• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2017.tde-09032017-113715
Documento
Autor
Nome completo
Fernando Furquim de Camargo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Secco, Lincoln Ferreira (Presidente)
Barbosa, Wilson do Nascimento
Máo Junior, José Rodrigues
Rago Filho, Antonio
Takeshita, Sandra Regina Colucci
Título em português
O Brasil e a Guerra Civil Espanhola: fluxos econômicos e negociações oficiosas (1936-1939)
Palavras-chave em português
Brasil
Espanha
Guerra Civil Espanhola
Relações comerciais
Relações diplomáticas
Resumo em português
O objetivo desta pesquisa é analisar as relações entre o governo brasileiro e a Guerra Civil Espanhola. A partir da sublevação militar de 17 de julho de 1936, o cenário interno do estado espanhol tornou-se o epicentro do embate entre as forças conservadoras e a diversidade de grupos políticos de esquerda. Desde os seus primeiros momentos, a guerra civil transbordou as fronteiras espanholas e europeias. Se por um lado houve o envolvimento direto e indireto de países europeus, por outro, também houve substancial importância nas Américas. Assim, esta tese pretende desenvolver uma abordagem dos papéis existentes entre os órgãos públicos e privados relacionados ao governo Vargas e os grupos envolvidos na Guerra Civil Espanhola, sobretudo aqueles pertencentes aos militares sob o controle de Francisco Franco. As ações de órgãos como o Ministério de Relações Exteriores e do Departamento Nacional do Café, tiveram papel preponderante em um apoio oficioso aos rebelados, enquanto que as representações diplomáticas da Segunda República foram paulatinamente relegadas a uma situação marginal.
Título em inglês
Brazil and the Spanish Civil War: economic flows and unofficial negotiations (1936-1939)
Palavras-chave em inglês
Brazil
Commercial relations
Diplomatic relations
Spain
Spanish Civil War
Resumo em inglês
The aim of this research is to analyze the relations between the Brazilian government and the Spanish Civil War. From the military uprising of 1936 July 17th, the domestic scenery of Spanish State became the epicenter of a struggle between conservative forces and the diversity of left political groups. Since its first moments, the civil war crossed the Spanish and European borders. If, on the one hand, there was a direct and indirect involvement of the European countries, on the other hand, there was also a substantial significance in the Americas. Thus, this thesis intends to develop an approach between the roles of public and private organizations of Vargas government and the related groups of the Spanish Civil War, mainly those ones under the General Francisco Francos control. The attitudes of public bodies as the Brazilian Ministry of Foreign Affairs and National Coffee Department, it had a key role to an unofficial support to the insurgents, meanwhile, the diplomatic representations of Spanish Second Republic were gradually sent to a marginal condition.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-03-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.