• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2007.tde-30012008-120234
Documento
Autor
Nome completo
Carolina Todesco
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Cruz, Rita de Cassia Ariza da (Presidente)
Marins, Paulo César Garcez
Moraes, Antonio Carlos Robert
Título em português
Estado e terceiro setor na organização do espaço para o turismo no Vale do Ribeira
Palavras-chave em português
Estado
Organização do Espaço
Terceiro Setor
Turismo
Vale do Ribeira
Resumo em português
A presente pesquisa tem como estudo de caso a região do Vale do Ribeira, localizado no sul do Estado de São Paulo. A região possui uma população de cerca de 400 mil habitantes e apresenta os menores índices de desenvolvimento humano do estado mais rico do país, constituindo-se numa "área opaca" dentro da Região Concentrada. Por conter cerca de 20% dos remanescentes florestais da Mata Atlântica do Brasil, o Vale tem maior parte de seu território inserido em Unidades de Conservação implantadas, principalmente, a partir da década de 80, restringindo suas atividades econômicas tradicionais (agricultura e extrativismo mineral e vegetal). Este fato sustenta o discurso, pronunciado pelos órgãos públicos e organizações do Terceiro Setor, de que o (eco)turismo é uma alternativa para o Vale, entendendo-o como uma atividade capaz de dinamizar a economia regional e, conseqüentemente, amenizar os problemas e conflitos sócio-ambientais. Esta pesquisa teve por objetivo analisar as ações e o papel do Estado na (re)organização do espaço para o desenvolvimento do turismo na região do Vale do Ribeira, considerando também, o papel do chamado Terceiro Setor neste processo. Para isso, realizamos um levantamento das políticas públicas de desenvolvimento regional e de turismo, como também dos projetos desenvolvidos pelas organizações do Terceiro Setor direcionados ao Vale. Desta forma, pudemos observar que com as mudanças dos paradigmas orientadores das políticas públicas na década de 80, juntamente com a redemocratização, avanço do neoliberalismo e enxugamento da máquina estatal, o Estado até então centralizador da formulação, decisão e execução das políticas públicas, passa a deliberar às organizações do Terceiro Setor a incumbência de planejar o desenvolvimento regional do Vale do Ribeira, atuando por meio do financiamento de pequenos projetos. Esta nova face do Estado faz com que o desenvolvimento do turismo no Vale, em certa medida, dependa do nível de organização social de cada município ou comunidade e da capacidade destes de formular projetos para a captação de recursos públicos, ou do interesse de organizações exógenas em implantar projetos na região.
Título em inglês
State and third sector in the organization of the space for tourism in the Valley of the Ribeira
Palavras-chave em inglês
Organization of the Space
State
Third Sector
Tourism
Valley of the Ribeira
Resumo em inglês
The present research is a study case of the region of the Valley of The Ribeira, located in the south of São Paulo state. The region's population is about 400.000 habitants and it presents the lowest rates of human development in the richest state of the country, consisting in a "cloudy area" inside the Concentrated Region. Containing about 20% of the forest remainders of brazilian "Mata Atlântica" (Atlantic Forest), the Valley has the greatest part of its territory inserted into Units of Conservation, which were created, mainly, from the decade of 80, restricting its traditional economic activities (agriculture and mineral and vegetal extractivism). This fact supports the speech, pronounced by public agencies and organizations of the Third Sector, that the (eco)tourism is an alternative for the Valley, understanding it as an activity capable to develop the regional economy and, consequently, ease the problems and the socio-environmental conflicts. The aim of this research was analyze the actions and the paper of the State in the (re)organization of the space for developing tourism in the region of the Valley of the Ribeira, also considering the role of the called Third Sector in this process. Having this in mind, an analysis of the public politics for regional and tourism development was made, as well as projects developed by the organizations of the Third Sector in the Valley. In such a way, it was observed that, with the changes of the orienting paradigms of the public politics in the decade of 80 (and the redemocratization, advance of the neoliberalism and the weakeness of the power of the State), the State - until then centraliser of formulation, decision and execution of the public politics - has started to transfer the incumbency of planning Valley of the Ribeira's regional development to organizations of the Third Sector, financing them small projects. This new face of the State makes tourism development in the Valley, to a certain extent, dependent on the level of social organization of each city or community and on the capacity of these to formulate projects for the captation of public resources, or on the interest of organizations located outside the Valley in implanting projects in the region.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-02-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.