied by urban mega-projects and induce to various spatial interventions in the cities, expressed materially by building constructions, infrastructure, conquest of new lands and new uses and functions of entire areas. In this sense, from these spatial expressions, we understand the importance they have in the processes of spatial fragmentation, as long as they produce fractions of space valued and sold as urban land and, also, in strengthening or consolidating areas of centrality, inducing the concentration of people and investments, and boost commerce, services and the various flows in intra-urban space of the city, which is our scale of analysis. This reflection came from the identification of the first megaevent held in Rio de Janeiro, the 1908 National Exhibition, followed by others which concrete expressions materialized in the city and impacted at different times of the urban structure: the 1922 International Exhibition, the World Cup of 1950, the United Nations Conference on Environment and Development (Rio-92), the Pan-American Games in 2007 and, since Rio de Janeiro will host the forthcoming Olympic Games in 2016, our analysis extends to the impacts on the structure of the city in current days, guided by the realization of this mega-event.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-04-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.