• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2011.tde-03082011-084344
Documento
Autor
Nome completo
Pablo Henrique Spíndola Tôrres
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Albieri, Sara (Presidente)
Marques, Silvio Cesar Moral
Peluso, Luis Alberto
Título em português
A arte e o ofício de historiar: Foucault e a invenção do panoptismo
Palavras-chave em português
História
Michel Foucault
Panóptico
Panoptismo
Teoria
Resumo em português
Michel Foucault no seu livro Vigiar e punir, ao estudar o plano arquitetural do panóptico de Jeremy Bentham, inventa a concepção do panoptismo. Foucault tenta entender o panóptico dentro das problematizações do espaço, que para ele vão estar ligadas às dificuldades, no século XVIII, de lidar com o crescente aumento populacional e as transformações oriundas desta demanda. Segundo os escritos de Bentham, o panóptico é em sua estrutura física um prédio circular com uma torre central, de onde se pode observar as celas construídas a sua volta. Para empreender o estudo da invenção do panoptismo por Foucault, a pesquisa foi dividida em três capítulos. No Primeiro capítulo foi feita uma investigação sobre quais foram as prerrogativas do panoptismo, no sentido de inserir o pensador e sua obra dentro de um universo de produção. No segundo capítulo vai se falar de aproximações e divergências nas concepções de Foucault e Bentham do panóptico, em como Foucault o tomou como um indicativo de uma temporalidade. No terceiro capítulo foi feita uma divisão das fases do pensamento do autor, relacionando-as a arte e o ofício de historiar, para entender como é possível falar em invenção do panoptismo.
Título em inglês
The art craft of the historian: Foucault and the invention of the panopticon
Palavras-chave em inglês
History
Michel Foucault
Panopticon
Panoptism
Theory
Resumo em inglês
Michel Foucault in his book Discipline and Punish (Vigiar e punir) invents the concept of panoptic studying its architectural plan elaborated by Jeremy Bentham. Foucault tries to understand the panoptic inserted in problems about space that are, for him, connected to difficulties, in the XVIII century, to deal with population growth and its transformations. According to Bentham, the physical structure of panoptic is a circular building with a central tower, where someone can observe the cells constructed around it. To achieve the panoptism invention by Foucault, the dissertation was divided in three chapter. In the first was made an investigation about panoptism circumstances in order to inset the author and his work in a universe of production. The second deals with Foucault and Benthams approximations and divergences on conceptions about the panoptic. Besides this, the second chapter shows how Foucault takes the panoptic as an indicative of one temporality. The third chapter makes splitting in Foucaults thought in phases, connect them with the art and the métier of make history to understand how it can tell about panoptism invention.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
2010_PabloSpindola.pdf (981.83 Kbytes)
Data de Publicação
2011-08-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.