• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.8.2012.tde-26032013-105409
Documento
Autor
Nombre completo
Julia Marques Bellacosa
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2012
Director
Tribunal
Bombardi, Larissa Mies (Presidente)
Fernandes, Bernardo Mançano
Oliveira, Ariovaldo Umbelino de
Título en portugués
Os desafios da reprodução camponesa frente à expansão dos agrocombustíveis: o assentamento Monte Alegre - Araraquara - SP
Palabras clave en portugués
Agrocombustíveis
Assentamento Monte Alegre
Campesinato
Internacionalização do capital
Renda da terra
Resumen en portugués
O atual estágio de desenvolvimento do capitalismo, marcado por intensas mudanças desencadeadas pelo processo de mundialização do capital, traz fortes consequências para as populações camponesas. Inserido nesse contexto está o avanço dos agrocombustíveis em terras de reforma agrária, através de mecanismos de subordinação da produção camponesa aos complexos agroenergéticos. O crescimento significativo de cultivos para geração de energia ocorre no momento em que os agrocombustíveis são apontados como solução para o futuro do planeta. Dessa forma, o avanço do agronegócio no campo sob o viés dos agrocombustíveis, impõe novos desafios para repensar o campesinato brasileiro. No intuito de refletir sobre essa e outras questões, o trabalho ora apresentado constrói uma análise sobre a reprodução do campesinato brasileiro frente à expansão dos agrocombustíveis, tanto cana-de-açúcar, quanto oleaginosas para a produção de biodiesel, sob a perspectiva de um fragmento - o assentamento rural Monte Alegre, localizado na região conhecida como Califórnia Brasileira, uma área de agricultura modernizada, praticamente monopolizada pelas culturas de cana-de-açúcar e laranja. Trata-se de um dos mais antigos assentamentos do Estado de São Paulo, distribuído entre os municípios de Araraquara e Motuca, que se encontra no cerne dessas questões. Vislumbra-se, nesse sentido, que a análise sobre a reprodução do campesinato no âmago do desenvolvimento capitalista atual, através do estudo do movimento de territorialização e monopolização do território, possa desvendar as transformações recentes do campo brasileiro e ainda subsidiar uma reflexão acerca dos rumos pelos quais avança a reforma agrária brasileira frente à expansão dos agrocombustíveis.
Título en inglés
The challenges of peasantry reproduction against the expansion of agrofuels: the Monte Alegre settlement - Araraquara - SP
Palabras clave en inglés
Agrofuels
Internationalization of capital
Land income
Monte Alegre settlement
Peasantry
Resumen en inglés
The current stage of development of capitalism, marked by intense changes initiated by the process of globalization of capital, brings strong consequences for the peasant populations. Inserted into this context is the advance of agrofuels in lands of agrarian reform, through mechanisms of subordination of peasant production by the agroenergetic complex. The significant growth of crops for energy production occurs at a time when agrofuels are seen as a solution for the future of the planet. Thus the advance of agribusiness in the field under the bias of agrofuels poses new challenges to rethink the Brazilian peasantry. In an attempt to reflect on this and other issues, this presentation builds an analysis about the reproduction of the Brazilian peasantry against the expansion of agrofuels, both sugarcane and oilseed cropsl, from a fragment perspective - the rural settlement Monte Alegre, located in the region known as the "Brazilian California", a modernized agriculture area, dominated by the sugar cane and orange crops. This is one of the oldest rural settlements in the state of São Paulo, situated between the municipalities of Araraquara and Motuca, which lies at the heart of these issues. It is hoped that, in this sense, the analysis of the reproduction of the peasantry at the heart of capitalist development today, through the study of movement of territorialization and monopolization of territory, can unravel the recent transformations of the Brazilian countryside and even subsidize a reflection about the routes that advance Brazilian agrarian reform against the expansion of agrofuels.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2013-03-26
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.